General Electric GE38

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
GE38 / T408
Motor de avião
Informações básicas
Tipo Turboeixo
Fabricante GE Aviation
Origem  Estados Unidos
Primeiro teste Década de 1980
Maiores aplicações Lockheed P-7 (T407)
Sikorsky CH-53K King Stallion (T408)
Especificações (T408)
Comprimento 146 cm
Diâmetro (motor) 69 cm
Peso 501,1 kg
Potência 7.500 shp
Tipo de combustível JET A-1
Relação potência / peso 6,8 shp/lb (11,2 kW/kg)
Desenvolvido em CFE CFE738
Notas
Fonte[1]

O General Electric GE38 é um motor de turbina a gás desenvolvido pela GE Aviation para aplicações turboélice e turboeixo. Este motor deve ser utilizado no Sikorsky CH-53K King Stallion como T408.[2]

Projeto e desenvolvimento[editar | editar código-fonte]

O GE27 foi desenvolvido no início da década de 1980 sob o programa "Motores de demonstração de tecnologia moderna" (em inglês: Modern Technology Demonstrator Engines (MTDE)) subsidiado pela "Diretoria da Tecnologia Aplicada na Aviação" (em inglês: Aviation Applied Technology Directorate) do Exército dos Estados Unidos.[3] O GE27 foi o motor não bem sucedido que iria motorizar o Bell Boeing V-22 Osprey. O CFE CFE738 é baseado neste motor.

No final da década de 1980, a GE utilizou o GE27 como base para o desenvolvimento do motor civil GE38.[3] O GE38 se tornou então o turboélice T407 em parceria com a Lycoming para ser utilizado no Lockheed P-7, com uma potência máxima de decolagem de 6.000 shp (4.475 kW). O programa do P-7 foi cancelado em 1990, assim como o motor. A versão civil do T407 foi o GLC38, que também não foi bem sucedido quando oferecido para aviões comerciais no início da década de 1990.

O novo T408 (GE38-1B) é o motor proposto para ser utilizado no helicóptero trimotor Sikorsky CH-53K King Stallion que será utilizado pela Marinha dos Estados Unidos. Este motor possui uma potência de 7.500 shp.[4] O GE38 completou seus primeiros testes em solo em Maio de 2010.[5] Dois motores de teste completaram mais de 1.000 horas de testes de solo em Novembro de 2011. Cinco motores de teste serão usados no programa de testes de 5.000 horas.[6] A GE ofereceu também o motor para ser utilizado na lancha de desembarque da Marinha dos Estados Unidos.

Variantes e aplicações[editar | editar código-fonte]

T407
T408 (GE38-1B)
CPX38
Versão turboélice proposta[7]

Referências

  1. «Model GE38» (em inglês). Arquivado do original em 8 de Fevereiro de 2009 
  2. «Sikorsky Unveils CH-53K Helicopter; U.S. Marine Corps Reveals Aircraft Name» (em inglês). Consultado em 28 de Novembro de 2017 
  3. a b Leyes pp. 365-68.
  4. «GE Launches New Engine Program for U.S. Marine Corps Heavy-lift Helicopter» (em inglês). 24 de Janeiro de 2007. Arquivado do original em 27 de Agosto de 2016 
  5. «GE38 Completes First Engine to Test Program» (em inglês). 6 de Maio de 2010. Arquivado do original em 12 de Março de 2016 
  6. «GE38 Looking to Take to the Sea» (em inglês). 18 de Janeiro de 2011. Arquivado do original em 26 de Agosto de 2016 
  7. «RAA 2011: GE cites 'strong interest' in CPX38 turboprop engine» (em inglês). Arquivado do original em 5 de Novembro de 2012 

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

  • Gunston, Bill (2006). World Encyclopedia of Aero Engines, 5th Edition (em inglês). Phoenix Mill, Gloucestershire, Inglaterra, Reino Unido: Sutton Publishing Limited. p. 79. ISBN 0-7509-4479-X 
  • Leyes II, Richard A.; William A. Fleming (1999). The History of North American Small Gas Turbine Aircraft Engines (em inglês). Washington, DC: Smithsonian Institution. ISBN 1-56347-332-1 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]