Gil Antônio Moreira

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Gil Antônio Moreira
Arcebispo da Igreja Católica
Arcebispo de Juiz de Fora
Hierarquia
Papa Francisco
Atividade eclesiástica
Diocese Arquidiocese de Juiz de Fora
Nomeação 28 de janeiro de 2009
Entrada solene 28 de março de 2009
Predecessor Dom Eurico dos Santos Veloso
Mandato 2009 -
Ordenação e nomeação
Ordenação presbiteral 18 de dezembro de 1976
Itapecerica
por Dom Cristiano Portela de Araújo Pena
Nomeação episcopal 14 de julho de 1999
Ordenação episcopal 16 de outubro de 1999
Itapecerica
por Dom Alfio Rapisarda
Lema episcopal SCIS AMO TE
sabe que eu te amo
Nomeado arcebispo 28 de janeiro de 2009
Brasão arquiepiscopal
Template-Metropolitan Archbishop.svg
Dados pessoais
Nascimento Itapecerica,  Minas Gerais
9 de outubro de 1950 (69 anos)
Nacionalidade brasileiro
Progenitores Mãe: Maria Teresa Mendes Moreira
Pai: Antônio Moreira
Funções exercidas - Bispo auxiliar de São Paulo (1999-2004)
- Bispo de Jundiaí (2004-2009)
dados em catholic-hierarchy.org
Arcebispos
Categoria:Hierarquia católica
Projeto Catolicismo

Dom Gil Antônio Moreira (Itapecerica, 9 de outubro de 1950) é um bispo católico, atual arcebispo metropolitano de Juiz de Fora.

Sacerdócio[editar | editar código-fonte]

Foi Vigário Paroquial Paróquia São Bento em Itapecerica, em Minas Gerais, de 1976 a 1980; Pároco São Joaquim de Bicas em Igarapé (1980-1986); Pároco Santo Antônio de Mateus Leme-MG (1986-1989); Reitor do Seminário Maior de Divinópolis(1979-1989 e 1997); Reitor do Seminário Maior Inter-Regional de Campo Grande (1993-1996); Coordenador Diocesano de Pastoral Vocacional em Divinópolis (1976-1989); Coordenador Regional de Pastoral Vocacional no Regional Leste 2 (1980-1984); Membro do CRC (Comissão Regional do Clero) no Regional Leste 2 (1980-1988); Membro do CNC (Comissão Nacional do Clero) (1984-1988); Pároco da Paróquia Sagrado Coração de Jesus em Itaúna (1992-1993 e 1997).

Foi Subsecretário Geral da CNBB, nos anos de 1998 e 1999.

Episcopado[editar | editar código-fonte]

Nomeado Bispo Auxiliar de São Paulo pelo Papa João Paulo II. Sagrado bispo no dia 16 de outubro de 1999 na Igreja Matriz de São Bento em Itapecerica pelas mãos do então Núncio Apostólico no Brasil Dom Alfio Rapsarda.

Em São Paulo foi responsável pelos seminários; coordenador da Equipe de formação dos diáconos permanentes; Coordenador arquidiocesano de Pastoral Vocacional; Responsável pela Pastoral e Evangelização da Juventude; Assistente da RCC na arquidiocese; Presidente da Comissão de Bens Culturais da arquidiocese; Responsável pela Comissão de Bens Culturais da Igreja no Regional Sul 1 da CNBB.

Em 7 de janeiro de 2004 foi nomeado Bispo Diocesano de Jundiaí, Colaborou e incentivou a reforma do palácio espiscopal, seminário diocesano. Foi grande promotor das vocações e do serviço laical na diocese.

No dia 24 de maio de 2007 foi nomeado, pelo Papa Bento XVI, como membro da Congregação para a Educação Católica no Vaticano.

Participa ativamente de diversas atividadas relacionadas a preservação dos Bens Patrimoniais da Igreja. É membro do CONDEPHAAT do Estado de São Paulo (Conselho de Defesa do Patrimônio Histórico, Arqueológico, Artístico e Turístico).

Em 28 de janeiro de 2009, o Papa Bento XVI o nomeou para Arcebispo de Juiz de Fora. Recebeu o pálio de arcebispo na Basílica de São Pedro no dia 29 de junho de 2009, Festa dos Apóstolos São Pedro e São Paulo em Roma pelas mãos do Papa Bento XVI.

Obras Publicadas[editar | editar código-fonte]

  1. História Eclesiástica da Paróquia de Itapecerica (1984)
  2. Semana Santa em Itapecerica (1994)
  3. À Sombra do Campanário (2003)
  4. Matriz de São Bento - Cem anos de Bênçãos (2005)
  5. Evangelizando (2007)
  6. A Reforma do Clero no Século XIX – ( ainda em trabalhos gráficos)
Precedido por
Dom Amaury Castanho
Bispo de Jundiaí
2004 - 2009
Sucedido por
Dom Vicente Costa
Precedido por
Dom Eurico dos Santos Veloso
Arcebispo de Juiz de Fora
2009 - atualidade
Sucedido por

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre Episcopado (bispos, arcebispos, cardeais) é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.