Gente (Roma Antiga)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de Gens)
Ir para: navegação, pesquisa
Disambig grey.svg Nota: Para outros significados, veja Gens (desambiguação).
NoFonti.svg
Esta página ou secção cita fontes confiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo (desde abril de 2017).
Por favor, adicione mais referências inserindo-as corretamente no texto ou no rodapé. Material sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)

Gente[1][2][3] (em latim: Gens; pl. gentes), na Roma Antiga, era um grupo de pessoas ou clã que compartilhavam o mesmo nome de família. Os diferentes ramos da mesma gente tinham um sobrenome comum. Por exemplo, o Cornélia incluía os Cornélios Cipiões, Cornélios Balbos, Cornélios Lêntulos, etc.[4]

O conjunto de famílias que se encontravam ligadas politicamente a uma autoridade em comum, o pai da gente (Pater Gentis). Usavam um nome em comum por se julgar descendentes de um antepassado comum. A gente tinha seu equivalente na Grécia Antiga com o nome (geno), que se formava a partir de uma grande família consanguínea com um antepassado em comum. A gente ou geno é a unidade. Várias gentes constituem uma fratria e várias fratrias uma tribo. Além de tudo são pessoas que se juntam para um objetivo em comum.

Famílias antigas[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. «Gente». Aulete. Consultado em 19 de abril de 2015 
  2. «Gente». Michaelis. Consultado em 19 de abril de 2015 
  3. «Gente». Priberam. Consultado em 19 de abril de 2015 
  4. Jean-Claude Fredouille, Dictionnaire de la civilisation romaine, Larousse, Parigi 1986, p.118.
Wiki letter w.svg Este artigo é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o. Editor: considere marcar com um esboço mais específico.