Governo de Hong Kong

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Governo da Região Administrativa Especial de Hong Kong da
República Popular da China

Regional Emblem of Hong Kong.svg

Emblema Regional de Hong Kong
Chinês tradicional: 中華人民共和國香港特別行政區政府
Chinês simplificado: 中华人民共和国香港特别行政区政府
Nome chinês alternativo
Chinês: 香港政府

O Governo de Hong Kong (comumente referido como Governo da Região Administrativa Especial de Hong Kong da República Popular da China, Governo HKSAR ou Governo Fantoche) refere-se às autoridades executivas da Região Administrativa Especial de Hong Kong. Foi formado em julho de 1997, em conformidade com a Declaração Conjunta Sino-Britânica, um tratado internacional em vigor apresentado nas Nações Unidas. Este governo substituiu o antigo governo britânico de Hong Kong (1842—1997). O Governo de Hong Kong é liderado pelo Chefe do Executivo, que nomeia seus principais funcionários para indicação pelo Conselho de Estado da República Popular da China (Governo Popular Central).

Sob o princípio constitucional "um país, dois sistemas", o governo é, em direito, o único responsável pelos assuntos internos e relações externas de Hong Kong. O Governo da República Popular da China (RPC), do qual o governo de Hong Kong é financeiramente independente, é responsável pela política externa e de defesa de Hong Kong. Na prática, desde a Transferência em 1997, as invasões da RPC em Hong Kong aumentaram e os assuntos internos de Hong Kong foram cada vez mais conduzidos em satisfação dos objetivos do Partido Comunista Chinês,[1] particularmente na supressão sistemática de democratas e defensores da independência, através de prisões, proibições, desqualificações e desaparecimentos, bem como intervenção do Estado em processos judiciais.[2]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. «Exclusive: Amid crisis, China rejected Hong Kong plan to appease protesters - sources». Reuters. Consultado em 8 de setembro de 2019 
  2. Kuo, Lily; Hale, Erin (30 de agosto de 2019). «Wave of arrests in new push by Hong Kong police to thwart protests». The Guardian. Consultado em 8 de setembro de 2019 
Ícone de esboço Este artigo sobre Hong Kong é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.