Harry Burton

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Text document with red question mark.svg
Este artigo ou secção contém fontes no fim do texto, mas que não são citadas no corpo do artigo, o que compromete a confiabilidade das informações. (desde dezembro de 2009)
Por favor, melhore este artigo inserindo fontes no corpo do texto quando necessário.
Harry Burton

Harry Burton (18791940) foi um fotógrafo britânico de egiptologia e arqueologia, que ficou conhecido pelas suas fotografias das escavações no Vale dos Reis, Egito. As suas fotografias mais famosas são, talvez, aquelas em que ele documentou a escavação de Howard Carter na tumba de Tutancâmon, em 1922. O jornal The Times publicou 142 dessas fotogradias em sua edição de 21 de fevereiro de 1923.

Trabalho[editar | editar código-fonte]

Ele trabalhou para Theodore M. Davis até 1914 e então para a expedição egípcia do Metropolitan Museum of Art, freqüentemente com Herbert E. Winlock. O trabalho de fotografar a escavação da tumba de Tutankhamon e seus artefatos levou 8 anos. Burton também fez experimentos com documentário gravando nos anos de 1920 incluindo muitas horas documentando a escavação da KV62.

Em 2001, o Metropolitan Museum of Art realizou uma exibição especial sobre o trabalho de Burton, entitualada: The Pharaoh's Photographer: Harry Burton, Tutankhamun, and the Metropolitan's Egyptian Expedition (O fotógrafo da faraó: Harry Burton, Tutankhamon e a Expedição Egípcia do Metropolitan).

E, começando em 26 de maio de 2006 o Instituto Oriental da Universidade de Chicago começou uma exibição das fotografias de Tutankhamon de Burton intitulada: Wonderful Things! The Discovery of the Tomb of Tutankhamu: The Harry Burton Photographs (Coisas maravilhosas! A descoberta da tumba de Tutankhamon: As fotografias de Harry Burton).

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre uma pessoa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.