Gerenciamento de custos do projeto

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

De acordo com o PMBOK®[1], a gerência do custo do projeto agrega os processos que envolvem planejamento, estimativa, orçamento e controle de custos que serão necessários para a conclusão do projeto a partir de uma previsão orçamentária.

É uma área importante para garantir que todos os custos empreendidos no projeto estejam dentro do que o patrocinador está disposto a desembolsar. Além disso, o gerenciamento permite ter uma visão dos custos de acordo com as atividades realizadas, sendo possível comprovar e justificar os gastos com determinados recursos.

Os processos de gerência do custo do projeto incluem:

  • Planejar o gerenciamento dos custos: determinar como o gerenciamento de custos será feito;
  • Estimar os custos: desenvolver uma aproximação dos gastos com os recursos necessários para execução do projeto;
  • Determinar o orçamento: agregar os custos estimados de atividades ou de pacotes individuais de trabalho para estabelecer uma base de custo;
  • Controlar os custos: influenciar nos fatores que geram uma variação de custo e controlar as mudanças de orçamento do projeto.

Técnicas e ferramentas da gestão de custos[editar | editar código-fonte]

A gestão de custos é um processo em que se utiliza um conjunto de técnicas multidisciplinares, que permite planejar, controlar e ajustar os custos dos projetos. Este processo pode conduzir ao aumento de proventos, reduções de custos e obtenção de melhores níveis de produtividade. Atualmente toda a orientação da organização visa a satisfação do cliente:

Algumas das técnicas e ferramentas da gestão de custos são[2]:

  • Opinião especializada;
  • Análise de dados;
  • Estimativa análoga;
  • Estimativa paramétrica;
  • Estimativa “bottom-up”;
  • Estimativa de três pontos;
  • Análise de alternativas;
  • Custo da qualidade;
  • Softwares de gerenciamento de projetos;
  • Agregação de custos;
  • Análise de reservas;
  • Revisão de informações históricas;
  • Reconciliação dos limites dos recursos financeiros;
  • Financiamento;
  • Análise de valor agregado;
  • Análise de variação;
  • Análise de tendências;
  • Índice de desempenho para término (IDPT).

Referências[editar | editar código-fonte]

ALLORA, Valerio e OLIVEIRA; Simone Espínola; Gestão de Custos - Metodologia para a Melhoria da Performance Empresarial, 2010, Juruá Editora

Ver também[editar | editar código-fonte]

Wiki letter w.svg Este artigo é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o. Editor: considere marcar com um esboço mais específico.
  1. PMBOK, GUIA. Um Guia do Conhecimentos em Gerenciamento de Projetos (Guia PMBOK®). 6ª ed. Newtown Square, PA: Project Management Institute, 2017.
  2. JUSTO, Andreia da Silva. Gerenciamento de Custos em Projetos: o que é, qual a importância, como fazer e dicas práticas. Euax. Disponível em: <https://www.euax.com.br/2019/02/gerenciamento-de-custos-em-projetos/>. Acesso em: 15 de fev. de 2019.