Grande Prêmio de Mônaco de 2015

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Grande Prêmio de Mônaco de F-1 2015
Monte Carlo Formula 1 track map.svg
Grande Prêmio de Mônaco de 2015.
Detalhes da corrida
Data 24 de maio de 2015
Nome oficial Formula 1 Grand Prix de Monaco 2015
Local Circuito de Monte Carlo, Monte Carlo, Mônaco
Percurso 3.337 km
Total 78 voltas / 260.286 km
Pole
Piloto
Reino Unido Lewis Hamilton Mercedes
Tempo 1:15.098
Volta mais rápida
Piloto
Austrália Daniel Ricciardo RBR
Tempo 1:18.063 (na volta 74)
Pódio
Primeiro
Alemanha Nico Rosberg Mercedes
Segundo
Alemanha Sebastian Vettel Ferrari
Terceiro
Reino Unido Lewis Hamilton Mercedes

O Grande Prêmio de Mônaco de 2015 (formalmente denominado Formula 1 Grand Prix de Monaco 2015) foi uma corrida de Fórmula 1 disputada em 24 de maio de 2015 no Circuito de Monte Carlo, em Monte Carlo, Mônaco.[1] Foi a sexta etapa da temporada de 2015.

No segundo treino livre a chuva obrigou a utilização dos compostos para pista molhada.[2]

Lewis Hamilton era o líder da prova com folga quando na volta 64 houve a entrada do carro de segurança devido ao acidente de Max Verstappen. Foi chamado para efetuar uma parada dos boxes, retornando a pista atrás do companheiro de equipe Nico Rosberg e Sebastian Vettel da Ferrari, que não o fizeram. A equipe Mercedes admitiria que errou na estratégia. Nico venceu este Grande Prêmio pela terceira vez consecutiva, tornando-se o quarto piloto na historia a realizar o feito.[3]

Pneus[editar | editar código-fonte]

Pneus fornecidos pela Pirelli utilizados neste Grande Prêmio[4]
Nome do composto Cor Banda de rolamento Condições de Tempo Dry Type Aderência Longevidade
Super Macio Neumático F1 Súper blando.png Slick
(P Zero)
Seco Supersoft Mais aderência Menos durável
Macio Neumático F1 Blando.png Slick
(P Zero)
Seco Soft Médio Médio
Intermediário Neumático F1 Intermedios.png Sulcos
(Cinturato)
Molhado Intermediate
(água não estagnante)
x x
Chuva Neumático F1 Lluvia.png Sulcos
(Cinturato)
Molhado Wet
(água estagnante)
x x

Resultados[editar | editar código-fonte]

Treino Classificatório[editar | editar código-fonte]

Pos. Piloto Construtor Q1 Q2 Q3 Grid
1 44 Reino Unido Lewis Hamilton Mercedes 1:16.588 1:15.864 1:15.098 1
2 6 Alemanha Nico Rosberg Mercedes 1:16.528 1:15.471 1:15.440 2
3 5 Alemanha Sebastian Vettel Ferrari 1:17.502 1:16.181 1:15.849 3
4 3 Austrália Daniel Ricciardo Red Bull-Renault 1:17.254 1:16.706 1:16.041 4
5 26 Rússia Daniil Kvyat Red Bull-Renault 1:16.845 1:16.453 1:16.182 5
6 7 Finlândia Kimi Räikkönen Ferrari 1:17.660 1:16.440 1:16.427 6
7 11 México Sergio Pérez Force India-Mercedes 1:17.376 1:16.999 1:16.808 7
8 55 Espanha Carlos Sainz Jr. Toro Rosso-Renault 1:17.246 1:16.762 1:16.931 Box 2
9 13 Venezuela Pastor Maldonado Lotus-Mercedes 1:17.630 1:16.775 1:16.946 8
10 33 Países Baixos Max Verstappen Toro Rosso-Renault 1:16.750 1:16.546 1:16.957 9
11 8 França Romain Grosjean Lotus-Mercedes 1:17.767 1:17.007 15 1
12 22 Reino Unido Jenson Button McLaren-Honda 1:17.492 1:17.093 10
13 27 Alemanha Nico Hülkenberg Force India-Mercedes 1:17.552 1:17.193 11
14 19 Brasil Felipe Massa Williams-Mercedes 1:17.679 1:17.278 12
15 14 Espanha Fernando Alonso McLaren-Honda 1:17.778 1:26.632 13
16 12 Brasil Felipe Nasr Sauber-Ferrari 1:18.101 14
17 77 Finlândia Valtteri Bottas Williams-Mercedes 1:18.434 16
18 9 Suécia Marcus Ericsson Sauber-Ferrari 1:18.513 17
19 28 Reino Unido Will Stevens Manor Marussia-Ferrari 1:20.655 18
20 98 Espanha Roberto Merhi Manor Marussia-Ferrari 1:20.904 19
Tempo dos 107%: 1:21.884
Fonte:[5]

Corrida[editar | editar código-fonte]

Pos. Nu. Piloto Construtor Voltas Tempo/Retirado Grid Pontos
1 6 Alemanha Nico Rosberg Mercedes 78 1:49:18.420 2 25
2 5 Alemanha Sebastian Vettel Ferrari 78 +4.485 3 18
3 44 Reino Unido Lewis Hamilton Mercedes 78 +6.053 1 15
4 26 Rússia Daniil Kvyat Red Bull-Renault 78 +11.965 5 12
5 3 Austrália Daniel Ricciardo Red Bull-Renault 78 +13.603 4 10
6 7 Finlândia Kimi Räikkönen Ferrari 78 +14.345 6 8
7 11 México Sergio Pérez Force India-Mercedes 78 +15.013 7 6
8 22 Reino Unido Jenson Button McLaren-Honda 78 +16.063 10 4
9 12 Brasil Felipe Nasr Sauber-Ferrari 78 +23.626 14 2
10 55 Espanha Carlos Sainz Jr. Toro Rosso-Renault 78 +25.056 8 1
11 27 Alemanha Nico Hülkenberg Force India-Mercedes 78 +26.200 13
12 8 França Romain Grosjean Lotus-Mercedes 78 +28.400 11
13 9 Suécia Marcus Ericsson Sauber-Ferrari 78 +31.100 17
14 77 Finlândia Valtteri Bottas Williams-Mercedes 78 +45.700 16
15 19 Brasil Felipe Massa Williams-Mercedes 77 +1 volta 12
16 98 Espanha Roberto Merhi Manor Marussia-Ferrari 76 +2 voltas 19
17 28 Reino Unido Will Stevens Manor Marussia-Ferrari 76 +2 voltas 18
Ret 33 Países Baixos Max Verstappen Toro Rosso-Renault 63 Batida 9
Ret 14 Espanha Fernando Alonso McLaren-Honda 41 Câmbio 13
Ret 13 Venezuela Pastor Maldonado Lotus-Mercedes 6 Freios 8
Fonte:[6]

Tabela do campeonato após a corrida[editar | editar código-fonte]

Somente as cinco primeiras posições estão incluídas nas tabelas.

Referências

  1. «Formula 1 Grand Prix de Monaco 2015» (em inglês). Formula 1.com 
  2. «Chuva atrapalha 2º treino em Mônaco; no seco, Mercedes voa, e jovens surpreendem». ESPN. 21 de maio de 2015 
  3. «Após erro na estratégia de Hamilton, Rosberg vence pela 3ª vez em Mônaco». Folha UOL. 24 de maio de 2015 
  4. «Pirelli reveal tyre choices for Spain, Monaco, Canada and Austria» (em inglês). Formula 1. 22 de abril de 2015 
  5. «Qualifying – Monaco» (em inglês). Formula 1. Consultado em 23 de maio de 2015 
  6. «Formula 1 Grand Prix de Monaco 2015» (em inglês). Formula 1. 24 de maio de 2015 
Prova Anterior:
GP da Espanha de 2015
Campeonato do Mundo FIA de Fórmula 1
Temporada 2015
Próxima Prova:
GP do Canadá de 2015

Prova Anterior:
GP de Mônaco de 2014
Grande Prêmio de Mônaco Próxima Prova:
GP de Mônaco de 2016