Globoplay

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Globoplay
Produto
Slogan Tudo Junto
Atividade Internet
Gênero Entretenimento
Fundação 3 de novembro de 2015 (3 anos)
Fundador(es) José Roberto Marinho
Sede Rio de Janeiro, RJ
Área(s) servida(s) Brasil
Pessoas-chave Antônio Yan Ribeiro Guimarães
José Roberto Marinho
Produtos Vídeo sob demanda e Streaming
Antecessora(s) globo.tv, Globo Vídeos, Globo Media Center, Globo.com Vídeo
Website oficial globoplay.com

Globoplay (anteriormente estilizado de Globo Play) é uma plataforma digital com streaming de vídeos sob demanda criada e desenvolvida pela Grupo Globo, que teve o seu lançamento feito em 26 de outubro de 2015.[1]

Disponibilidade[editar | editar código-fonte]

Seu aplicativo está disponível desde o dia 3 de novembro de 2015 pela App Store e na Google Play.[1][2] Também, possui versão para a webOS, da LG.[3] A versão web pode ser acessada pelo site da empresa.[4] Em fevereiro de 2016, seu app móvel ganhou compatibilidade com o Chromecast.[5][6][7] Estão sendo desenvolvidos aplicativos para TV's da Samsung, Philips, LG e Panasonic,[3] sendo que em abril de 2017, a TCL lançou o televisor P2 Ultra HD, cujo controle remoto possui um botão de atalho exclusivo para o aplicativo.[8] Também, foi anunciado uma versão para o Windows.[9]

O também aplicativo também disponibiliza a transmissão ao vivo da emissora via streaming, porém ele se encontra disponível apenas para usuários que estiverem na área de cobertura do canal 4 da cidade do Rio de Janeiro, do canal 5 da cidade de São Paulo, do canal 10 de Brasília, do canal 12 de Belo Horizonte, do canal 13 do Recife e do Canal 5 de Manaus.

História[editar | editar código-fonte]

Em 2016, numa ação inédita, a Globo antecipou pelo Globoplay praticamente toda a temporada de Supermax, antes da estreia na TV. No dia 16 de setembro, o assinante pode assistir pela plataforma, 11 episódios na íntegra, ficando apenas o último para ir ao ar simultaneamente com a TV.

Em 2017, pela primeira vez, assinantes e não-assinantes puderam acompanhar gratuitamente desfiles de carnaval e as apurações do Rio de Janeiro e de São Paulo, e os melhores momentos da festa em Recife – com o Galo da Madrugada e o Homem da Meia-Noite –, e nas ruas de Salvador. As íntegras dos desfiles do Rio de Janeiro (Série A e Grupo Especial) e de São Paulo também ficaram disponíveis depois da exibição ao vivo.

Em julho de 2017, séries de sucesso da Globo como O Canto da Sereia, A Teia, Amores Roubados, Presença de Anita, Anos Dourados, Subúrbia, Dona Flor e Seus Dois Maridos, A Mulher Invisível, Dercy de Verdade, Hoje é Dia de Maria, Ó Paí, Ó, Força Tarefa, Maysa: Quando Fala o Coração, Dalva e Herivelto: uma Canção de Amor, Carga Pesada e As Noivas de Copacabana foram lançadas no Globoplay em formato de longa-metragem. Para a diversão da garotada, a versão clássica do Sítio do Picapau Amarelo e a segunda temporada da série A Cara do Pai, foram lançadas no mês das férias.

No dia 10 de dezembro de 2017, o Globoplay fez a transmissão ao vivo, dos bastidores do prêmio Melhores do Ano do Domingão do Faustão. Durante a premiação, a apresentadora Adriane Galisteu e o jornalista José Armando Vannucci receberam os vencedores para um bate papo exclusivo no lounge Gshow, enquanto Hugo Gloss e a repórter Ana Flávia Simões mostraram tudo o que rolava nos bastidores da premiação.

Em 2018, visando atender uma demanda do público, a plataforma Globoplay resgatou humorísticos clássicos da emissora como Toma Lá, Dá Cá, Os Normais, A Diarista e as versões clássicas da Escolinha do Professor Raimundo e Os Trapalhões. Os programas passaram a ser disponibilizados todas as semanas, a partir do meio-dia. Em abril, o Globoplay disponibilizou para assinantes, episódios da TV Pirata, série de humor que fez história entre 1988 e 1992 na Globo. Além de quadros e episódios cuidadosamente selecionados dentre os melhores do programa, foram inseridas na plataforma as novelas Fogo no Rabo (paródia da novela Roda de Fogo, exibida na emissora em 1986) e O Segredo de Darcy, que traz Luiz Fernando Guimarães, Regina Casé e Pedro Paulo Rangel no elenco.


Em maio de 2018, o Globoplay passou a ter conteúdo voltado para as crianças. Além de receber séries e animações que já são sucesso entre as famílias brasileiras, o acervo conta com uma atração original e inédita: Escola de Gênios – coprodução do Gloob com a Mixer Films que conta a empolgante história de Isaac, um estudante de 12 anos que, por conta de suas habilidades incríveis em Matemática, ganha a oportunidade de estudar nessa escola especial. Entre novos amigos e experiências mirabolantes, Isaac descobre a Robótica e, com ela, a possibilidade de ajudar a irmã tetraplégica a jogar videogame. A Escola, onde jovens mentes brilhantes encontram maneiras divertidas e inusitadas de aprender, mostra desafios surpreendentes e experimentos em diversas áreas de estudo, trazendo para as telas a pluralidade e a diversidade entre as crianças brasileiras.



Além disso, o programa libera episódios das séries para assinantes, tendo lançamentos exclusivos.



Programação[editar | editar código-fonte]

O Globoplay oferece acesso gratuito a trechos de novelas, séries e minisséries, assim como a trechos e íntegras dos programas jornalísticos e telejornais esportivos. Os assinantes da Globo.com têm acesso às versões completas - chamadas de "íntegras" - de novelas, séries e programas. A emissora também disponibiliza aos assinantes da plataforma conteúdo gravado em resolução 4K, que inclui títulos como a séries Dupla Identidade e Ligações Perigosas.[1][2]

Na seção Replay da plataforma, o usuário pode assistir a novelas, séries e programas antigos da emissora, como Cordel Encantado, O Astro, Ti Ti Ti, Fina Estampa, Avenida Brasil, Guerra dos Sexos, Saramandaia, Totalmente Demais, Caras & Bocas, Cobras & Lagartos, O Cravo e a Rosa, Cheias de Charme, Caminho das Índias, Verdades Secretas, Senhora do Destino, temporadas antigas de Malhação, entre outros títulos.

Novelas[editar | editar código-fonte]

*versão do Vale a Pena ver de Novo

Ano Novelas
2010 Tempos Modernos / Passione / Ti Ti Ti
2011 Insensato Coração / Morde & Assopra / Fina Estampa / Malhação Conectados / A Vida da Gente / Aquele Beijo
2012 Amor Eterno Amor / Avenida Brasil / Malhação: Intensa como a Vida / Lado a Lado / Da Cor do Pecado* / Guerra dos Sexos / Salve Jorge
2013 O Profeta* / Flor do Caribe / Sangue Bom / Amor à Vida / Malhação Casa Cheia / O Cravo e a Rosa* / Joia Rara / Além do Horizonte
2014 Caras & Bocas* / Em Família / Meu Pedacinho de Chão / Geração Brasil / Malhação Sonhos / Império / Cobras & Lagartos* / Boogie Oogie / Alto Astral
2015 O Rei do Gado* / Sete Vidas / Babilônia / I Love Paraisópolis / Além do Tempo / Caminho das Índias* / Malhação: Seu Lugar no Mundo / A Regra do Jogo / Totalmente Demais
2016 Êta Mundo Bom! / Velho Chico / Anjo Mau* / Haja Coração / Malhação: Pro Dia Nascer Feliz / Sol Nascente / Cheias de Charme* / A Lei do Amor / Rock Story
2017 Senhora do Destino* / Novo Mundo / A Força do Querer / Malhação: Viva a Diferença / Pega Pega / Tempo de Amar / O Outro Lado do Paraíso / Celebridade*
2018 Deus Salve o Rei / Malhação: Vidas Brasileiras / Orgulho e Paixão / Segundo Sol / Belíssima* / O Tempo Não Para / Espelho da Vida / O Sétimo Guardião
2019 Cordel Encantado* / Verão 90

Séries[editar | editar código-fonte]

Ano Séries
2010 A Cura / As Cariocas
2011 Batendo Ponto / Tapas & Beijos / Divã / Lara com Z / Macho Man / A Mulher Invisível
2012 As Brasileiras / Louco por Elas / Como Aproveitar o Fim do Mundo
2013 Pé na Cova / O Dentista Mascarado / A Mulher do Prefeito
2014 A Teia / Doce de Mãe / O Caçador / Segunda Dama / Sexo e as Negas / Dupla Identidade
2015 Chapa Quente / Os Experientes / Amorteamo / Mister Brau
2016 Supermax / Nada Será Como Antes / A Cara do Pai
2017 Brasil a Bordo / Carcereiros / Sob Pressão / Filhos da Pátria / Treze Dias Longe do Sol / Malasartes / Entre Irmãs
2018 Onde Nascem os Fortes / Pais de Primeira
2019 Elis - Viver É Melhor Que Sonhar / 10 Segundos para Vencer

Séries Estrangeiras[editar | editar código-fonte]

Ano Título Nota
2018 The Good Doctor
2018 Marry Me
2018 Coma
2018 Ben Hur
2018 House
2018 A Tenda Vermelha
2018 Bonnie & Clyde
2018 Dawson's Creek
2018 Charmed
2018 Killing Eve
2018 A Million Little Things
2018 Hatfields & McCoys
2018 Underground: Uma História de Resistência
2018 Saco de Ossos
2018 Mad About You
2018 Jenny
2018 Moby Dick
2018 The Level
2018 Burn Up
2018 The Tudors
2018 The Triangle
2018 Chicago Fire
2018 Elementary
2019 Babylon Berlin
2019 Meu Nome É Liberdade
2019 Girlfriends' Guide to Divorce
2019 The Big Bang Theory
2019 Young Sheldon
2019 Lipstick Jungle
2019 Chicago Justice
2019 Detectorists
2019 Halfworlds
2019 Flash
2019 The Client List
2019 The Handmaid's Tale


Ano Título Estreia no Globoplay Estreia na TV
2017 Vade Retro
A Fórmula
Cidade Proibida

Conteúdos originais[editar | editar código-fonte]

O grupo já anunciou que pretende investir em projetos voltados apenas a plataforma digital, com conteúdo exclusivo. A primeira amostra, foi o lançamento do capítulo zero, da novela Totalmente Demais em 2015 e o spin-off da mesma em 2016.

Desde 2017, para promover o reality Big Brother Brasil, o Globoplay exibe - em conjunto com o portal GShow - o programa #RedeBBB e no ano seguinte, após o encerramento da 18ª temporada, criou o especial BBB18: Fogo no Parquinho.

Séries[editar | editar código-fonte]

Ano Título Gênero Nota
2017 Supermax: El Infierno en sus Mientes Suspense/Terror versão hispânica de Supermax
2018 Além da Ilha Comédia Em parceria com o Multishow
2018 Assédio Drama
2018 Ilha de Ferro Drama

Webséries[editar | editar código-fonte]

Ano Título Nota
2016 Eu Só Quero Amar Spin-off de Malhação: Seu Lugar no Mundo
2016 Totalmente Sem Noção Demais Spin-off da novela Totalmente Demais
2016 A Lenda do Mão de Luva Spin-off da novela Liberdade, Liberdade
2016 Haja Coração – Spin-off Spin-off da novela Haja Coração

Programas[editar | editar código-fonte]

Ano Título Nota
2017 #RedeBBB Exibição em conjunto com o portal GShow
2018 BBB18: Fogo no Parquinho Resumo da 18ª temporada do Big Brother Brasil

Lançamentos antecipados[editar | editar código-fonte]

Geralmente, boa parte das produções da Rede Globo - como séries e programas de variedades - são disponibilizadas com uma semana de antecedência no Globoplay, para depois exibir na TV aberta. Porém há algumas exceções, cujo intervalo de estreia entre o streaming e a TV foi muito maior.

Ano Título Estreia no Globoplay Estreia na TV
2016 Supermax 16 de setembro de 2016 20 de setembro de 2016
2017 Brasil a Bordo 04 de maio de 2017 25 de janeiro de 2018
2017 Carcereiros 08 de junho de 2017 04 de setembro de 2017 (Mais Globosat)

26 de abril de 2018 (Rede Globo)

2018 Pais de Primeira 18 de novembro de 2018 25 de novembro de 2018

Notas

Referências

  1. a b c «Globo Play: a programação da Globo ao vivo ao alcance de um 'play'; saiba». Rede Globo. Globo.com. 26 de outubro de 2015. Consultado em 30 de outubro de 2015 
  2. a b Paulo Higa (26 de outubro de 2015). «Globo Play: streaming ao vivo (e grátis) da TV Globo». Tecnoblog. Consultado em 30 de outubro de 2015 
  3. a b «Globo Play é lançado nas Smart TVs da marca LG». G1. Globo.com. 30 de dezembro de 2015. Consultado em 16 de fevereiro de 2016 
  4. «Globo Play leva TV aberta para PCs, tablets e smartphones». Experiências Digitais. Revista Época. 27 de outubro de 2014. Consultado em 30 de outubro de 2015 
  5. «Globo Play chega em TVs comuns via Chromecast nesta segunda». NaTelinha. Universo Online, NE10. 16 de fevereiro de 2016. Consultado em 16 de fevereiro de 2016 
  6. Vera Magalhães (14 de fevereiro de 2016). «Globo Play chega às TVs comuns via Chromecast». Radar On-line. Veja. Consultado em 28 de maio de 2016 
  7. Elson de Souza (20 de dezembro de 2015). «Globo Play e Globosat Play: apps permitem assistir TV online». TechTudo. Globo.com. Consultado em 28 de maio de 2016 
  8. «TCL lança smart TV 4K com botão exclusivo Globo Play». Tela Viva. 5 de abril de 2017. Consultado em 11 de junho de 2017 
  9. «No Android e iOS, app Globo Play também chegará ao Windows 10». TudoCelular. 13 de novembro de 2015. Consultado em 16 de fevereiro de 2016 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]