Grande Prêmio do Japão de 1988

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Grande Prêmio do Japão
de Fórmula 1 de 1988
Suzuka circuit map (1987-2002).svg
Grande Prêmio do Japão de 1988.
Detalhes da corrida
Data 30 de Outubro de 1988
Local Suzuka, Japão
Percurso 5,859 km
Total 51 voltas / 298,809 km
Pole
Piloto
Brasil Ayrton Senna McLaren-Honda
Tempo 1'41.853
Volta mais rápida
Piloto
Brasil Ayrton Senna McLaren-Honda
Tempo 1'46.326 (na volta 33)
Pódio
Primeiro
Brasil Ayrton Senna McLaren-Honda
Segundo
França Alain Prost McLaren-Honda
Terceiro
Bélgica Thierry Boutsen Benetton-Ford

Resultados do Grande Prêmio do Japão realizado em Suzuka a 30 de Outubro de 1988.

Na largada, o motor do carro de Senna falhou e ele não conseguiu fazer o carro sair do grid. Mas ao mesmo tempo que os demais pilotos de atrás se desviaram do carro do piloto brasileiro, ele manteve o pé na embreagem para deixar deslizar o carro, porque o grid de Suzuka é numa descida. Assim que ele conseguiu fazer o motor funcionar, Senna tinha caído para a 14ª posição, mas a partir daquele momento, começa a fazer uma grande corrida de recuperação.

Completou a primeira volta em 8º; a segunda em 6º; a terceira em 5º; a quarta em 4º; a 11ª volta era o 3º; quase no final da 19ª volta ia para 2º com o abandono de Capelli; ao completar a 20ª volta, Prost olha pelo retrovisor direito e vê que o 2º colocado não era o italiano da March, e sim o carro de Senna que vinha andando cada vez mais rápido.

Quando vinha para terminar a 26ª volta, o piloto francês faz o contorno da chicane e fica preso atrás do Rial de Andrea de Cesaris; com isso o brasileiro se aproxima mais na saída da chicane e no início da reta colou no carro do piloto francês; ao abrir a 27ª volta, Senna aproveitou o vácuo do seu companheiro de equipe na descida da reta dos boxes e ultrapassou-o, que ao ser ultrapassado, tentou espremê-lo na pequena área de escape da mureta dos boxes, mas isso foi em vão porque o piloto brasileiro contornou a primeira curva à frente dele.

Até o final não houve nenhuma novidades, e assim Ayrton Senna pôde vencer a prova e ser Campeão Mundial pela primeira vez.

Treino Classificatório[editar | editar código-fonte]

Pos No Piloto Chassi/Motor Q1 Q2
1 12 Brasil Ayrton Senna McLaren-Honda (t) 1:42.157 1:41.853
2 11 França Alain Prost McLaren-Honda (t) 1:43.806 1:42.177
3 28 Áustria Gerhard Berger Ferrari (t) 1:43.548 1:43.353
4 16 Itália Ivan Capelli March-Judd (a) 1:44.583 1:43.605
5 1 Brasil Nelson Piquet Lotus-Honda (t) 1:45.171 1:43.693
6 2 Japão Satoru Nakajima Lotus-Honda (t) 1:45.156 1:43.693
7 17 Reino Unido Derek Warwick Arrows-Megatron (t) 1:46.915 1:43.816
8 5 Reino Unido Nigel Mansell Williams-Judd (a) 1:44.448 1:43.893
9 27 Itália Michele Alboreto Ferrari (t) 1:44.909 1:43.972
10 20 Bélgica Thierry Boutsen Benetton-Ford (a) 1:44.882 1:44.499
11 6 Itália Riccardo Patrese Williams-Judd (a) 1:45.510 1:44.555
12 19 Itália Alessandro Nannini Benetton-Ford (a) 1:45.047 1:44.611
13 15 Brasil Maurício Gugelmin March-Judd (a) 1:45.138 1:45.156
14 22 Itália Andrea de Cesaris Rial-Ford (a) 1:48.393 1:45.558
15 18 Estados Unidos Eddie Cheever Arrows-Megatron (t) 1:45.845 1:46.189
16 3 Reino Unido Jonathan Palmer Tyrrell-Ford (a) 1:47.828 1:45.916
17 23 Itália Pierluigi Martini Minardi-Ford (a) 1:47.638 1:46.449
18 14 França Philippe Streiff AGS-Ford (a) 1:47.583 1:46.486
19 30 França Philippe Alliot Lola-Ford (a) 1:47.057 1:46.521
20 29 Japão Aguri Suzuki Lola-Ford (a) 1:48.448 1:46.920
21 36 Itália Alex Caffi Dallara-Ford (a) 1:47.813 1:46.982
22 24 Espanha Luis Pérez-Sala Minardi-Ford (a) 1:48.769 1:47.134
23 25 França René Arnoux Ligier-Judd (a) 1:49.165 1:47.193
24 21 Itália Nicola Larini Osella (t) 1:48.706 1:47.547
25 10 Alemanha Ocidental Bernd Schneider Zakspeed (t) 1:49.897 1:47.599
26 4 Reino Unido Julian Bailey Tyrrell-Ford (a) 1:49.420 1:48.589
NQ 26 Suécia Stefan Johansson Ligier-Judd (a) 1:49.127 1:48.716
NQ 32 Argentina Oscar Larrauri EuroBrun-Ford (a) 1:50.224 1:49.265
NQ 9 Itália Piercarlo Ghinzani Zakspeed (t) 1:49.706 1:50.550
NQ 33 Itália Stefano Modena EuroBrun-Ford (a) 1:49.812 1:50.047
NPQ 31 Itália Gabriele Tarquini Coloni-Ford (a) 1:52.234

Classificação da Prova[editar | editar código-fonte]

Pos Piloto Chassi/Motor Voltas Tempo Grid Pts
1 12 Brasil Ayrton Senna McLaren-Honda (t) 51 1:33'26.173 1 9
2 11 França Alain Prost McLaren-Honda (t) 51 + 13.363 2 6
3 20 Bélgica Thierry Boutsen Benetton-Ford (a) 51 + 36.109 10 4
4 28 Áustria Gerhard Berger Ferrari (t) 51 + 1'26.714 3 3
5 19 Itália Alessandro Nannini Benetton-Ford (a) 51 + 1'30.603 12 2
6 6 Itália Riccardo Patrese Williams-Judd (a) 51 + 1'37.615 11 1
7 2 Japão Satoru Nakajima Lotus-Honda (t) 50 + 1 Volta 6  
8 14 França Philippe Streiff AGS-Ford (a) 50 + 1 Volta 18  
9 30 França Philippe Alliot Lola-Ford (a) 50 + 1 Volta 19  
10 15 Brasil Maurício Gugelmin March-Judd (a) 50 + 1 Volta 13  
11 27 Itália Michele Alboreto Ferrari (t) 50 + 1 Volta 9  
12 3 Reino Unido Jonathan Palmer Tyrrell-Ford (a) 50 + 1 Volta 16  
13 23 Itália Pierluigi Martini Minardi-Ford (a) 49 + 2 Voltas 17  
14 4 Reino Unido Julian Bailey Tyrrell-Ford (a) 49 + 2 Voltas 26  
15 24 Espanha Luis Pérez-Sala Minardi-Ford (a) 49 + 2 Voltas 22  
16 29 Japão Aguri Suzuki Lola-Ford (a) 48 + 3 Voltas 20  
17 25 França René Arnoux Ligier-Judd (a) 48 + 3 Voltas 23  
Ret 22 Itália Andrea de Cesaris Rial-Ford (a) 36 Superaquecimento 14  
Ret 18 Estados Unidos Eddie Cheever Arrows-Megatron (t) 35 Ignição 15  
Ret 21 Itália Nicola Larini Osella (t) 34 Freios 24  
Ret 1 Brasil Nelson Piquet Lotus-Honda (t) 34 Desgaste Físico 5  
Ret 5 Reino Unido Nigel Mansell Williams-Judd (a) 24 Colisão 8  
Ret 36 Itália Alex Caffi Dallara-Ford (a) 22 Rodada 21  
Ret 16 Itália Ivan Capelli March-Judd (a) 19 Elétrica 4  
Ret 17 Reino Unido Derek Warwick Arrows-Megatron (t) 16 Rodada 7  
Ret 10 Alemanha Ocidental Bernd Schneider Zakspeed (t) 14 Desgaste Físico 25  
NQ 26 Suécia Stefan Johansson Ligier-Judd (a) Não Qualificado
NQ 32 Argentina Oscar Larrauri EuroBrun-Ford (a) Não Qualificado
NQ 9 Itália Piercarlo Ghinzani Zakspeed (t) Não Qualificado
NQ 33 Itália Stefano Modena EuroBrun-Ford (a) Não Qualificado
NPQ 31 Itália Gabriele Tarquini Coloni-Ford (a) Não Pré-Qualificado

Notas[editar | editar código-fonte]

Líderes por volta

Alain Prost - 1ª a 15ª, 17ª a 27ª; Ivan Capelli - 16ª e Ayrton Senna - 28ª a 51ª

  • Estreia de Aguri Suzuki na Fórmula 1 e

Ayrton Senna é Campeão do Mundo

Tabela do Campeonato Após a Prova[editar | editar código-fonte]

Observe que somente as cinco primeiras posições estão incluídas na tabela.

Campeão

↑1 Somente os 11 melhores resultados contam para o Campeonato de Pilotos. Números sem parênteses são os pontos válidos e com parênteses são os pontos totais.

(a) aspirado
(t) turbo


Prova Anterior:
Grande Prêmio da Espanha de 1988
Campeonato do Mundo FIA de Fórmula 1
Temporada 1988
Próxima Prova:
Grande Prêmio da Austrália de 1988

Prova Anterior:
Grande Prêmio do Japão de 1987
Grande Prêmio do Japão Próxima Prova:
Grande Prêmio do Japão de 1989


Referências