Gaspar de Quiroga y Vela

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Gaspar de Quiroga y Vela
Cardeal da Igreja Católica
Arcebispo de Toledo
Gaspar de Quiroga y Vela. Catedral de Toledo, Sala Capitular.
Atividade Eclesiástica
Diocese Arquidiocese de Toledo
Nomeação 6 de setembro de 1577
Predecessor Dom Frei Bartolomé de Carranza, O.P.
Sucessor Dom Alberto VII da Áustria
Mandato 1577 - 1594
Ordenação e nomeação
Nomeação episcopal 17 de dezembro de 1571
Ordenação episcopal 15 de abril de 1572
por Dom José Dantas Barbosa
Nomeado Patriarca 6 de setembro de 1577
Cardinalato
Criação 15 de dezembro de 1578
por Papa Gregório XIII
Ordem Cardeal-presbítero
Título Santa Balbina
Brasão
Escudo de Gaspar de Quiroga y Vela.svg
Dados pessoais
Nascimento Madrigal de las Altas Torres
13 de janeiro de 1512
Morte Madrid
20 de novembro de 1594 (82 anos)
dados em catholic-hierarchy.org
Cardeais
Categoria:Hierarquia católica
Projeto Catolicismo
Página título do Index et catalogus librorum prohibitorum autorizado por Gaspar de Quiroga (1583).

Gaspar de Quiroga y Vela (Madrigal de las Altas Torres, 13 de janeiro de 1512 - 20 de novembro de 1595), foi um religioso espanhol.

Cursou estudos de Teologia e Leis na Universidade de Salamanca, onde alcançou a graduação de doutor. Após ser destinado a Alcalá de Henares, viajou a Roma onde foi auditor do Tribunal de la Rota. Seu prestígio fez Filipe II, em 1559, nomear seu enviado para informar-lhe da situação dos distintos reinos do Império Espanhol em Itália. Em 1563 regressou à Península Ibérica onde foi nomeado membro do Conselho Supremo de Justiça, bispo de Cuenca em 1571 e, em 1573, Inquisidor Geral, onde se recorda por ter libertado o frei Luis de León.

Em 1577 foi nomeado arcebispo de Toledo. Um ano mais tarde o Papa Gregório XIII concedeu-lhe o capelo cardenalício.

Ícone de esboço Este artigo sobre Episcopado (bispos, arcebispos, cardeais) é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.