Gonçalo Duarte

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Gonçalo Duarte
Nascimento 1935
Lisboa
Morte 1986 (51 anos)
Paris
Nacionalidade Portugal portuguesa
Área Artes Plásticas / Pintura

Gonçalo Hebe Gomes Azêdo Duarte (Lisboa, 1935 – Paris, 1986) foi um pintor português.[1]

Biografia / Obra[editar | editar código-fonte]

Relevo, 1971, madeira, verga, ferro, osso, 34 x 51 x 7 cm

Frequentou a Escola de Belas-Artes de Lisboa e, também, a Academia de Belas Artes de Munique (Akademie der Bildenden Künste München) com uma bolsa concedida pelo governo alemão. Foi bolseiro da Fundação Calouste Gulbenkian em Paris.[2]

Em Paris associou-se a René Bertholo, joão Vieira, Lourdes Castro, José Escada, Christo e Jan Voss na fundação da revista e do grupo KWY. Participou em exposições desse grupo: Universidade de Sarrebrücken (1960); SNBA, Lisboa (1960); Galerie Soleil dans la Tête, Paris (1961); etc.

A sua pintura inicial aproxima-se da abstração lírica; viria depois a infletir, realizando pinturas e assemblages de pendor surrealizante ligadas às novas direções figurativas que se afirmam na década de 1960 (entre as quais o Nouveau réalisme).[3]

Está representado em coleções públicas e privadas, nomeadamente: Fundação Cupertino de Miranda, Aldoar[4]; Fundação Calouste Gulbenkian, Lisboa; etc.

Exposições individuais[editar | editar código-fonte]

1971 – Galeria Judite Dacruz, Lisboa

1972 – Galerie Messine, Paris

1973 – Toumarkine, Paris

1974 – Galeria S. Francisco, Lisboa

1979 – Centro Cultural Português da Fundação Calouste Gulbenkian, Paris

1981 – Diagonale, Paris

1983 – História Trágico Marítima, SNBA, Lisboa.

1984 – Cidadela, Cascais; Diagonale, Paris

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. A.A.V.V. – II Exposição de Artes Plásticas da Fundação Calouste Gulbenkian. Lisboa: Fundação Calouste Gulbenkian, 1961
  2. «Gonçalo Duarte – Galeria de S. Mamede». www.saomamede.com 
  3. «Eurico Gonçalves, 1986. In: Gonçalo Duarte – Galeria de S. Mamede». www.saomamede.com 
  4. «Fórum de Ermesinde expõe Gonçalo Duarte: Obra plástica – Câmara Municipal de Valongo». www.cm-valongo.pt