Gertrud Bing

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Gertrud Bing
Nascimento 1892
Hamburgo
Morte 1964 (72 anos)
Londres
Cidadania Alemanha
Alma mater Universidade de Hamburgo, Universidade de Munique
Ocupação historiadora da arte, professora universitária, bibliotecária, editor
Empregador Biblioteca de Estudos Culturais de Warburg, Instituto Warburg, Universidade de Londres
Causa da morte doença

Gertrud Bing (7 de julho de 18923 de julho de 1964) foi uma historiadora de arte alemã, colaboradora do historiador cultural Aby Warburg e diretora do Instituto Warburg de 1954 a 1959.

Cursou o Lyceum em Hamburgo de 1909 a 1913, além do Heinrich-Hertz Realgymnasium, formando-se em 1916. Estudou nas universidades de Munique e Hamburgo, com concentração na área de filosofia. Sua tese de doutorado, escrita sob a supervisão de Ernst Cassirer, versou sobre Lessing e Leibniz.

Em 1922, começou a trabalhar como bibliotecária junto à Biblioteca Warburg, durante o período em que seu fundador tratava-se por problemas de saúde. Quando Warburg retomou suas atividades após o tratamento, Bing tornou-se sua assistente de pesquisa. Warburg, Bing e Fritz Saxl, outro ativo colaborador da Biblioteca e responsável por ela durante a doença do fundador, organizaram e, por fim, inauguraram oficialmente a Kulturwissenschaflichen Bibliothek Warburg (Biblioteca Warburg de Ciência da Cultura), ligada à Universidade de Hamburgo, em 1926. Ela se torna diretora da instituição em 1927.

Após a morte de Warburg, ela reúne os trabalhos do historiador e os edita, tornando-se conhecidos sob o nome de Gesammelten Schriften (Escritos Reunidos).

Quando Adolf Hitler chega ao poder na Alemanha, em 1933, Saxl e ela, agora vivendo juntos, decidem transferir a Biblioteca para Londres (Warburg era de uma família de banqueiros judeus).

O casal estabelece-se em Dulwich. Saxl torna-se o primeiro diretor do então recém-fundado Instituto Warburg, e Bing diretora associada. Saxl morreu em 1948, e foi sucedido na direção do Instituto por Henri Frankfort. Depois da morte deste em 1954, Bing tornou-se diretora do Instituto, e Professora de História da Tradição Clássica. Ela ocupou estes postos até sua morte em 1964.

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

  • Der Begriff des Notwendigen bei Lessing: Ein Beitrag zum geistesgeschichtlichen Problem Leibniz-Lessing. Hamburgo, 1921. Orientação de Ernst Cassirer.
  • "A. M. Warburg", in Journal of the Warburg and Courtauld Institutes n. 28, 1965, pp. 299–313.

WARBURG, Aby. Die Erneuerung der heidnischen Antike: kulturwissenschaftliche Beiträge zur Geschichte der europäischen Renaissance. 2 vols. Leipzig: B. G. Teubner, 1932, edição de G. Bing.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre uma pessoa é um esboço relacionado ao Projeto Biografias. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.