Geografia da Albânia

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita fontes confiáveis e independentes, o que compromete sua credibilidade (desde Janeiro de 2009). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Geografia física da Albânia

Mapa da Albânia

Continente Europa
Região Europa Meridional
Coordenadas geográficas
Área  
 - Ranking 140º maior
 - Total
 - Terra
 - Água
Fronteiras  
 - Total
 - Países vizinhos Montenegro, Sérvia, Macedônia e Grécia
Linha costeira
Reivindicações marítimas  
 - Mar territorial milhas náuticas
 - Zona contígua milhas náuticas
 - Zona econômica exclusiva milhas náuticas
 - Plataforma continental milhas náuticas
Extremos de elevação  
 - Ponto mais alto
 - Ponto mais baixo
Relevo
Clima
Recursos naturais
Uso da terra  
 - Terra arável
 - Cultivos permanentes
 - Outros
Terra irrigada
Perigos naturais
Problemas ecológicos

A geografia da Albânia é caracterizada principalmente por um monte muito montanhoso. A maior montanha (2753 metros) é a Korab. Na planície costeira, o clima é temperado com verões muito frio e secos e no inverno e muito calor e tudo alcontrario. Nas partes mais altas, muitas vezes, ocorrem mais de 2.000 milímetros de chuva e neva anualmente.

Localização[editar | editar código-fonte]

A Albânia situa-se na região dos Balcãs, na Europa oriental, coordenadas geográficas 41º 00' N, 20º 00' E . Está localizada estrategicamente no estreito de Otranto (que liga o mar Adriático ao mar Jónico e ao mar Mediterrâneo).

Dados gerais[editar | editar código-fonte]

Recursos naturais
Uso da terra
    • terra arável - 21%
    • cultivo permanente - 5%
    • pastagens permanentes - 15%
    • florestas - 38%
    • outros - 21% (estimativas de 1993)
  • Terra irrigada: 3 400 km² (est. de 1998)

A vida vegetal e animal[editar | editar código-fonte]

Grande parte da Albânia já foi coberta por florestas, mas da vegetação original agora resta apenas uma fração como resultado de séculos de exploração madeireira e de pastoreio. Muitas áreas são apenas cobertos com arbustos. A floresta remanescente é constituída principalmente de carvalhos , faias e pinheiros. O reflorestamento é um alvo primário do governo.

Fronteiras[editar | editar código-fonte]

A Albânia possui 720 km de fronteiras, fazendo fronteira com Sérvia e Montenegro - (287 km no total, sendo 114 km com a Sérvia e 173 km com o Montenegro), Grécia (282 km) e Macedónia (151 km).

Somente ao longo da costa da Albânia fronteiras coincidem com as formações naturais da paisagem. Os limites foram estabelecidos, em princípio, na Conferência Embaixadores em Londres 1912 - 1913. Eles foram criados pelas potências em 1921 , depois de o país ser ocupado durante a Primeira Guerra Mundial pela Itália, Sérvia, Grécia e França. O princípio básico é que as áreas habitadas por albaneses pertencem à Albânia e nacionalidades arredores também têm as suas próprias áreas distintas, tais como os macedônios na Macedónia e montenegrinos em Montenegro. O distrito do Lago Valioso, na Macedônia Ocidental, que tinha uma mistura das populações , foi dividido entre a Albânia, a Grécia e a Jugoslávia.

Ele levou em conta as necessidades econômicas locais, tais como as aldeias terem acesso a suas áreas de pastagem.

Para a divisão da área de grandes lagos do leste do que é hoje a Albânia, no meio havia uma preocupação de que todos os países teriam algumas das imediações das planícies. Esta divisão artificial necessariamente afetou a fronteira norte e sul.

Na parte norte da Albânia e nas montanhas do nordeste que liga a fronteira com a montanha e segue os picos mais altos da serra pelo inacessível Alpes Nordalbanska, em albanês Bjeshkët Namunës. Não há virtualmente nenhum limite natural destas montanhas com o mar Adriático. Mas o Lago Scutari e uma parte do rio Buna foram usados como a fronteira albanesa para o noroeste. Sul e sudoeste, a partir do distrito do lago para o mar Jónico é o país da fronteira com o nordeste em desacordo com as linhas naturais da paisagem e cruza vários cordões em vez de segui-los.

Topografia[editar | editar código-fonte]

A Albânia possui 27 398 km² de área terrestre, sendo a maioria de terreno montanhoso ou de colinas.

  • Terreno: (Maja e Korabit no Mali Korabit) em Golem - 2 753 m
Pontos extremos

A montanha mais elevada atinge 2 753 m acima do nível do mar.

Clima[editar | editar código-fonte]

A maior parte da Albânia tem um clima continental temperado suave, com invernos frescos nublados e úmidos; e verões quentes limpos e secos. O interior do país é mais frio e mais úmido.

Meio ambiente[editar | editar código-fonte]

A Albânia sofre de alguns perigos naturais, como sismos destrutivos, e tsunamis que ocorrem ao longo da costa sudoeste. Os problemas causados pelo homem são a desflorestação, erosão dos solos e poluição das águas devido a efluentes industriais e domésticos.

O país faz parte de vários acordos internacionais :

Hidrografia[editar | editar código-fonte]

A Albânia possui 1 350 km² de área marítima, com 362 km de costa, e suas águas territoriais chegam a 12 milhas náuticas.

  • plataforma continental - até à profundidade de 200 m, ou até á profundidade de exploração
Lagos
Principais rios
Bandeira da Albânia Albânia
Bandeira • Brasão • Hino • Culinária • Cultura • Demografia • Economia • Forças Armadas • Geografia • História • Portal • Política • Subdivisões • Imagens