Gamma Arae

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
γ Arae
Dados observacionais (J2000)
Constelação Ara
Asc. reta 17h 25m 23,7s[1]
Declinação -56° 22′ 39,8″[1]
Magnitude aparente 3.34[2]
Características
Tipo espectral B1 Ib[3]
Cor (U-B) –0.96[2]
Cor (B-V) –0.13[2]
Astrometria
Velocidade radial -3 km/s[1]
Mov. próprio (AR) -0,44 mas/a[1]
Mov. próprio (DEC) -15,77 mas/a[1]
Paralaxe 2,93 ± 0,16 mas[1]
Distância 1 110 ± 60 anos-luz
340 ± 20 pc
Magnitude absoluta –5,8[4]
Detalhes
Massa 12,5[5]–25[4] M
Raio 23[6] R
Gravidade superficial 2,90 (log g)[7]
Luminosidade 120 000[4] L
Temperatura 21 500[7] K
Rotação 269 ± 11 km/s[7]
Idade 15,7 ± 0,1 milhões[5] de anos
Outras denominações
CPD–56 8225, HD 157246, HIP 85267, HR 6462, SAO 244726, 2E 3895.[1]
Gamma Arae
Ara constellation map.png

Gamma Arae (γ Ara, γ Arae) é uma estrela na constelação de Ara. Com uma magnitude aparente de 3,3,[2] é a quarta estrela mais brilhante na constelação e é facilmente visível a olho nu. Dados de paralaxe obtidos na missão Hipparcos indicam que está a uma distância de aproximadamente 1 100 anos-luz (340 parsecs) da Terra.[1]

É uma estrela enorme com 23 vezes o raio do Sol.[6] Está irradiando 120 000 vezes a luminosidade solar[4] de sua atmosfera externa a uma temperatura efetiva de 21 500 K.[7] Essa temperatura dá à estrela a coloração azul branca típica de estrelas de classe B.[8] Seu espectro corresponde a uma classificação estelar de B1 Ib,[3] com a classe de luminosidade 'Ib' indicando que é uma estrela supergigante de baixa luminosidade. É relativamente jovem, com uma idade estimada em 15,7 milhões de anos.[5]

Gamma Arae está rotacionando rapidamente com uma velocidade de rotação projetada de 269 km/s, causando-a completar uma rotação completa a cada 4,8 dias.[9] Em seu espectro, essa rápida rotação está misturando as linhas de absorção por causa do efeito Doppler, tornando-as mais difíceis de analisar.[4] É uma estrela variável periódica que passa por pulsações não radiais com um período primário de 1,1811 dias e um período secundário de 0,1281 dias.[7]

Não há consenso sobre a massa dessa estrela. Tetzlaff et al. (2011) estima a massa como 12,5 ± 0,6 massas solares,[5] enquanto Fraser et al. (2010) dá uma massa de 19[7] e Lefever et al. (2007) lista um valor de 25.[4] Gamma Arae está perdendo massa pelo vento estelar à taxa de 3,0 × 10−8 massas solares por ano, o equivalente à massa solar a cada 33 milhões de anos.[7] O vento é afetado pela rápida rotação, sendo mais intenso ao longo do equador.[6]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. a b c d e f g h «SIMBAD query result - gam Ara». Simbad. Centre de Données astronomiques de Strasbourg. Consultado em 25 de agosto de 2012 
  2. a b c d Nicolet, B. (1978). «Photoelectric photometric Catalogue of homogeneous measurements in the UBV System». Astronomy and Astrophysics Supplement Series. 34: 1–49. Bibcode:1978A&AS...34....1N 
  3. a b Prinja, R. K.; Massa, D. L. (outubro de 2010), «Signature of wide-spread clumping in B supergiant winds», Astronomy and Astrophysics, 521: L55, Bibcode:2010A&A...521L..55P, arXiv:1007.2744Acessível livremente, doi:10.1051/0004-6361/201015252 
  4. a b c d e f Lefever, K.; Puls, J.; Aerts, C. (março de 2007), «Statistical properties of a sample of periodically variable B-type supergiants. Evidence for opacity-driven gravity-mode oscillations», Astronomy and Astrophysics, 463 (3): 1093–1109, Bibcode:2007A&A...463.1093L, arXiv:astro-ph/0611484Acessível livremente, doi:10.1051/0004-6361:20066038 
  5. a b c d Tetzlaff, N.; Neuhäuser, R.; Hohle, M. M. (janeiro de 2011), «A catalogue of young runaway Hipparcos stars within 3 kpc from the Sun», Monthly Notices of the Royal Astronomical Society, 410 (1): 190–200, Bibcode:2011MNRAS.410..190T, arXiv:1007.4883Acessível livremente, doi:10.1111/j.1365-2966.2010.17434.x 
  6. a b c Prinja, R. K.; et al. (fevereiro de 1997), «Wind variability of B supergiants. II. The two-component stellar wind of γ Arae», Astronomy and Astrophysics, 318: 157–170, Bibcode:1997A&A...318..157P 
  7. a b c d e f g Ryans, R. S. I. (maio de 2010), «Atmospheric parameters and rotational velocities for a sample of Galactic B-type supergiants», Monthly Notices of the Royal Astronomical Society, 404 (3): 1306–1320, Bibcode:2010MNRAS.404.1306F, arXiv:1001.3337Acessível livremente, doi:10.1111/j.1365-2966.2010.16392.x 
  8. «The Colour of Stars», Commonwealth Scientific and Industrial Research Organisation, Australia Telescope, Outreach and Education, 21 de dezembro de 2004, consultado em 16 de janeiro de 2012 
  9. Prinja, R. K.; Massa, D.; Fullerton, A. W. (junho de 2002), «Wind variability of B supergiants. IV. A survey of IUE time-series data of 11 B0 to B3 stars», Astronomy and Astrophysics, 388: 587–608, Bibcode:2002A&A...388..587P, doi:10.1051/0004-6361:20020503 
Ícone de esboço Este artigo sobre Estrelas é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.