Graptopetalum paraguayense

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

A planta-fantasma é uma espécie de planta suculenta da família Crassulaceae, nativa de Tamaulipas, México.[1] Também é conhecida como planta-madrepérola, e Sedum weinbergii é nome científico sinônimo.[2] Não deve ser confundida com a Monotropa uniflora, também conhecida como planta-fantasma. A G. paraguayense tem flores brancas em forma de estrela. Deve ter um solo rico em matéria orgânica, solto e muito bem drenado. Como qualquer outra suculenta, a planta-fantasma não tolera muita água, e por isso só deve ser regada quando o solo estiver seco. Gosta de boa luminosidade, e uma adubação na primavera faz bem. [1]

Referências

  1. a b "Botanica. The Illustrated AZ of over 10000 garden plants and how to cultivate them", pp. 410-411. Könemann, 2004. ISBN 3-8331-1253-0
  2. " Graptopetalum paraguayense ". Rede de Informação de Recursos de Germoplasma (GRIN). Serviço de Pesquisa Agrícola (ARS), Departamento de Agricultura dos Estados Unidos (USDA) . Retirado 2011-10-24.