Gonbad-e Qābus (torre)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Pix.gif Gonbad-e Qabus *
Welterbe.svg
Património Mundial da UNESCO

Gonbad-e Qabus.JPG
Torre de Gonbad-e Qabus
País  Irão
Tipo Cultural
Critérios i, ii, iii, iv
Referência 1398
Região** Ásia e Oceania
Coordenadas 38° 04′ 50,78″ N, 46° 17′ 32,23″ L
Histórico de inscrição
Inscrição 2012  (36ª sessão)
* Nome como inscrito na lista do Património Mundial.
** Região, segundo a classificação pela UNESCO.

A Torre Gonbad-e Qabus é um monumento na cidade de Gonbad-e Qabus, Irã. A torre, localizada na parte central da cidade tem 72 metros de altura[1] (incluindo sua plataforma). Foi construída em 1006 d.C., de tijolos e é um enorme decágono com um teto cônico, o que gera uma proporção áurea Phi, igual a 1.618. Feita a mando do Ziyarid Amir Shams ol-Ma'āli Qabus ibn Wushmgir (شمس المعالي قابوس بن وشمگير).

O seu interior contem os mais antigos exemplos do estilo decorativo Mugarna. A torre foi construída com um design arquitetônico e científico de um jeito que, de um círculo externo pode-se ouvir o eco de outro círculo.

Possui uma inscrição em árabe na sua parte traseira:

هذا القصر العالي – لامير شمس المعالي – الامير قابوس ابن وشمگير – امر به بنائه في حياته – سنه سبع و تسعين – و ثلثمائه قمريه و سنه خمس و سبعين و ثلثمائه شمسيه
"Este alto palácio para o Príncipe Shams ul-Ma'ali, construído por Amir Qabus ibn Wushmgir durante sua vida, no ano lunar de 397 e

no ano solar de 375"

UNESCO[editar | editar código-fonte]

A UNESCO inscreveu Gonbad-e Qabus como Patrimônio Mundial por "ser a única evidência remanescente de Jorjan, um antigo centro de artes e ciências que foi destruído pelos mongóis. É um exemplo tecnologicamente inovador da arquitetura islâmica que influenciou as construções sacras do Irã, Anatólia e Ásia Central"[2]

Referências

  1. SkyscraperPage - Gonbad-e Qabus Tower
  2. Gonbad-e Qabus. UNESCO World Heritage Centre - World Heritage List (whc.unesco.org). Em inglês ; em francês ; em espanhol. Páginas visitadas em 01/01/2014.