Governo Provisório da República Argelina

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

O Governo Provisório da República Argelina (GPRA) é a o lado político do Frente de Libertação Nacional (FLN) durante a guerra da independência da Argélia. Foi o GPRA que negociou os acordos de paz, os chamados acordos de Évian, com a França em 1962, em Évian-les-Bains, na França..

O anuncio oficial da constituição do governo provisório do GPRA tinha tido lugar no Cairo a 19 de setembro de 1958, e nesse mesmo dia foi feita uma declaração pública pelo primeiro présidente do GPRA, Ferhat Abbas, onde definia as circunstâncias do criação do governo e os objectivos esperados.

Na realidade, o governo provisório havia posto as autoridades francesas defronte à realidade dos factos, enquanto que este pretendia não ter um interlocutor para negociar! [1].

Presidentes[editar | editar código-fonte]

Efemérides[editar | editar código-fonte]

Publicações[editar | editar código-fonte]

  • René Mayer Algérie, mémoire déracinée L'Harmattan 1999

Referências

  1. Gaullisme.fr (em francês) Visitado: Março 2014