Estrelinha da Mocidade

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Estrelinha da Mocidade
Bandeira do GRCESM Estrelinha da Mocidade.png
Fundação 2 de junho de 1992 (25 anos) [1][2]
Escola-mãe Mocidade Independente de Padre Miguel [1][2]
Cores

Verde

Branco
Símbolo Estrela-guia [1]
Bairro Padre Miguel [1]

GRCESM Estrelinha da Mocidade é uma escola de samba mirim da cidade do Rio de Janeiro, que participa todos os anos do desfile oficial de escolas de samba mirins, realizado, desde 1999, na sexta-feira de Carnaval, na Marquês de Sapucaí.

História[editar | editar código-fonte]

A Estrelinha foi fundada em 1992, e teve como sua primeira presidente, Beth Andrade.

Após o primeiro desfile, a escola pediu uma licença sem vencimento já para o carnaval de 1994, retornando às atividades somente em 2002, com o primeiro mandato do presidente Paulo Vianna.

Em 2011, reeditou o samba-enredo da Mocidade de Padre Miguel de 2002.[3][4]

Em 2013, reeditou o samba "Sonhar não custa nada, ou quase nada".[5]

Segmentos[editar | editar código-fonte]

Presidentes[editar | editar código-fonte]

Nome Mandato Ref.
Ricardo Dias 2010/2014 [6]
Dhiego Gervazzoni 2014/2015 [6]
Celia Andrade 2015/2016 [7]
Gabriel Azevedo 2016/2017

Intérpretes[editar | editar código-fonte]

Ano Nome Ref.
2012 Thiago Acácio [8]
2016-presente Millena Wainer [7]

Direção de Carnaval[editar | editar código-fonte]

Ano Diretor de Carnaval Diretor de harmonia Mestre de bateria Ref.
2015 Marcos Salles ? Andre
2016 Gabriel Azevedo e Paulinho Vianna Louis Jorge Vitor

Comissão de Frente[editar | editar código-fonte]

Ano Nome Ref.
2016 Saulo Finelon e Jorge Teixeira

Coreógrafo[editar | editar código-fonte]

Ano Nome Ref.
2014/2015 Vânia Reis
2015/2017 George

Mestre-sala e Porta-bandeira[editar | editar código-fonte]

Ano Nome Ref.
2015 Jeffinho e Fofinha
2016 Jeffinho e Fofinha

Corte de bateria[editar | editar código-fonte]

Ano Rainha Ref.
2015 Andressa Regina
2016 Maria Clara

Carnavais[editar | editar código-fonte]

Estrelinha da Mocidade
Ano Enredo Compositores
do samba-enredo
Carnavalesco Ref.
1993 "Em ritmos de Momo" Vicente de Paula [1]
2004 "Era uma vez" Evaldo Júnior, Iuri Abs, Leonardo da Vinci e Renan [1]
2005 "Brasil abraça a França num vôo de liberdade, igualdade e fraternidade" Felipe, Alan, Hugo e Raphael Chiquinho Murta [1]
2006 "Criança: carnaval, fantasia e alegria no tempo da vovó" Felipe Carvalho e Diego Nicolau [1]
2007 "Criança Rio 2007, esporte, amor e alegria no PAN da Estrelinha" Gabriel Azevedo e Lucas Azevedo Sidiney Rocha [1]
2008 "O meu melhor amigo é o bicho" Arlindo Neto, Evaldo Júnior, Iuri Abs, Leozinho Nunes, Lucas Azevedo, Nuno do Banjo e Paulinho Vianna Alex de Oliveira, Ricardo Dias, Marcelo Costa, Roberto Rangel e Edson Menezes [1]
2009 "No sabor da imaginação, a Estrelinha faz um carnaval de delícias" Arlindo Neto, Iuri Abs, Evaldo Jr, Paulinho Vianna, Gustavinho, Nuno, Leonardo da Vinci, Kaike e Gabriel Azevedo Marcelo Costa e Ricardo Dias [1]
2010 "Grandes gênios, pequenos inventores! A energia é o nosso futuro" Gabriel Sorriso, Thiago Monteiro e Higor Machado Levi Cintra e Ricardo Dias [1]
2011 "O grande Circo Místico"
(Reedição do enredo de 2002 da Mocidade)
Beto Corrêa, Dico da Viola, Jefinho e Marquinho Índio Levi Cintra e Ricardo Dias [1]
2012 "A novidade vem lá de Padre Miguel: Estrelinha, 20 anos a despontar no céu – Uma fábula sobre o futuro" Gabriel Sorriso, Thiago Monteiro e Thiago Acácio Levi Cintra [8][1]
2013 "Sonhar não custa nada, ou quase nada"
(Reedição do enredo de 1992 da Mocidade)
Dico da Viola, Moleque Silveira e Paulinho Mocidade Leonardo Bora [1]
2014 "Chegou a hora desta nossa molecada mostrar seu valor" Diego Nicolau, Gabriel Teixeira, Matheus Grieco e Rafael Tinguinha Vinicius Ferraz [9]
2015 "Pra sempre no seu coração, carnaval da doação"
(Reedição do enredo de 2003 da Mocidade)
Santana e Ricardo Simpatia Marcos Salles [10]
2016 "Buuuuu!" Thiago Acácio, Lucas Azevedo, Victor Oliveira Pires, Millena Wainer, Raphael Farias, Victor França Pires, Igor Souza, Matheus Grieco, Rafael Faustino, Vitor Jayme, Igor Rocha e Mateus Pranto Levi Cintra [7]
2017 "Alice no País da Estrela Guia" Lucas Azevedo, Millena Wainer, Vitor França, Jotinha, Robert Pierrout, Vitor Jayme, Mateus Almeida, Rafael Faustino, Raphel Gravino, Thatiane Carvalho, Igor Souza e Igor Reis Reinalto Silveira [7][2]

Referências

  1. a b c d e f g h i j k l m n o «Informações». Site Academia do Samba. Consultado em 9 de julho de 2017. Cópia arquivada em 9 de julho de 2017 
  2. a b c «Fundação». Site oficial da Mocidade Independente de Padre Miguel. Consultado em 9 de julho de 2017. Cópia arquivada em 9 de julho de 2017 
  3. Extra (22 de junho de 2010). «Escolas de samba mirins apresentam enredos e lançam CD». Consultado em 17 de março de 2011 
  4. TV Rio Samba (março de 2011). «AESM-RIO divulga notas das agremiações mirins». Consultado em 28 de maio de 2011. Cópia arquivada em 5 de novembro de 2013 
  5. http://gresmocidade.com.br/listar-noticias/noticia-destaque/conheca-a-logo-marca-do-enredo-da-estrelinha-para-2013/
  6. a b SRZD (4 de junho de 2014). «Estrelinha da Mocidade anuncia nova diretoria para 2015». Consultado em 15 de julho de 2015 
  7. a b c d Samba Conexão News (5 de dezembro de 2015). «Confira os Sambas de Enredo - Escolas Mirins - carnaval 2016.». Consultado em 24 de fevereiro de 2016. Cópia arquivada em 24 de fevereiro de 2016 
  8. a b http://www.sidneyrezende.com/noticia/154708
  9. «2014». Site SRZD - Sidney Rezende. Consultado em 9 de julho de 2017. Cópia arquivada em 29 de novembro de 2013 
  10. Marquês da Folia (20 de novembro de 2014). «ESTRELINHA DA MOCIDADE APRESENTA PROTÓTIPOS PARA 2015». Consultado em 7 de dezembro de 2014