Grande Prêmio da Espanha de 1999

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Grande Prêmio da Espanha
de Fórmula 1 de 1999
Circuit Catalunya 1995-2003.svg
Nono GP da Espanha em Barcelona
Detalhes da corrida
Categoria Fórmula 1
Data 30 de maio de 1999
Nome oficial XLI Gran Premio Marlboro de España[nota 1]
Local Circuito de Barcelona, Montmeló, Província de Barcelona, Catalunha, Espanha
Total 65 voltas / 307.320 km
Condições do tempo Nublado, quente, seco
Pole
Piloto
Finlândia Mika Häkkinen McLaren-Mercedes
Tempo 1:22.088
Volta mais rápida
Piloto
Alemanha Michael Schumacher Ferrari
Tempo 1:24.982 (na volta 29)
Pódio
Primeiro
Finlândia Mika Häkkinen McLaren-Mercedes
Segundo
Reino Unido David Coulthard McLaren-Mercedes
Terceiro
Alemanha Michael Schumacher Ferrari

Resultados do Grande Prêmio da Espanha de Fórmula 1 realizado em Barcelona em 30 de maio de 1999. Quinta etapa do campeonato, foi venciso pelo finlandês Mika Häkkinen, que subiu ao pódio junto a David Coulthard numa dobradinha da McLaren-Mercedes, com Michael Schumacher em terceiro pela Ferrari, sendo este o mesmo pódio do ano anterior.[1][2]

Classificação da prova[editar | editar código-fonte]

Treino oficial[editar | editar código-fonte]

Pos. Piloto Construtor Tempo Diferença
1 1 Finlândia Mika Häkkinen McLaren-Mercedes 1:22.088
2 4 Reino Unido Eddie Irvine Ferrari 1:22.219 + 0.131
3 2 Reino Unido David Coulthard McLaren-Mercedes 1:22.244 + 0.156
4 3 Alemanha Michael Schumacher Ferrari 1:22.277 + 0.189
5 11 França Jean Alesi Sauber-Petronas 1:22.388 + 0.300
6 22 Canadá Jacques Villeneuve BAR-Supertec 1:22.703 + 0.615
7 16 Brasil Rubens Barrichello Stewart-Ford 1:22.920 + 0.832
8 8 Alemanha Heinz-Harald Frentzen Jordan-Mugen/Honda 1:22.938 + 0.850
9 19 Itália Jarno Trulli Prost-Peugeot 1:23.194 + 1.106
10 6 Alemanha Ralf Schumacher Williams-Supertec 1:23.303 + 1.215
11 7 Reino Unido Damon Hill Jordan-Mugen/Honda 1:23.317 + 1.229
12 12 Brasil Pedro Paulo Diniz Sauber-Petronas 1:23.331 + 1.243
13 9 Itália Giancarlo Fisichella Benetton-Playlife 1:23.333 + 1.245
14 17 Reino Unido Johnny Herbert Stewart-Ford 1:23.505 + 1.417
15 18 França Olivier Panis Prost-Peugeot 1:23.559 + 1.471
16 23 Finlândia Mika Salo BAR-Supertec 1:23.683 + 1.595
17 5 Itália Alessandro Zanardi Williams-Supertec 1:23.703 + 1.615
18 10 Áustria Alexander Wurz Benetton-Playlife 1:23.824 + 1.736
19 14 Espanha Pedro de La Rosa Arrows 1:24.619 + 2.531
20 15 Japão Toranosuke Takagi Arrows 1:25.280 + 3.192
21 21 Espanha Marc Gené Minardi-Ford 1:25.672 + 3.584
22 20 Itália Luca Badoer Minardi-Ford 1:25.833 + 3.745
Limite dos 107%: 1:27.834
Fonte:[1]

Corrida[editar | editar código-fonte]

Pos. Piloto Construtor Voltas Tempo/Diferença Grid Pontos
1 1 Finlândia Mika Häkkinen McLaren-Mercedes 65 1:34:13.665 1 10
2 2 Reino Unido David Coulthard McLaren-Mercedes 65 + 6.238 3 6
3 3 Alemanha Michael Schumacher Ferrari 65 + 10.845 4 4
4 4 Reino Unido Eddie Irvine Ferrari 65 + 30.182 2 3
5 6 Alemanha Ralf Schumacher Williams-Supertec 65 + 1:27.208 10 2
6 19 Itália Jarno Trulli Prost-Peugeot 64 + 1 volta 9 1
7 7 Reino Unido Damon Hill Jordan-Mugen/Honda 64 + 1 volta 11
8 23 Finlândia Mika Salo BAR-Supertec 64 + 1 volta 16
9 9 Itália Giancarlo Fisichella Benetton-Playlife 64 + 1 volta 13
10 10 Áustria Alexander Wurz Benetton-Playlife 64 + 1 volta 18
DSQ 16 Brasil Rubens Barrichello Stewart-Ford 64 Desclassificado 7 [3][nota 2]
11 14 Espanha Pedro de La Rosa Arrows 63 + 2 voltas 19
12 15 Japão Toranosuke Takagi Arrows 62 + 3 voltas 20
Ret 20 Itália Luca Badoer Minardi-Ford 50 Spun Off 22
Ret 22 Canadá Jacques Villeneuve BAR-Supertec 40 Câmbio 6
Ret 12 Brasil Pedro Paulo Diniz Sauber-Petronas 40 Transmissão 12
Ret 17 Reino Unido Johnny Herbert Stewart-Ford 40 Transmissão 14
Ret 8 Alemanha Heinz-Harald Frentzen Jordan-Mugen/Honda 35 Halfshaft 8
Ret 11 França Jean Alesi Sauber-Petronas 27 Transmissão 5
Ret 5 Itália Alessandro Zanardi Williams-Supertec 24 Câmbio 17
Ret 18 França Olivier Panis Prost-Peugeot 24 Câmbio 15
Ret 21 Espanha Marc Gené Minardi-Ford 0 Câmbio 21
Fonte:[1][nota 1][nota 3]

Tabela do campeonato após a corrida[editar | editar código-fonte]

  • Nota: Somente as primeiras cinco posições estão listadas.

Notas

  1. a b Em 1913 a primeira edição do Grande Prêmio da Espanha foi batizada em honra ao Real Automóvel Clube da Espanha e nos anos seguintes recebeu a denominação atual, mas em 1933 aquela que seria a sétima edição da prova espanhola, foi nomeada como a oitava e esse erro não foi corrigido. Desde então, a numeração oficial adotada pelos espanhóis inclui um Grande Prêmio além dos que foram efetivamente realizados.
  2. Rubens Barrichello foi desclassificado por irregularidades em sua Stewart: as peças de metal que prendem a prancha de madeira do fundo do carro ao corpo do chassi tinham medidas diferentes das especificadas pelo regulamento.
  3. Voltas na liderança: Mika Häkkinen 61 voltas (1-23; 27-44; 46-65), David Coulthard 4 voltas (24-26; 45).

Referências

  1. a b c «1999 Spanish Grand Prix - race result». Consultado em 2 de agosto de 2019 
  2. Mário Andrada e Silva (31 de maio de 1999). «Hakkinen vence de ponta a ponta. Primeiro Caderno – Esportes, p. 07». bndigital.bn.gov.br. Jornal do Brasil. Consultado em 24 de agosto de 2019 
  3. «Para Barrichello, Stewart parou de evoluir». Folha UOL. 31 de maio de 1999 
  4. a b «1999 Spanish GP – championships (em inglês) no Chicane F1». Consultado em 15 de novembro de 2021 

Precedido por
Grande Prêmio de Mônaco de 1999
Campeonato Mundial de Fórmula 1 da FIA
Ano de 1999
Sucedido por
Grande Prêmio do Canadá de 1999
Precedido por
Grande Prêmio da Espanha de 1998
Grande Prêmio da Espanha
40ª edição
Sucedido por
Grande Prêmio da Espanha de 2000