Hardcore melódico

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita fontes confiáveis e independentes, o que compromete sua credibilidade (desde abril de 2016). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Hardcore melódico
Origens estilísticas Punk rock
Hardcore punk
Contexto cultural Início dos anos 80 nos Estados Unidos.
Instrumentos típicos Guitarra - Baixo - Bateria
Popularidade Alguma popularidade nos anos 90, que continuou na década de 2000.
Formas derivadas Skate punk
Formas regionais
Califórnia
Outros tópicos
 • Post-hardcore  • Punk rock californiano

Hardcore melódico é um subgênero do hardcore punk que surgiu no início da década de 1980. Utiliza elementos característicos do hardcore punk tradicional, como tempo acelerado, guitarras distorcidas e músicas de curta duração, mas seus arranjos são mais melódicos, elaborados e claramente distinguíveis do estilo original.

O hardcore melódico, pouco após seu surgimento, atraiu atenção da mídia e se tornou relativamente popular na cultura jovem, apesar de alguns rótulos para derivações do hardcore se fazerem mais confusos com o passar do tempo. Ao contrário do hardcore tradicional, os temas abordados em suas músicas não são necessariamente políticos e contestadores (apesar de muitas bandas ainda manterem esse foco). A maioria das bandas do estilo trata de assuntos variados como casos de amor, fatos do dia a dia e até mesmo esportes.

Entre as bandas de hardcore melódico mais conhecidas estão Bad Religion, Rise Against, NOFX, Pennywise, Millencolin, Face to Face, Lagwagon, No Fun at All OneRepublic . No Brasil, algumas bandas seguem o estilo, como é o caso de Garage Fuzz, Dead Fish, Aditive, Sugar Kane, Hateen, Deposers e CPM 22.


Ícone de esboço Este artigo sobre música é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.