HarmonyOS

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
HarmonyOS
鸿蒙OS
Produção Huawei
Modelo Livre
Mercado-alvo Smart TVs, smartwatches e sistemas de automóveis
Método de atualização Over-the-air
Interface Interface gráfica (Tela Multi-Touch)
Licença Software proprietário

HarmonyOS é um sistema operacional open-source em desenvolvimento pela Huawei desde 2012 a ser implantado em seus futuros produtos.[1][2]. O sistema foi lançado pela empresa no dia 9 de agosto de 2019 com foco principal em dispositivos IoT, sendo compatível com smart TVs, smartwatches e sistemas de automóveis da companhia.[3]

Em uma entrevista publicada pela Die Welt, o executivo da Huawei, Richard Yu, afirmou que este Sistema Operacional (OS) poderia ser usado como um Plano B caso a empresa fosse proibida de usar o Windows ou Android em decorrência das restrições aprovadas pelo governo dos Estados Unidos da América. No entanto, ainda "preferia trabalhar com o ecosistema da Google e Microsoft".[4][5][6]

Referências

  1. Li, Deng (24 de maio de 2019). «Hongmeng: Here's everything you need to know about Huawei's Operating System» 
  2. «HongMeng "Ark" OS – Huawei's Android replacement: what we know so far». SlashGear. 29 de maio de 2019 
  3. Achilles, Rubens (9 de agosto de 2019). «Huawei lança Harmony OS, sistema operacional para competir com Android». TechTudo. Consultado em 9 de agosto de 2019 
  4. «Huawei confirms it has its own OS on back shelf as a plan B». South China Morning Post. 14 de março de 2019 
  5. Faulkner, Cameron (14 de março de 2019). «Huawei developed its own operating systems in case it's banned from using Android and Windows». The Verge. Consultado em 23 de maio de 2019 
  6. Kharpal, Arjun (15 de março de 2019). «Huawei built software for smartphones and laptops in case it can't use Microsoft or Google». CNBC. Consultado em 23 de maio de 2019 
Ícone de esboço Este artigo sobre software é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.