Ainda Existem Crianças na Vila Kennedy

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Ainda Existem Crianças na Vila Kennedy
Bandeira do GRCESM Ainda Existem Crianças na Vila Kennedy.png
Fundação 21 de abril de 1991 (26 anos) [1]
Cores

Vermelho

Branco
Símbolo Um menino e a Estátua da Liberdade [1]
Bairro Vila Kennedy [1]

Grêmio Recreativo Cultural Escola de Samba Mirim Ainda Existem Crianças na Vila Kennedy (ou simplesmente Ainda Existem Crianças na Vila Kennedy) é uma escola de samba mirim da cidade do Rio de Janeiro. Está sediada na Travessa Nebraska, número 15, na Vila Kennedy, em Bangu. Foi fundada em 21 de abril de 1991.[1] Participa do desfile oficial das escolas de samba mirins, realizado no Sambódromo da Marquês de Sapucaí.[2]

História[editar | editar código-fonte]

A escola foi fundada em 21 de abril de 1991.[1]

Em seus desfiles, reeditou vários enredos da Portela. Em 2008, "Hoje tem marmelada!" (de 1980). Em 2009, "Incrível! Fantástico! Extraordinário!" (de 1979). Em 2011, "Das maravilhas do mar, fez-se o esplendor de uma noite" (de 1981).[3][4] No ano seguinte, novamente reeditou um samba-enredo da Portela, desta vez, "Lapa em três tempos", de Ary do Cavaco, sendo a sexta escola a desfilar na Marquês de Sapucaí na sexta-feira (17/02/2012) de carnaval. Em 2013 reeditou o enredo de 1988 da Portela ("Na lenda carioca, os sonhos do vice-rei"). Em 2014 desfilou um enredo autoral sobre Brasília. Em 2015 fez um desfile sobre o carnaval. E em 2016, sobre as Olimpíadas.[5]

Segmentos[editar | editar código-fonte]

Presidência[editar | editar código-fonte]

Presidente Período Referências
Dona Turquinha 2000 - 2012 [6]

Intérprete[editar | editar código-fonte]

Intérprete Período Referências
Gustavo Rocha 2009 - 2012 [7][8][9]
Rodrigo Tinoco 2016 [10]
Rodrigo Tinoco e Vinícius Vila Kennedy 2017 [11]

Comissão de frente[editar | editar código-fonte]

Coreógrafo(a) Período Referências
Claudia Vick 2009 [7]
Cláudia Vick e Adriando 2011 [8]

Mestre-sala e Porta-bandeira[editar | editar código-fonte]

Casais Período Referências
João Felipe e Roberta Lopes (1.º Casal)

Thaynara Accácio e Ruan (2.º Casal)

2009 [7]
Thainara e Luiz 2011 - 2012 [8][9]

Bateria[editar | editar código-fonte]

Mestres[editar | editar código-fonte]

Diretores de bateria Período Referências
Mestres Maguinho
e Wagner Torres
2009 [7]
Mestres Alan, Cláudio e Wagner 2011 - 2012 [8][9]

Rainhas[editar | editar código-fonte]

Rainha de bateria Período Referências
Kiane 2009 [7]
Rayane Ribeiro 2014 - 2015

Direção[editar | editar código-fonte]

Carnaval[editar | editar código-fonte]

Diretores de carnaval Período Referências
Otacílio Acácio dos Santos 2008 [12]
Artur Accacio 2009 [7]
Artur Accaio e Thaynara Accacio [8][9]

Harmonia[editar | editar código-fonte]

Diretores de harmonia Período Referências
Orlando Ferreira Junior
("Xará") e Elizabete ("Beta")
2009 - 2012 [7][9]
Bruno 2011 - 2012 [8][9]

Carnavais[editar | editar código-fonte]

Mangueira do Amanhã
Ano Enredo Compositores
do samba-enredo
Carnavalesco Ref.
2000 "Do Navio Negreiro à Senzala" [1]
2004 "Todo menino é rei" [1]
2008 "Hoje tem marmelada!"
(Reedição do enredo de 1980 da Portela)
David Corrêa, Jorge Macedo e Norival Reis Sylvio Cunha [12][1]
2009 "Incrível! Fantástico! Extraordinário!"
(Reedição do enredo de 1979 da Portela)
David Corrêa, J. Rodrigues e Tião Nascimento Sylvio Cunha [7][13][1]
2010 "Meu Brasil brasileiro" Sylvio Cunha [14][15][1]
2011 "Das maravilhas do mar, fez-se o esplendor de uma noite"
(Reedição do enredo de 1981 da Portela)
David Corrêa e Jorge Macedo Sylvio Cunha [8][16][1]
2012 "Lapa em três tempos"
(Reedição do enredo de 1971 da Portela)
Ary do Cavaco e Rubens Alves de Sousa Sylvio Cunha [9][17][1]
2013 "Na lenda carioca, os sonhos do vice-rei"
(Reedição do enredo de 1988 da Portela)
Carlinhos Madureira, Isaac, Luizinho, Mauro Silva e Neném Sylvio Cunha [18]
2014 "Brasília, destino dos corações brasileiros na Copa do Mundo de 2014" Américo C. Borges, Lúcio Mariano e Darcy Maravilha [19][20][21]
2015 "Do profano ao sagrado" [22]
2016 "De Zeus aos braços do Redentor, Olimpíada do Rio com amor" Lúcio Mariano e Américo da Costa Borges [10]
2017 "Turquinha é samba a rigor e fantasia" Lúcio Mariano e Américo da Costa Borges Gustavo Pessoa [11]

Premiações[editar | editar código-fonte]

Ano Prêmio Categoria / premiados Ref.
2016 Troféu Olhômetro Harmonia [23][24]

Referências

  1. a b c d e f g h i j k l «Informações». Site Academia do Samba. Consultado em 9 de julho de 2017. Cópia arquivada em 3 de outubro de 2016 
  2. Guia Oficial do Carnaval do Rio. «G.R.C.E.S.M. Ainda Existem Crianças na Vila Kennedy - A escola mirim é a quarta agremiação a desfilar na Sapucaí.». Consultado em 24 de março de 2011 
  3. Extra (22 de junho de 2010). «Escolas de samba mirins apresentam enredos e lançam CD». Consultado em 17 de março de 2011 
  4. «Debaixo de chuva, escolas de samba mirins reeditam enredos na Sapucaí». G1.com. 5 de março de 2011. Consultado em 10 de setembro de 2016 
  5. «Escolas mirins encantam o público no Sambódromo». Carnavalesco.com. Consultado em 10 de setembro de 2016 
  6. «Diretoria». www.academiadosamba.com.br. Consultado em 10 de setembro de 2016 
  7. a b c d e f g h «Ainda Existem 2009». www.academiadosamba.com.br. Consultado em 10 de setembro de 2016 
  8. a b c d e f g «Ainda existem 2011». www.academiadosamba.com.br. Consultado em 10 de setembro de 2016 
  9. a b c d e f g «Ainda existem 2012». www.academiadosamba.com.br. Consultado em 10 de setembro de 2016 
  10. a b Samba Conexão News (5 de dezembro de 2015). «Confira os Sambas de Enredo - Escolas Mirins - carnaval 2016.». Consultado em 24 de fevereiro de 2016. Cópia arquivada em 24 de fevereiro de 2016 
  11. a b «2017». Site Rádio Arquibancada. Consultado em 16 de julho de 2017. Cópia arquivada em 16 de julho de 2017 
  12. a b «Ainda Existem 2008». www.academiadosamba.com.br. Consultado em 10 de setembro de 2016 
  13. «Desfile 2009». www.academiadosamba.com.br. Consultado em 10 de setembro de 2016 
  14. «Ainda Existem 2010». www.academiadosamba.com.br. Consultado em 10 de setembro de 2016 
  15. «Desfile 2010». www.academiadosamba.com.br. Consultado em 10 de setembro de 2016 
  16. «Desfile 2011». www.academiadosamba.com.br. Consultado em 10 de setembro de 2016 
  17. «Desfile 2012». www.academiadosamba.com.br. Consultado em 10 de setembro de 2016 
  18. «Escola de samba mirim da Vila Kennedy se prepara para entrar na avenida». Portal EBC. 29 de janeiro de 2013. Consultado em 10 de setembro de 2016 
  19. «2014». Site SRZD - Sidney Rezende. Consultado em 16 de julho de 2017. Cópia arquivada em 16 de julho de 2017 
  20. «Escolas Mirins preparam desfile para encerrar o carnaval carioca em grande estilo». Galeria do Samba. Consultado em 10 de setembro de 2016 
  21. «Escolas Mirins preparam desfile para encerrar o carnaval carioca em grande estilo». Carnavalesco.com. Consultado em 10 de setembro de 2016 
  22. «2015 2». Site Agência Brasil. Consultado em 9 de julho de 2017. Cópia arquivada em 9 de julho de 2017 
  23. «AESM-RIO: Vencedores do Troféu Olhômetro e Estandarte do Samba». www.carnavalcarioca.com. Consultado em 10 de setembro de 2016 
  24. «AESM-Rio define escolas premiadas com os troféus Olhômetro e Estandarte do Samba Mirim». www.obatuque.com. Consultado em 10 de setembro de 2016 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]