Gliese 876

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Uma impressão artística do terceiro planeta, Gliese 876 b.
Uma ilustração artística do planeta mais próximo, Gliese 876 d, mostrando o planeta como um mundo ativo e vulcânico que é iluminado pela luz vermelha da estrela.

Gliese 876 é uma estrela anã vermelha que está a aproximadamente 15 anos-luz de distância da Terra na constelação de Aquarius. Possui tipo espectral M4V, magnitude aparente de 10,17 e metade da massa do Sol. Até 2011, foram confirmados quatro exoplanetas orbitando a estrela. Dois dos planetas centrais são similares a Júpiter, enquanto o planeta mais próximo é similar a um pequeno Neptuno ou a um grande planeta telúrico, e o planeta mais distante tem massa similar a de Urano.

Distância e visibilidade[editar | editar código-fonte]

Gliese 876 está relativamente perto de nosso Sistema Solar. Segundo as medições astrométricas feitas pelo satélite Hipparcos, a estrela apresenta uma paralaxe de 212,59 miliarcsegs,[1] que corresponde a uma distância de 4,70 parsecs (15,3 anos-luz). Apesar de estar tão perto da Terra, a estrela é tão fraca que é invisível a olho nu e só pode ser vista usando telescópios.

Características[editar | editar código-fonte]

Como uma estrela anã vermelha, Gliese 876 é muito menor que o Sol: As estimativas sugerem que ela tem somente 32% da massa do Sol.[2] A temperatura na superfície de Gliese 876 é menor em comparação com o Sol e a estrela também possui um raio menor.[3] A combinação destes fatores resultam em uma estrela que tem 1,24% da luminosidade do Sol, e a maior parte disso está em comprimentos de onda infra-vermelhos.

É difícil estimar a idade e metalicidade das estrelas frias devido a formação de moléculas diatômicas em suas atmosferas, o que faz com que o espectro seja complexo. Baseando-se em modelos espectrais, estima-se que Gliese 876 tem uma quantidade menor de metais pesados comparada ao Sol (aproximadamente 75% da abundância solar de ferro).[4] Segundo a atividade cromosférica, e dependendo do modelo teórico utilizado, é possível que a estrela tenha entre 6.520 e 9.900 bilhões de anos.[5]

Como muitas estrelas de pouca massa, Gliese 876 é uma estrela variável. Está classificada como uma estrela variável BY Draconis e seu brilho flutua ao redor de 0,04 magnitudes.[6] Acredita-se que este tipo de variabilidade seja causado pelas enormes manchas solares que podem ser observadas em sua superfície enquanto a estrela realiza seu movimento de rotação.[7] Gliese 876 emite Raios-X.

Sistema planetário[editar | editar código-fonte]

As órbitas dos planetas de Gliese 876. Perceba que as fortes interações gravitacionais entre os planetas causam uma rápida precessão orbital, portanto este diagrama só é válido em uma época estabelecida.
Planeta Massa
(MJúpiter)
Período orbital
(dias)
Semieixo maior
(UA)
Excentricidade
d >0,0185 ± 0,0031 1,937760 ± 0,000070 0,0208 ± 0,0012 0
c >0,619 ± 0,088 30,340 ± 0,013 0,1303 ± 0,0075 0,2243 ± 0,0013
b >1,93 ± 0,27 60,940 ± 0,013 0,208 ± 0,012 0,0249 ± 0,0026
e 0,046 ± 0,005 124,26 ± 0,7 0,3343 ± 0,0013 0,055 ± 0,012

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. ESA (1997). "HIP 113020". The Hipparcos and Tycho Catalogues.  Parâmetro desconhecido |acessoano= ignorado (|acessodata=) (Ajuda)
  2. Marcy, G. et al.. (1998). "A Planetary Companion to a Nearby M4 Dwarf, Gliese 876". The Astrophysical Journal 505 (2): L147 – L149.
  3. Johnson, H., Wright, C.. (1983). "Predicted infrared brightness of stars within 25 parsecs of the sun". The Astrophysical Journal Supplement Series 53: 643 – 711.
  4. Bean, J.L. et al.. (2006). "Metallicities of M Dwarf Planet Hosts from Spectral Synthesis". Astrophysical Journal Letters 653: L65 – L68.
  5. Saffe, C. et al.. (2005). "On the Ages of Exoplanet Host Stars". Astronomy and Astrophysics 443 (2): 609 – 626.
  6. Samus; et al. (2004). "IL Aqr". Combined General Catalogue of Variable Stars.  Parâmetro desconhecido |acessoano= ignorado (|acessodata=) (Ajuda)
  7. Bopp, B., Evans, D.. (1973). "The spotted flare stars BY Dra, CC Eri: a model for the spots, some astrophysical implications". Monthly Notices of the Royal Astronomical Society 164: 343 – 356.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Gliese 876