Pidgin (comunicador instantâneo)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de Gaim)
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita fontes confiáveis e independentes, o que compromete sua credibilidade (desde junho de 2016). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Disambig grey.svg Nota: Para outros significados de Pidgin, veja Pidgin (desambiguação).
Pidgin
Logótipo
Captura de tela
Lista de contactos do Pidgin
Desenvolvedor Desenvolvedores do Pidgin
Lançamento 1999 (17–18 anos)
Versão estável 2.12.0[1] (9 de março de 2017 (0 anos))
Idioma(s) Mais de 80
Sistema operativo Multiplataforma
Gênero(s) Mensageiro instantâneo
Licença GNU GPL
Estado do desenvolvimento Ativo
Tamanho 30,9 MB (Windows)
Página oficial Pidgin.

Pidgin (conhecido anteriormente como Gaim) é um mensageiro instantâneo de código aberto, multiplataforma que suporta vários protocolos de comunicação instantânea. É um programa livre disponível sob a licença GNU General Public License.

Recursos[editar | editar código-fonte]

  • Compatibilidade com múltiplos sistemas operacionais, incluindo Windows e muitos sistemas Unix como o GNU/Linux, BSD e AmigaOS (por meio do sistema X11).
  • Suporte a múltiplos protocolos de rede.
  • Suporte a múltiplas contas de acesso.
  • Suporte a conversações áudio/vídeo.
  • Scripts automatizados para mudanças de estado.
  • Gerenciamento de conversas por abas.
  • Agrupamentos de múltiplos contatos em um só.
  • Registro de conversas.
  • Verificação ortográfica.

Protocolos compatíveis[editar | editar código-fonte]

Não são todos os protocolos que aparecem em algumas distribuições Linux quando instaladas (por exemplo: SILC não tem no pacote oficial GNU/Linux Debian) ou em outras similares.

Você pode adicionar mais protocolos através de plugins feitos por terceiros, como Telegram, Skype, Facebook Chat e etc. Ver a lista de plugins no site oficial ou o pacote da sua distribuição Linux, mas tome nota que nem todos plugins de protocolos são estáveis e alguns estão abandonados sem suporte (whatsapp-purple por exemplo).

História[editar | editar código-fonte]

Originalmente escrito por Mark Spencer(que também é criador do Asterisk) para sistemas operativos Unix, atualmente funciona em várias plataformas, incluindo Microsoft Windows, Linux, Mac OS X - através da biblioteca libgaim e sob o nome de Adium, SkyOS, Qtopia.

Gaim[editar | editar código-fonte]

O termo "instant messenger" (inglês para mensageiro instantâneo) e o acrônimo "AIM" é uma marca de serviço (SM) possuído pela AOL Time Warner, portanto o Gaim não os pode utilizar. A partir de abril de 2007, o programa passou a se chamar Pidgin devido ao processo movido pela AOL que registrou a marca AIM (AOL Instant Messenger).

PhoneGaim[editar | editar código-fonte]

PhoneGaim é um software baseado no Gaim e também disponível sob a licença GPL, e utiliza o protocolo SIP para ser possível a comunicação por voz através da internet via VoIP.

Referências

  1. https://bitbucket.org/pidgin/www/src/tip/htdocs/ChangeLog?fileviewer=file-view-default. Consultado em 30 de Junho de 2017  Em falta ou vazio |título= (ajuda)

Referências

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Outros projetos Wikimedia também contêm material sobre este tema:
Commons Imagens e media no Commons


Ícone de esboço Este artigo sobre software é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.