GunZ: The Duel

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Ambox rewrite.svg
Esta página precisa ser reciclada de acordo com o livro de estilo (desde novembro de 2016).
Sinta-se livre para editá-la para que esta possa atingir um nível de qualidade superior.
NoFonti.svg
Esta página ou secção cita fontes confiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo (desde novembro de 2016). Por favor, adicione mais referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Material sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)


GunZ: The Duel
Gunz The Dual logo

GunZ: The Duel
Produtora(s) MAIET (2004-2012)
MasangSoft Inc. (2016)
Editora(s)
Coreia do Sul MasangSoft Inc.
Plataforma(s) PC
Data(s) de lançamento Coreia do Sul 06 de Janeiro de 2016.

Brasil 28 de Julho de 2015

Gênero(s) MMO
Classificação Inadequado para menores de 16 anos i DEJUS (Brasil)
Média Download
Requisitos mínimos Windows, Intel ® Pentium ® III 800 MHz ou equivalente, 256 MB de RAM, 225MB disponíveis no disco rígido.
Hardware
Sistema Windows
Vídeo Mínimo 32mb Compatível com DirectX 8 ou superior

GunZ: The Duel ou The Duel é um frenético jogo online de ação e tiro em terceira pessoa. O jogo foi desenvolvido pela empresa Coreana Maiet Entertainment e distribuído no Brasil pela Level Up! Games.[1][2]

No Brasil, The Duel foi encerrado em 2011, mesmo ano em que foi comprado pela Masangsoft.[3] Nos Estados Unidos, onde era distribuído pela Ijji, encontrou seu fim em Maio de 2013.[2][4]

História[editar | editar código-fonte]

Continente Astra, um mundo repleto de fantasia, onde um impulso rumo a modernização seguiu um cataclisma industrial, 50 anos se passaram desde o fim da guerra entre a República e o Império, chegando a era da aventura.

Aventureiros, Caçadores de Tesouro e Mercenários atravessam a linha entre o Império e a República, e agora é vez do jogador escolher de que lado deseja ficar: encará-los de frente em batalhas, espiá-los ou se juntar aos mesmos.

Sistema de jogo[editar | editar código-fonte]

Acumulando mortes em The Duel, o jogador recebe "Bounty" (moeda do jogo), que o permite comprar novos armamentos, roupas, ou acessórios. Armas incluem Armas de fogo, Armas brancas (Adagas, Espadas, Kodachis, etc), granadas, entre outros. Acessórios como anéis afetam diretamente nos atributos dos jogadores. Atualmente, nas versões Coreana, Japonesa, Brasileira e Norte Americana, é possível comprar "olhos" e chapéus. A LevelUp! Games comercializa CASH (moeda paga dos MMORPGs para que os jogadores possam comprar vantagens dentro do jogo e itens que apenas pagantes poderão conseguir).

Jogadores adquirem EXP (Pontos de Experiência), matando outros jogadores. Esses pontos contribuem na progressão, ou desenvolvimento de um jogador. Níveis altos permitem que jogadores acessem outros canais e usem armas melhores. A quantia de Bounty e EXP é recebida de acordo com o nível do jogador derrotado. Entretanto, suicidando-se ou morte acidental resultam em subtração de EXP a partir do nível 5. Quando um jogador possui EXP negativa, também é possível que ele regrida um nível. A Partir do Nível 21, se um jogador for morto por outro que possua mais de 7 níveis de diferença, ele poderá perder EXP dependendo do canal. Existem também o sistema de Quest que são missões que também podem lhe oferecer EXP ao matar os monstros que aparecem durante o caminho.

Gunz 2: The Second Duel[editar | editar código-fonte]

GunZ 2: The Second Duel é a sequência do primeiro jogo.[5] e foi anunciado pela MAIET em 2008, com previsão de lançamento para o início de 2010[6], porém a MAIET voltou atrás na decisão e prorrogou para dezembro de 2011[5], coisa que não aconteceu. Em Agosto De 2013 foi lançada a Open Beta do GunZ: The second duel na europa em seu próprio site. GunZ: The second duel também foi aceito na Steam pelo steam greenlight e após muito atraso teve seu Open Beta (Acesso Antecipado) lançado em fevereiro de 2014 para os demais países. O jogo saiu primeiro em Inglês e Coreano, e deve também ter suporte em Espanhol, Português e outros idiomas.

Aquisição de distribuição pela MasangSoft Inc.[editar | editar código-fonte]

O servidor norte-americano e europeu, conhecido como ijji, após aquisição pela Aeria Games, teve seu fechamento anunciado para 30 de novembro de 2012.

Dando segmento aos fechamentos de outros servidores, o servidor coreano de GunZ: The Duel distribuido pela Netmarble, teve seu fechamento anunciado para 24 de agosto de 2014.

Passado um ano do fechamento dos servidores, a empresa MAIET Inc. anuncia seu fechamento, vendendo todos os direitos relacionados ao jogo GunZ: The Duel à empresa MasangSoft Inc., também de origem coreana. A MasangSoft pretende trabalhar nos moldes do jogo para torna-lo atrativo para novos jogadores e também para os jogadores já antigos na comunidade. Os servidores tem como proposta serem distribuídos pela própria empresa desenvolvedora, gerando uma maior comunicação entre jogadores e desenvolvedores, possibilitando assim, correção de erros e atualizações mais eficazes.

Em 06/01/2016, o primeiro servidor de GunZ: The Duel foi aberto para jogadores da Coréia do Sul e, em 08/01/2016, a empresa MasangSoft emitiu ordens de DMCA para todos os servidores piratas sul-coreanos, para que todos possam ser fechados por irregularidades e uso de conteúdo privado de forma ilegal.

Referências

  1. Carvalho, Renato (1 de maio de 2013). «GunZ: aprenda a jogar esse eletrizante game de ação online». TechTudo. Consultado em 5 de novembro de 2016. 
  2. a b «Análise de GunZ The Duel». MMO Hut. Consultado em 5 de novembro de 2016. 
  3. Silva, Bruno (11 de agosto de 2016). «10 jogos que você já jogou na época das lan houses». Omelete. Consultado em 5 de setembro de 2016. 
  4. «Anúncio de encerramento.». Aeria e Maiet Entertainment, Inc. Consultado em 5 de novembro de 2016. 
  5. a b «Descrição GunZ the Second Duel.». GunZ the Second Duel. MAIET entertainment, Inc. Consultado em 4 de novembro de 2016. 
  6. «GunZ 2 Release Date Issue». MAIET entertainment, Inc. Consultado em 2 de novembro de 2016. 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]