Graciela Borges

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Graciela Borges
Nascimento Graciela Noemí Zabala
10 de junho de 1941 (81 anos)
Dolores
Cidadania Argentina
Cônjuge Juan Manuel Bordeu
Ocupação atriz, ator/atriz de cinema

Graciela Borges (Dolores, 10 de junho de 1941) é uma atriz argentina.[1] Estreou no cinema aos 14 anos, e atuou em mais de cinquenta filmes.[2] Em 2002, Borges recebeu o Prêmio Condor de Prata de Melhor Atriz por seu papel em O Pântano (2001), de Lucrecia Martel.[3]

Referências

  1. Graciela Borges no Internet Movie Database.
  2. Fernández Zini, Sebastián (8 de novembro de 2011). «Graciela Borges: "Ser abuela me llena de amor, luz y felicidad"». ¡Hola!. hola.com.ar. Consultado em 4 de janeiro de 2020 
  3. «La noche del cine local». La Nación (em espanhol). 12 de setembro de 2002. Consultado em 4 de janeiro de 2021 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria com imagens e outros ficheiros sobre Graciela Borges