Gastão Elias

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Tenista Gastão Elias
Elias WMQ14 (9) (14420349240).jpg
País Portugal Portugal
Residência Lourinhã, Portugal
Data de nascimento 24 de novembro de 1990 (27 anos)
Local de nasc. Lourinhã, Portugal
Altura 1,83 m
Peso 76 kg
Treinado por Fabian Blengino
Profissionalização 2006
Mão Direita
Prize money US$ 830,211
Simples
Vitórias-Derrotas 30–53
Títulos 0
Melhor ranking Nº 57 (24 de outubro de 2016)
Resultados de Grand Slam
Open da Austrália Q1 (2015)
Roland Garros 1R (2014, 2015)
Wimbledon 1R (2013)
US Open Q2 (2011, 2014)
Duplas
Vitórias-Derrotas 15–29
Títulos 0
Melhor ranking Nº 213 (23 de novembro de 2015)
Última atualização em: 2 de fevereiro de 2017.

Gastão José Ministro Elias (Lourinhã, 24 de novembro de 1990) é um tenista português destro. Ele teve a chance de ser parceiro de treino de Roger Federer.[1]

Finais[editar | editar código-fonte]

Challengers e Futures[editar | editar código-fonte]

Simples: 20 (8–12)[editar | editar código-fonte]

Legenda
Challengers (4-8)
Futures (4–4)
Títulos por piso
Duro (4–3)
Saibro (4–9)
Grama (0–0)
Carpete (0–0)
Resultado No. Data Torneio Piso Oponente Placar
Finalista 1. 5 de março de 2007 Espanha F7, Cartagena, Espanha Saibro Espanha Adrián Menéndez-Maceiras 3–6, 6–2, 6–4
Campeão 1. 29 de outubro de 2007 México F11, Ciudad Obregon, México Duro Espanha Pablo Martin-Adalia 6–2, 6–3
Campeão 2. 21 de janeiro de 2008 U.S. F3, Boca Raton, Estados Unidos Duro Estados Unidos Alberto Francis 7–5, 6–4
Finalista 2. 14 de novembro de 2010 Brasil F32, Barueri, Brasil Duro Brasil Daniel Dutra Silva 6–7(0–7), 7–6(7–3), 7–6(7–5)
Campeão 3. 1 de janeiro de 2011 Brasil F1, São Paulo, Brasil Duro Brasil André Ghem 6–3, 6–4
Campeão 4. 12 de fevereiro de 2011 Colômbia F2, Cartagena, Colômbia Duro Tunísia Malek Jaziri 6–3, 6–3
Finalista 3. 13 de março de 2011 U.S. F7, McAllen, Estados Unidos Duro Estados Unidos Wayne Odesnik 6–7(5–7), 6–4, 6–1
Finalista 4. 18 de setembro de 2011 Belo Horizonte, Brasil Saibro Brasil Júlio Silva 6–4, 6–4
Finalista 5. 3 de outubro de 2011 Brasil F33, Brasil Duro Brasil Júlio Silva 5-7, 5-7
Finalista 6. 13 de novembro de 2011 Buenos Aires, Argentina Saibro Argentina Carlos Berlocq 6–1, 7–6(7–3)
Finalista 7. 8 de janeiro de 2012 São Paulo, Brasil Duro Brasil Thiago Alves 7–6(7–5), 7–6(7–1)
Finalista 8. 10 de junho de 2012 Caltanissetta, Itália Saibro Espanha Tommy Robredo 6–3, 6–2
Campeão 5. 21 de outubro de 2012 Rio de Janeiro, Brasil Saibro Sérvia Boris Pašanski 6–3, 7–5
Finalista 9.[2] 28 de outubro de 2012 Porto Alegre, Brasil Saibro Alemanha Simon Greul 2–6, 7–6(7–5), 7–5
Campeão 6.[3] 21 de abril de 2013 Santos, Brasil Saibro Brasil Rogério Dutra Silva 4-6, 6-0, 6-2
Finalista 10. 27 de abril de 2014 Santos, Brasil Saibro Argentina Máximo González 7–5, 6–3
Finalista 11. 9 de junho de 2014 Blois, França Saibro Argentina Máximo González 6–2, 6–3
Finalista 8. 1 de fevereiro de 2015 Bucaramanga, Colômbia Saibro Espanha Daniel Gimeno-Traver 3–6, 6–1, 5–7
Campeão 7. 1 de novembro de 2015 Lima, Peru Saibro Eslováquia Andrej Martin 6–2, 7–6(7–4)
Campeão 8. 8 de novembro de 2015 Guayaquil, Equador Saibro Argentina Diego Schwartzman 6–0, 6–4

Duplas: 8 (2–6)[editar | editar código-fonte]

Legenda
Challengers (2–5)
Futures (0–1)
Títulos por piso
Duro (0–2)
Saibro (2–4)
Grama (0–0)
Carpete (0–0)
Resultado No. Data Torneio Piso Parceiro Oponentes Placar
Finalista 1. 6 de novembro de 2006 Portugal F6, Ponta Delgada, Portugal Duro Portugal Pedro Sousa Finlândia Tuomas Ketola
Finlândia Juho Paukku
6–7(4–7), 6–3, 6–4
Finalista 2. 5 de novembro de 2011 São Leopoldo, Brasil Saibro Portugal Frederico Gil Brasil Franco Ferreiro
Espanha Rubén Ramírez Hidalgo
6–7(4–7), 6–3, [11–9]
Finalista 3.[4] 20 de abril de 2013 Santos, Brasil Saibro Brasil Guilherme Clezar Eslováquia Pavol Červenák
Itália Matteo Viola
2-6, 6-4, [10-6]
Finalista 4. 4 de novembro de 2014 Knoxville, Estados Unidos Duro Reino Unido Sean Thornley Letónia Mikelis Libietis
Estados Unidos Hunter Reese
3-6, 4-6
Campeão 1. 4 de outubro de 2015 Porto Alegre, Brasil Saibro Portugal Frederico Silva Chile Christian Garin
Chile Juan Saez
6-2, 6-4
Finalista 5. 8 de novembro de 2015 Guayaquil, Equador Saibro Brasil Fabrício Neis Argentina Guillermo Durán
Argentina Andrés Molteni
3–6, 4–6
Finalista 6. 21 de novembro de 2015 Montevidéu, Uruguai Saibro Brasil Marcelo Demoliner Eslováquia Andrej Martin
Chile Hans Podlipnik
4–6, 6–3, [6–10]
Campeão 2. 24 de janeiro de 2016 Rio de Janeiro, Brasil Saibro Brasil André Ghem França Jonathan Eysseric
México Miguel Ángel Reyes-Varela
6–4, 7–6(7–2)

Copa Davis[editar | editar código-fonte]

Elias joga pela Equipa Portuguesa da Taça Davis desde 2007. Seu recorde em simples é 3–7, e nas duplas, 5–7, (8–14 total).

Participações (22)[editar | editar código-fonte]

Simples (10)[editar | editar código-fonte]

Edição Round Data Contra Piso Oponente V/D Resultado
Copa Davis de 2007
Europa/África Grupo I
1R 9–11 de fevereiro de 2007 Geórgia Georgia Carpete Geórgia George Khrikadze Vitória 6–3, 7–6(7–5)
GI PO 21–23 de setembro de 2007 Países Baixos Netherlands Duro Países Baixos Robin Haase Derrota 1–6, 1–6, 6–2, 7–5, 2–6
Copa Davis de 2008
Europa/África Grupo II
1R 11–13 de abril de 2008 Tunísia Tunísia Saibro Tunísia Walid Jallali Derrota 5–7, 2–6
SF 19–21 de setembro de 2008 Ucrânia Ucrânia Duro Ucrânia Sergiy Stakhovsky Derrota 4–6, 6–7(5–7), 4–6
Copa Davis de 2012
Europa/África Grupo I
GI PO 14–16 de Setembro de 2012 Eslováquia Eslováquia Duro Eslováquia Martin Kližan Derrota 6–3, 2–6, 6–7(4–7), 2–6
Copa Davis de 2013
Europa/África Grupo II
2R 5–7 de abril de 2013 Lituânia Lituânia Saibro Lituânia Lukas Mugevicius Vitória 6-0, 6-1, 6-2
3R 13–15 de fevereiro de 2013 Moldávia Moldávia Duro Moldávia Radu Albot Derrota 3-6, 6-2, 4-6, 4-6
Copa Davis de 2014
Europa/África Grupo I
1R 31 de janeiro – 2 de fevereiro de 2014 Eslovénia Eslovênia Duro Eslovénia Blaž Kavčič Derrota 6–7(14–16), 1–6, 4–6
GI PO 12–14 de setembro de 2014 Rússia Rússia Duro Rússia Andrey Kuznetsov Derrota 6–7(7–9), 4–6, 6–3, 1–6
Copa Davis de 2015
Europa/África Grupo II
SF 18–20 de setembro de 2015 Bielorrússia Bielorrússia Saibro Bielorrússia Uladzimir Ignatik Vitória 6–3, 7–6(7–3), 7–5

Duplas (12)[editar | editar código-fonte]

Edição Round Data Parceiro Contra Piso Oponentes V/D Resultado
Copa Davis de 2007
Europa/África Grupo I
1R 9–11 de fevereiro de 2007 Portugal Frederico Gil Geórgia Georgia Carpete Geórgia Lado Chikladze
Geórgia Irakli Labadze
Derrota 6–7(6–7), 7–6(9–7), 6–7(4–7), 7–5, 3–6
GI PO 21–23 de setembro de 2007 Portugal Frederico Gil Países Baixos Netherlands Duro Países Baixos Jesse Huta Galung
Países Baixos Peter Wessels
Derrota 2–6, 7–6(7–5), 6–7(5–7), 3–6
Copa Davis de 2008
Europa/África Grupo II
1R 11–13 de abril de 2008 Portugal Leonardo Tavares Tunísia Tunisia Saibro Tunísia Walid Jallali
Tunísia Malek Jaziri
Vitória 6–3, 6–3, 6–3
SF 19–21 de setembro de 2008 Portugal Leonardo Tavares Ucrânia Ukraine Duro Ucrânia Sergei Bubka
Ucrânia Sergiy Stakhovsky
Derrota 3–6, 2–6, 4–6
Copa Davis de 2012
Europa/África Grupo I
2R 6–8 de abril de 2012 Portugal João Sousa Israel Israel Saibro Israel Andy Ram
Israel Jonathan Erlich
Derrota 4–6, 4–6, 3–6
Copa Davis de 2012
Europa/África Grupo I
GI PO 14–16 de setembro de 2012 Portugal João Sousa Eslováquia Eslováquia Duro Eslováquia Michal Mertinak
Eslováquia Filip Polášek
Derrota 5–7, 6–4, 6–7(5–7), 3–6
Copa Davis de 2013
Europa/África Grupo II
2R 5–7 de abril de 2013 Portugal Rui Machado Lituânia Lituânia Saibro Lituânia Lukas Mugevicius
Lituânia Mantas Bugailiskis
Vitória 6-3, 6-0, 6-2
3R 13–15 de setembro de 2013 Portugal João Sousa Moldávia Moldávia Duro Moldávia Andrei Ciumac
Moldávia Roman Borvanov
Vitória 6-3, 6-4, 6-3
Copa Davis de 2014
Europa/África Grupo I
1R 5–7 de abril de 2014 Portugal João Sousa Eslovénia Eslovênia Duro Eslovénia Blaž Kavčič
Eslovénia Grega Žemlja
Derrota 3–6, 5–7, 6–7(5–7)
GI PO 13–15 de setembro de 2014 Portugal João Sousa Rússia Rússia Duro Rússia Konstantin Kravchuk
Rússia Andrey Rublev
Derrota 3–6, 4–6, 4–6
Copa Davis de 2015
Europa/África Grupo II
QF 17-19 de julho de 2015 Portugal João Sousa Finlândia Finlândia Saibro Finlândia Henri Kontinen
Finlândia Jarkko Nieminen
Vitória 3–6, 7–6(7–5), 6–3, 6–4
SF 18-20 de setembro de 2015 Portugal João Sousa Bielorrússia Bielorrússia Saibro Bielorrússia Sergey Betov
Bielorrússia Max Mirnyi
Vitória 7–6(7–3), 4–6, 6–3, 6–7(5–7), 6–3

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]