Handbook of Australian Meat

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Handbook of Australian Meat é um manual para padronização de todos os tipos de cortes de carne bovina, suína e carneiro criado pela Ausmeat (Australia Meat) depois da crise enfrentada pela Austrália durante 1985 e 1986, em que a indústria australiana perdeu credibilidade nas exportações de carne bovina por misturar a ela carne de canguru, que tem um preço mais baixo.[1]

Para contornar a crise, a indústria australiana criou o Handbook of Australian Meat, um manual com todas as especificações de nome dos cortes até a anatomia animal, e a Certificação Aus Meat. Para exportar carne da Austrália é necessário ter essa certificação. Durante a década de 1990 a ONU estava desenvolvendo um manual de padronização de carne para o mundo sobre as diferenças regionais no âmbito cultural e na especificação animal. As reuniões entre França, Estados Unidos, Brasil, Austrália e mais onze países durante toda a década chegaram em 2001 ao primeiro padrão internacional baseado no padrão da Aus Meat, que se baseava em vários tipos de especificações de carne no mundo.

Nem todos os países exportadores de carne adotam padrões internacionais, por vários fatores, como alto custo de treinamento e falta de controle na fiscalização dos tais padrões em todos os estabelecimentos que produzem alimentos no mundo.

Notas e referências

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]