Graciela Borges

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Graciela Borges
Nascimento Graciela Noemí Zabala
10 de junho de 1941 (80 anos)
Cidadania Argentina
Cônjuge Juan Manuel Bordeu
Ocupação actriz, ator de cinema

Graciela Borges (Dolores, 10 de junho de 1941) é uma atriz argentina.[1] Estreou no cinema aos 14 anos, e atuou em mais de cinquenta filmes.[2] Em 2002, Borges recebeu o Prêmio Condor de Prata de Melhor Atriz por seu papel em O Pântano (2001), de Lucrecia Martel.[3]

Referências

  1. Graciela Borges no Internet Movie Database.
  2. Fernández Zini, Sebastián (8 de novembro de 2011). «Graciela Borges: "Ser abuela me llena de amor, luz y felicidad"». ¡Hola!. hola.com.ar. Consultado em 4 de janeiro de 2020 
  3. «La noche del cine local». La Nación (em espanhol). 12 de setembro de 2002. Consultado em 4 de janeiro de 2021 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria com imagens e outros ficheiros sobre Graciela Borges