Guarany Futebol Clube (Camaquã)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita fontes confiáveis e independentes, o que compromete sua credibilidade (desde abril de 2013). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Guarany de Camaquã
GuaranydeCamaqua.png
Nome Guarany Futebol Clube (Camaquã)
Alcunhas Bugre Camaquense,
Alviazul, Bugrão
Mascote Índio
Fundação 16 de junho de 1946 (71 anos)
Estádio Coronel Sílvio Luz
Capacidade 3.000
Localização Camaquã, RS
Presidente Brasil Carlos Rogério Barbosa
Treinador Brasil Rodrigo Ferrari
Material (d)esportivo Brasil Poker
Competição Rio Grande do Sul Segundona Gaúcha
Rio Grande do Sul SG 2017
Rio Grande do Sul SC 2017
Em disputa
A disputar
Website Guarany de Camaquã
Cores do Time Cores do Time Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
Uniforme
titular
Cores do Time Cores do Time Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
Uniforme
alternativo
editar

O Guarany Futebol Clube, conhecido como Guarany de Camaquã, é um clube brasileiro de futebol, sediado na cidade de Camaquã, no Rio Grande do Sul. Suas cores são o azul e o branco.

História[editar | editar código-fonte]

Corria o ano de 1946, e o Clube Atlético Camaqüense era a única agremiação de caráter futebolístico de Camaquã. O campo da equipe se situava na área do Jockey Clube da cidade, ao lado do pavilhão social.

Jogadores do Atlético Camaqüense, irritados por não estarem recebendo uma oportunidade naquele clube, decidiram formar uma nova equipe em Camaquã. A colocaram o nome de Guarany Futebol Clube, inspirados no Guarany, de Bagé, cidade em que prestavam o serviço militar obrigatório.

O Guarany de Camaquã só se profissionalizou em 2010, sendo que, em sua época amadora, tinha como principal rival, a Sociedade Esportiva Cristal, do Município de Cristal - RS, clube no qual teve como Presidente, o vice-governador do Rio Grande do Sul, Beto Grill.

Depois de boas campanhas e destaque nas competições, com a quase ascensão para a 1ª Divisão em 2012, em 2013 o Guarany passou pelo pior momento desde a sua profissionalização em 2010: Após uma péssima campanha pela Série A2 do Campeonato Gaúcho, o clube foi rebaixado para a Segunda Divisão do Rio Grande do Sul. Licenciou-se no ano seguinte e voltou a disputar competições profissionais somente em 2017. A falta de experiência da equipe refletiu no resultado dentro de campo e na competição: eliminação ainda na primeira fase da Segundona Gaúcha.

Elenco[editar | editar código-fonte]

Atualizado em 21 de maio de 2017[1]

Goleiros
Jogador
Brasil Geo
Brasil Jhony
Brasil Raphael
Brasil Sérgio
Defensores
Jogador Pos.
Brasil Baloy Z
Brasil Hiago Z
Brasil João Teixeira Z
Brasil Kevin Z
Brasil Souza Z
Brasil Ton Z
Brasil Willian Lopes Z
Brasil Alisson LD
Brasil Jeff LD
Brasil Malcom LD
Brasil Alex Passig LE
Brasil Iago LE
Brasil Roger LE
Meio-campistas
Jogador Pos.
Brasil Felipe V
Brasil Felipe Ruchel V
Brasil Schumacher V
Brasil Tuta V
Brasil Fernandinho M
Brasil Jéfinho M
Brasil Otávio M
Brasil Toninho M
Atacantes
Jogador
Brasil Bruno Sena
Brasil Derick
Brasil Idrian
Brasil Lucas
Brasil Michel Feyh
Brasil Raphael Paraíba
Brasil Vaguinho
Brasil Veríssimo
Comissão técnica
Nome Pos.
Brasil Rodrigo Ferrari T

Temporadas[editar | editar código-fonte]

     Campeão.
     Vice-campeão.
     Rebaixado
     Promovido
Guarany Futebol Clube
Ano Rio Grande do Sul Campeonato Gaúcho Rio Grande do Sul Copa FGF
Div. Pos. J V E D GP GC Fase Máxima
2010 B 10º 14 9 7 8 33 31 Quartas-de-Final
2011 B 11º 18 6 3 9 18 23 Fase Classificatória
2012 B 24 15 9 10 52 38 Oitavas-de-Final
2013 B 15º 14 1 3 10 9 22
Licenciado (2014 - 2016)
2017 C


Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. «Jogadores (Elenco Profissional)». Site Oficial do Guarany de Camaquã 
Bandeira de BrasilSoccer icon Este artigo sobre clubes brasileiros de futebol é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.