Hang on Sloopy

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
"Hang on Sloopy"
Capa da edição alemã do single
Single de The McCoys
do álbum Hang on Sloopy
Lado A Hang on Sloopy
Lado B I Can't Explain It
Lançamento julho de 1965 (1965-07)
Formato(s) vinil, 7", 45 RPM
Gravação 1964/1965
Gênero(s) Rock de garagem[1][2], pop rock[3]
Duração 02:57
Idioma(s) (em inglês)
Gravadora(s) Bang
Composição Wes Farrell
Bert Russell
Cronologia de singles de The McCoys
"Fever"
(1965)

Hang on Sloopy é o título da canção de rock composta em 1964 por Wes Farrell e Bert Russell, lançada no ano seguinte pelo conjunto The McCoys e que atingiu o primeiro lugar no Billboard Hot 100 nos Estados Unidos naquele ano.

No Brasil a canção ganhou, já em 1966, uma versão de sucesso lançada pela dupla Leno e Lilian, intitulada "Pobre Menina", no contexto do programa televisivo Jovem Guarda.[4]

Histórico[editar | editar código-fonte]

O grupo The McCoys fora constituído em 1962 pelos irmãos Rick e Randy Zehringer; quando eles se misturaram aos integrantes do grupo The Strangeloves, assinaram um contrato com Bert Berns, que operava com a Bang Records, e este insistiu para gravassem uma versão de seu hit "My Girl Sloopy" (gravada originalmente em 1964 pelo conjunto The Vibrations), então rebatizada como Hang on Sloopy.[1]

O arranjo então adotado trazia um toque principal e enérgico da guitarra, vindo a ser considerado um clássico do rock de garagem estadunidense.[1]

Regravações e execuções[editar | editar código-fonte]

Em 1965 teve sua primeira regravação com o ‘’Rampsey Lewis Trio”.[5]

A canção fez parte do repertório do conjunto Rolling Stones durante sua turnê europeia de 1966; desde então a banda ficou sem executá-la, num "jejum" que durou quase cinquenta anos até sua apresentação no Ohio Stadium, em 2015.[6]

Impacto cultural[editar | editar código-fonte]

Berns, que também compôs Twist and Shout, recebeu por suas composições a homenagem póstuma de figurar no Hall da Fama do Rock, em 2016.[7]

Algumas pessoas entendem que a letra se refere ao personagem ‘’Snoopy’’, ao invés de “Sloopy”, sobretudo quando cantada nos estádios como forma de incentivar o time.[8]

A Ohio State Band apresenta-se no intervalo do "Buckeyes".

Em 1985 a Assembleia Geral do estado americano de Ohio adotou a canção como a oficial do estado, a primeira composição de rock a ter tal status; isto se deu porque o então estudante da Universidade Estadual de Ohio, John Tatgenhorst, convencera o diretor banda da instituição, Charlie Spohn, a preparar um arranjo instrumental da canção que ele ouvira, ainda na versão original My Girl Sloopy, numa feira estadual.[9] Assim, a 9 de outubro de 1965 - uma semana após The McCoys atingirem o topo das paradas nacionais com a canção - a banda marcial da Universidade executou pela primeira vez, no intervalo da competição esportiva Ohio State Buckeyes, o arranjo feito por Tatgerhorst; em 2015, comemorando o cinquentenário daquela primeira exibição, todas as competições esportivas do estado executaram a música.[9] Durante o refrão é costume a plateia soletrar, em inglês, as letras do nome do estado: 0-H-I-O.[6]

Referências

  1. a b c Nick Talevski (8 de maio de 2006). Knocking on Heaven's Door: Rock Obituaries. [S.l.]: Omnibus Press. ISBN 9781846090912. pág. 273 
  2. Frank W. Hoffmann (1 de novembro de 2005). Rhythm and Blues, Rap, and Hip-Hop. [S.l.]: Facts on File. ISBN 9780816073412. série American Popular Music, pág. 141 
  3. «The McCoys - Hang on Sloopy». Discogs. Consultado em 1 de setembro de 2018. Cópia arquivada em 31 de agosto de 2018 
  4. Felipe Gibson (19 de junho de 2015). «Após 10 anos, Leno e Lilian reatam dupla de sucesso na Jovem Guarda». G1 RN. Consultado em 28 de agosto de 2018. Cópia arquivada em 29 de agosto de 2018 
  5. «Record Review». Cash Box. 6 de novembro de 1965. Consultado em 17 de setembro de 2018 
  6. a b «Rolling Stoes tocam "Hang on Sloopy" pela primeira vez desde 1966». Rolling Stone Brasil. 1 de Junho de 2015. Consultado em 1 de setembro de 2018. Cópia arquivada em 1 de setembro de 2018 
  7. «Little Steven: It 'Pisses Me Off' When Bands Don't Show for Hall of Fame». Rolling Stone. 9 de abril de 2016. Consultado em 1 de setembro de 2018. Cópia arquivada em 1 de setembro de 2018 
  8. Grayce M. Sills (1995). «Hang On Sloopy, Hang On! Hang On Vision, Hang On!». American Psychiatric Nurses Association. Consultado em 17 de setembro de 2018. Cópia arquivada em 27 de julho de 2018 
  9. a b Jen Steer (7 de setembro de 2015). «Ohio State University celebrates 50 years of 'Hang on Sloopy'». Fox 8. Consultado em 29 de agosto de 2018. Cópia arquivada em 11 de maio de 2017 
Ícone de esboço Este artigo sobre uma canção é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.