Guilherme Rebelo de Andrade

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Guilherme Rebelo de Andrade
Nome completo Guilherme de la Rocque Rebelo de Andrade
Nascimento 1891
Morte 1969 (78 anos)
Nacionalidade Portugal portuguesa
Ocupação arquiteto
Prémios Prémio Valmor e Municipal de Arquitectura 1939

Guilherme de la Rocque Rebelo de Andrade ComCOSE (18911969), foi um arquiteto português.[1]

Biografia[editar | editar código-fonte]

Filho de Bento Rebelo de Andrade (c. 1860 - ?) e de sua mulher Maria Emília de la Rocque (c. 1870 - ?) , bisneta dum Francês.

Entre os seus projetos arquitetónicos destacam-se a Fonte Luminosa na Alameda Dom Afonso Henriques, projetada em 1938 mas apenas inaugurada em 1948, e a moradia na Avenida Columbano Bordalo Pinheiro, n.º 52, Lisboa (projeto conjunto com seu irmão Carlos Rebelo de Andrade) que recebeu em 1939 o Prémio Valmor.[2]

Segundo consta da edição de Setembro 2011 da Agenda editada pela Câmara Municipal de Almada é também de autoria deste Arquiteto, o Bairro de Nossa Senhora da Piedade, sito na Cova da Piedade (Almada), que teve o início de sua construção em fins de 1948 e foi inaugurado em 27 de Abril de 1952. Bairro de casas de diversos tipos e tamanhos, mas todas unifamiliares, com arquitetura semelhante as casas rurais de então.

A 10 de Maio de 1929 foi feito Oficial da Ordem Militar de Sant'Iago da Espada e a 23 de Maio de 1932 foi feito Comendador da Ordem Militar de Cristo.[3]

Referências

  1. André Cruz. «O Estádio Nacional e os novos paradigmas do culto». Academia.edu. Consultado em 14 de Novembro de 2011. 
  2. «1939 – Prémio Valmor». Câmara Municipal de Lisboa. Consultado em 26 de março de 2008. 
  3. «Cidadãos Nacionais Agraciados com Ordens Portuguesas». Resultado da busca de "Guilherme Rebelo de Andrade". Presidência da República Portuguesa. Consultado em 2016-04-16. 

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre uma pessoa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.