Guillermo Rigondeaux

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Guillermo Rigondeaux
Bicampeão olímpico
Boxe
Nome completo Guillermo Rigondeaux Ortíz
Categoria Peso galo
Nascimento 30 de setembro de 1980 (36 anos)
La Prueba, Cuba
Nacionalidade Cuba cubana
Compleição Peso: 54kg Altura: 1,66m
Medalhas
Jogos Olímpicos
Ouro Sydney 2000 Peso Galo
Ouro Atenas 2004 Peso Galo
Campeonato Mundial
Ouro Belfast 2001 Peso Galo
Ouro Mianyang 2005 Peso Galo
Jogos Pan-americanos
Ouro Santo Domingo 2003 Peso Galo

Guillermo Rigondeaux Ortíz (La Prueba, 30 de setembro de 1980) é um boxeador profissional de Cuba. Ele é o atual campeão linear dos super-galos, tendo unificado os títulos da WBA, WBO e da revista The Ring Magazine. É considerado o melhor super galo do boxe atual e número 5 do ranking peso por peso.

Deserção[editar | editar código-fonte]

Em julho de 2007, durante os Jogos Pan-americanos do Rio de Janeiro, Rigondeaux desertou da delegação cubana junto com Erislandy Lara, também boxeador.[1] No início de agosto, Rigondeaux e Lara foram presos e repatriados.[2] Em 2009, Rigondeaux tentou uma nova fuga, indo para Miami, nos Estados Unidos, tentar uma carreira internacional.[3]

Referências

  1. Estadão (22 de julho de 2007). «Lutadores cubanos de boxe desaparecem da Vila do Pan». Consultado em 17 de dezembro de 2009. 
  2. 10 de agosto de 2007. «Cronologia do caso dos boxeadores cubanos». 
  3. 24 de fevereiro de 2009. «Pugilista cubano Guillermo Rigondeaux foge para Miami». 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre boxe ou boxeador é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.