Giuseppe Leone Righini

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Arredores de cidade (1862), pintura de Giuseppe Leone Righini. Acervo da Pinacoteca do Estado, São Paulo.

Giuseppe Leone Righini, também referido como Joseph Léon Righini, (Turim, c. 1820Belém do Pará, 1884) foi um pintor, desenhista, gravador, fotógrafo, cenógrafo e professor italiano radicado no Brasil.

Foi pintor de paisagens, desenhista, gravador, Righini chegou ao Brasil em 1856, desembarcando em Recife como cenógrafo da companhia de ópera italiana de José Ramona.

Morou em São Luís do Maranhão e em Belém do Pará. Sua obra mostra paisagens de Pernambuco, do Maranhão, e sobretudo de Belém, marcadas pela destreza em articular áreas de luz e sombra. Certamente esteve também na Corte, pois há desenhos seus reproduzindo vistas do Rio de Janeiro.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

  • Brasiliana da Biblioteca Nacional, Rio de Janeiro, 2001.
  • VELLOSO, Augusto Carlos F. e outro. Pintores italianos no Brasil. São Paulo: Sociarte, 1982.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre uma pessoa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.