Governador-geral da Austrália

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Question book-4.svg
Esta página cita fontes confiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo (desde julho de 2019). Ajude a inserir referências. Conteúdo não verificável poderá ser removido.—Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Badge of the Governor-General of Australia.svg
Governador-geral da Comunidade da Austrália
Bandeira do governador-geral da Austrália
David Hurley official photo (cropped).jpg
No cargo
David Hurley

desde 1 de julho de 2019
Estilo Sua Excelência o Honorável
Residência Government House, Canberra
Admiralty House, Sydney
Nomeado por Scott Morrison
Designado por Isabel II do Reino Unido
Duração At Her Majesty’s Pleasure, estipulada pelo Monarca britânico
Geralmente 5 anos, por convenção[1]
Precursor Sir Peter Cosgrove
Criado em 1901
Primeiro titular John Hope, 7.º Duque de Hopetoun e 1.º Marquês de Linlithgow
Salário $495,000
Website gg.gov.au

O cargo de governador-geral da Comunidade da Austrália é ocupado pelo representante do monarca da Austrália, que exerce o poder executivo supremo na Comunidade das Nações. Dado que a rainha reside no Reino Unido e é, simultaneamente, a monarca de quinze outros reinos da Comunidade das Nações, é ela que, aconselhada pelo primeiro-ministro, designa um governador-geral com o intuito de realizar os deveres constitucionais dentro da Comunidade da Austrália.

O papel do governador-geral garantido pela Constituição da Austrália é o de nomear embaixadores, ministros, juízes e dar o Consentimento Real para novas leis, convocar eleições e conferir honrarias. O governador-geral também é presidente do Conselho Executivo Federal e comandante-em-chefe das Forças Armadas da Austrália. Apesar de possuir vários poderes, o governador-geral age apenas sob a direção do primeiro-ministro da Austrália.

A seleção para o cargo é realizada pelo primeiro-ministro da Austrália e submetida ao monarca, que pode recusar o pedido. No entanto, apenas o monarca possui o direito de nomear alguém para o cargo, que toma posse após uma cerimônia realizada no Senado da Austrália.

Os governadores-gerais não possuem um mandato fixo, mas são geralmente mantidos no cargo por cinco anos.

Desde a Federação até 1965, onze dos quinze governadores-gerais foram aristocratas britânicos (quatro barões, três viscondes, três condes e um duque real). Desde então, todos os indivíduos designados para o cargo (com a exceção de Ninian Stephen) nasceram na Austrália. Apenas uma mulher (Quentin Bryce, 2008–2014) serviu neste cargo.

Referências

  1. Governor-General Retrieved 21 March 2016.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre a Austrália é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.