Hazarajat

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Hazarajat
Crianças da etnia Hazara, na região central do Afeganistão
Área Aproximadamente 207 km2
População cerca de 8,000,000
Densidade 50/km2
Províncias Bamiã, Daikondi, Ghowr e grandes áreas de Gásni, Oruzgan, Parwan e Maydan-Wardak[1]
Etnia Hazaras
Idiomas Hazaragi e Dari (variedades da língua persa)

Hazarajat (pastó: افغانستانHazārajāt) ou Hazaristão (pastó: هزارستانHazāristān) é uma região montanhosa das terras altas centrais do Afeganistão, junto das montanhas Koh-i-Baba nas bordas ocidentais da cordilheira Indocuche. É o lar do povo hazara, que perfaz a maioria da população ali vivente.[2]

A região é composta, principalmente, pelas províncias de Bamiã, Daikondi, Ghowr e grandes áreas de Gásni, Oruzgan, Parwan e Maydan-Wardak[1] Vários rios importantes do país, como o rio Cabul, se originam no Hazarajat.[3]

O nome "Hazaristão" apareceu pela primeira vez em um livro do século XVI, chamado Baburnama, onde estão as memórias de Ẓahīr-ud-Dīn Muhammad Bābur, fundador do Império Mogol. Quando o geógrafo Ibn Battuta chegou na região de Coração, em 1333, ele percorreu toda a região, "apesar de não se lembrar de nenhum lugar de nome Hazaristão".[4]

Etimologia[editar | editar código-fonte]

O povo hazara[5] e outros povos ao redor usam nomes como Hazarajat e Hazaristão para identificar e nomear as terras históricas dos hazara. Hazarajat é uma composição de Hazara com o sufixo em dari jat, usado para associar palavras com regiões ao sul, a oeste e no centro da Ásia.[6]

O geógrafo árabe Al-Maqdisi nomeou a região de Hazarajat como "Gharjistão" ou "Charchistão" (Gharj Al-Shar), onde Gharj significa "montanha", como sendo uma área controlada por chefes tribais. O termo aparece escrito pela primeira vez no Baburnama, do século XVI, de Babur.

Referências

  1. a b «Bamyan Province». Naval Postgraduate School. 15 de novembro de 2011. Consultado em 17 de agosto de 2021 
  2. Brower, Barbara (2007). Disappearing Peoples?: Indigenous Groups and Ethnic Minorities in South and Central Asia. Nova Iorque: Routledge. p. 276. ISBN 978-1598741209 
  3. Arash Khazeni (ed.). «HAZĀRA i. Historical geography of Hazārajāt». Encyclopedia Iranica. Consultado em 17 de agosto de 2021 
  4. Battuta, Ibn (2004). Travels in Asia and Africa, 1325–1354. [S.l.]: Routledge. p. 179. ISBN 978-0-415-34473-9 
  5. Bellew, H.W. (1880). The Races of Afghanistan: Being a Brief Account of the Principal Nations Inhabiting that Country. Calcutá: Thacker, Spink & Co. p. 113 - 114 
  6. Mousavi, Sayed Askar (1998). «1: Quem são os Hazaras?». The Hazaras of Afghanistan: an historical, sultural, economic and political study. [S.l.]: Routledge. ISBN 9781136800160 
Ícone de esboço Este artigo sobre o Afeganistão é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.