Hades (jogo eletrônico)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Hades
Desenvolvedora(s) Supergiant Games
Publicadora(s) Supergiant Games
Diretor(es) Greg Kasavin
Produtor(es) Amir Rao
Escritor(es) Greg Kasavin
Artista(s) Jen Zee
Compositor(es) Darren Korb
Plataforma(s) Microsoft Windows
macOS
Nintendo Switch
Conversões PlayStation 4
PlayStation 5
Xbox One
Xbox Series X/S
Lançamento Windows, macOS & Switch
17 de setembro de 2020

PS4, PS5, Xbox One & Xbox Series X/S
13 de agosto de 2021
Gênero(s) Roguelike
RPG de ação
Modos de jogo Um jogador

Hades é um jogo eletrônico roguelike de RPG de ação desenvolvido e publicado pela Supergiant Games. Foi lançado para Microsoft Windows, macOS e Nintendo Switch em 17 de setembro de 2020, após um lançamento de acesso antecipado em dezembro de 2018. Versões para PlayStation 4, PlayStation 5, Xbox One e Xbox Series X/S foram lançadas em 13 de agosto de 2021.[1]

Os jogadores controlam Zagreu, o filho de Hades, enquanto ele tenta escapar do Submundo para chegar ao Monte Olimpo, às vezes auxiliado por presentes dados a ele por outros Olimpianos. Cada corrida desafia o jogador através de uma série aleatória de salas preenchidas com inimigos e recompensas, com o jogador usando uma combinação de seu ataque de arma principal, poder de colisão e habilidade mágica para derrotá-los, evitando danos para avançar o mais longe possível. Embora Zagreu morra frequentemente, o jogador pode usar tesouros ganhos para melhorar certos atributos ou desbloquear novas armas e habilidades para aumentar as chances de escapar nas corridas subsequentes.[2]

O desenvolvimento de Hades começou logo após a Supergiant finalizar Pyre, um jogo no qual eles queriam explorar narrativas processuais, mas devido à natureza da jogabilidade principal, descobriram que os jogadores não queriam explorar Pyre várias vezes de formas distintas. A estrutura roguelike de Hades deu-lhes a oportunidade de contar essas histórias ramificadas para o jogador ao longo de várias corridas.[3]

Após o seu lançamento oficial, Hades foi aclamado pela crítica especializada, recebendo elogios por sua jogabilidade, história e arte,[4][5] e vendeu mais de um milhão de unidades até setembro de 2020.[6] Ele recebeu diversos prêmios de Jogo do Ano de variadas publicações, incluindo a Polygon,[7] IGN,[8] USgamer,[9] Destructoid[10] e Time.[11]

Referências

  1. Peppiatt, Dom (13 de junho de 2021). «Hades finally arrives on Xbox and PlayStation in August». VG247. Consultado em 13 de junho de 2021 
  2. Frustick, Rush (7 de dezembro de 2018). «Hades blends God of War with Binding of Isaac in marvelous ways». Polygon. Consultado em 7 de dezembro de 2018 
  3. Francis, Bryant (17 de janeiro de 2019). «Supergiant's fourth outing Hades introduces a more mature, organized dev process». Gamasutra. Consultado em 17 de janeiro de 2019 
  4. «Hades for Switch Reviews». Metacritic. Consultado em 1 de outubro de 2020 
  5. «Hades for PC Reviews». Metacritic. Consultado em 21 de setembro de 2020 
  6. Gurwin, Gabe (20 de setembro de 2020). «Hades Has Sold 1 Million Copies, Nearly One-Third Sold In Last Few Days». GameSpot. Consultado em 20 de setembro de 2020 
  7. Myers, Maddy (14 de dezembro de 2020). «Why Hades is Polygon's game of the year». Polygon (em inglês). Consultado em 15 de dezembro de 2020 
  8. «IGN's Game of the Year 2020 – IGN» (em inglês). Consultado em 22 de dezembro de 2020 
  9. Van Allen, Eric (23 de dezembro de 2020). «USG Game of the Year 2020: Hades Isn't Just About Escaping Home, But Rebuilding It». USgamer. Consultado em 23 de dezembro de 2020 
  10. Carter, Chris (23 de dezembro de 2020). «Destructoid's award for Overall Best Game of 2020 goes to...». Destructoid. Consultado em 23 de dezembro de 2020 
  11. «The 10 Best Video Games of 2020». Time. Consultado em 3 de dezembro de 2020 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre jogos eletrônicos é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.