Hear Me Now

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
"Hear Me Now"
Single de Alok e Bruno Martini com participação de Zeeba
Lançamento 21 de outubro de 2016 (2016-10-21)
Formato(s) Download digital
Gravação 2016
Gênero(s) Brazilian bass, indie-pop, house[1]
Duração 3:12
Gravadora(s) Spinnin'
Composição
Produção
  • Alok
  • Bruno Martini
Cronologia de singles de Alok
"All I Want"
(2016)
"Sirene"
(2017)
Cronologia de singles de Bruno Martini
"Somewhere to Go"
(2016)
"Living on the Outside"
(2017)
Cronologia de singles de Zeeba
"Photographs"
(2016)
"Beautiful Life"
(2017)

"Hear Me Now" é uma canção gravada pelos DJs brasileiros Alok e Bruno Martini, e pelo cantor americano/brasileiro Zeeba.[2][3][4][5] A canção foi lançada em 21 de outubro de 2016 pela Spinnin' Records[6][7] e conseguiu em apenas um mês 10 milhões de visualizações no YouTube e consagrou Zeeba, a voz brasileira mais ouvida no mundo, o produtor musical Bruno Martini e Alok como os primeiros artistas brasileiros a conseguirem 100 milhões de execuções na plataforma de streaming Spotify e a chegar no top 50 de músicas mais tocadas no serviço. Foi certificada como disco de platina 3x no Brasil pela Pro-Música Brasil e na Itália pela Federazione Industria Musicale Italiana (FIMI), além de entrar em paradas musicais de vários países.[8][9]

Antecedentes[editar | editar código-fonte]

Zeeba estava compondo algumas músicas para lançar em seu novo extended play (EP), primeiro de sua carreira solo depois de ter deixado a banda Bonavox. Ainda em Los Angeles, Estados Unidos ficou sabendo de um produtor brasileiro que havia trabalhado na Walt Disney Records, Bruno Martini.[10] Ambos amigos de Johnny Franco, filho de Moacyr Franco, os dois se conheceram.[11] Martini então começou a produzir o primeiro EP de Zeeba. Nesta época, Martini estava começando sua carreira solo e se apresentava em festas de hip-hop em São Paulo.[12]

A primeira versão de "Hear Me Now" tinha o indie rock como gênero principal. Martini que tem um estúdio em São Paulo, despertou o interesse em Alok que precisava fazer algo para uma reportagem, ambos fizeram amizades.[13] Alok então foi apresentado a Zeeba e ouviu "Hear Me Now", e então quis colaborar na música deixando mais eletrônica.[14] Em entrevista, Alok disse: "[Ela] ainda era uma ideia. Eu achei que a música tinha super potencial e propus de produzir com eles. O resultado foi esse. A sinergia foi perfeita desde a produção até o lançamento."[15]

Composição[editar | editar código-fonte]

Zeeba ao produzir "Hear Me Now" estava na dúvida se deveria continuar com a música: ""Hear Me Now" foi exatamente para me motivar, era também uma mensagem de pai para filho, porque meu pai me ajudou muito nessa fase", disse.[16]

A Noiseprn descreveu o gênero da música como "Brazilian Bass".[17][18]

Desempenho e recepção[editar | editar código-fonte]

A música foi muito bem recebida pelo público brasileiro e internacional, sendo executada milhões de vezes nas diversas plataformas de streaming. Em entrevista ao programa The Noite com Danilo Gentili, no mês de março de 2017, Alok, Bruno Martini e Zeeba comemoraram os números, revelando que no Spotify, até naquele momento, já somavam 140 milhões de execuções. Já no YouTube, as visualizações ultrapassavam os 67 milhões. O feito de ultrapassar os 100 milhões de execuções no Spotify na música brasileira foi inédito, O trio foi o primeiro, com a música "Hear Me Now".[19]

Hoje, seu clipe ultrapassa a marca de mais de 300 milhões de visualizações no YouTube.

Vídeo musical[editar | editar código-fonte]

O vídeo musical oficial da música foi lançado no YouTube pela Spinnin' Records, tendo este último mais de 322 milhões de visualizações desde 21 de outubro de 2016.[17]

Faixas[editar | editar código-fonte]

  1. "Hear Me Now" – 3:12
  2. "Hear Me Now" (Club Edit) – 5:34[20]

Desempenho nas tabelas musicais[editar | editar código-fonte]

Certificações[editar | editar código-fonte]

País Certificação Certificação
(limiares de vendas)
 Alemanha (BVMI) Ouro[53] 200,00^
 Brasil (Pro-Música Brasil) 3× Platina[9] 300,00*
 Dinamarca (IFPI Dinamarca) Ouro[54] 45,000^
 França (SNEP) Platina[55] 150,000*
 Itália (FIMI) 3× Platina[8] 150,000double-dagger
*número de vendas baseado na certificação
^ figuras embarques com base apenas na certificação
double-dagger números não especificados baseando-se apenas na certificação

Referências

  1. «Alok lançará faixa com Sander van Doorn; confira um preview "generoso"». Phouse. 29 de julho de 2017. Consultado em 2 de julho de 2017 
  2. Melendez, Angel (19 de janeiro de 2017). «Brazilian Super-DJ Alok Brings Good Intentions to LIV». Miami New Times. Consultado em 5 de fevereiro de 2017 
  3. «Alok e Bruno Martini feat. Zeeba - Hear Me Now: video ufficiale, testo e traduzione». GingerGeneration.it - Le Teen News più rosa della Rete (em francês). 23 de janeiro de 2017. Consultado em 5 de fevereiro de 2017 
  4. «DJ Alok leva a música eletrônica a Guaratuba». Bem Paraná. Consultado em 5 de fevereiro de 2017 
  5. «Brasiliense Alok supera "Deu Onda" e tem música mais tocada no Brasil». Metrópoles. Consultado em 5 de fevereiro de 2017 
  6. «Hear Me Now (feat. Zeeba) - Single by Alok on Apple Music» (em inglês). iTunes. Consultado em 5 de fevereiro de 2017 
  7. Kallenbach, Kris (17 de janeiro de 2017). «The Nocturnal Times Exclusive Interview: Alok». The Nocturnal Times. Consultado em 5 de fevereiro de 2017 
  8. a b «FIMI - Certificazioni» (em italiano). Federazione Industria Musicale Italiana. Consultado em 18 de março de 2019 
  9. a b «Certificações de singles do Brasil – Alok – Hear Me Now». Associação Brasileira de Produtores de Discos. Consultado em 22 de dezembro de 2019 
  10. «"Hear Me Now": O que o rock e o Double You têm a ver com o hit de Alok?». Universo Online. 10 de fevereiro de 2017. Consultado em 25 de março de 2020 
  11. «"Música ficou maior do que nós três", diz Bruno Martini sobre hit com Zeeba e Alok». Quem. 17 de fevereiro de 2018. Consultado em 25 de março de 2020 
  12. «Dre Guazzelli entrevista Bruno Martini». Phouse - A voz da música eletrônica no Brasil!. 30 de janeiro de 2019. Consultado em 25 de março de 2020 
  13. Compositores, União Brasileira de. «Zeeba: "a parceria com Alok mudou totalmente minha carreira e a minha vida"». União Brasileira de Compositores. Consultado em 25 de março de 2020 
  14. «"It's Your Life" - Entrevista com Zeeba e a cantora Isadora». Resenhando. Consultado em 25 de março de 2020 
  15. «Exclusivo: em entrevista no backstage do Villa Mix Festival Brasília, DJ Alok se diz focado em carreira internacional». Internet Group, Heloísa Tolipan. 10 de maio de 2017. Consultado em 25 de março de 2020 
  16. «Zeeba, do indie rock ao pop eletrônico - Randômicas». VEJA SÃO PAULO. 5 de outubro de 2018. Consultado em 25 de março de 2020 
  17. a b Bendoni, Kasey (27 de outubro de 2016). «Alok & Bruno Martini Drop Video For Heartfelt New Song "Hear Me Now"». Noiseporn. Consultado em 5 de fevereiro de 2017 
  18. «Alok lançará faixa com Sander van Doorn; confira um preview "generoso"». Phouse. 29 de julho de 2017. Consultado em 2 de julho de 2017 
  19. «Alok comemora sucesso de "Hear Me Now" com entrevista no "The Noite"». portalpopline.com.br. Consultado em 29 de março de 2017 
  20. «Hear Me Now - Google Play Music». Google Play Music. Consultado em 14 de agosto de 2017 
  21. «Alok & Bruno Martini feat. Zeeba – Hear Me Now Austriancharts.at» (em alemão). Ö3 Austria Top 40. Hung Medien. Consultado em 5 de fevereiro de 2017.
  22. «Ultratop.be – Alok & Bruno Martini feat. Zeeba – Hear Me Now» (em neerlandês). Ultratip. ULTRATOP & Hung Medien / hitparade.ch. Consultado em 6 de fevereiro de 2017.
  23. «Ultratop.be – Alok & Bruno Martini feat. Zeeba – Hear Me Now» (em francês). Ultratip. ULTRATOP & Hung Medien / hitparade.ch. Consultado em 6 de fevereiro de 2017.
  24. «RANKINGS - Billboard Hot 100». Billboard Brasil. Internet Group. Consultado em 26 de abril de 2017 
  25. «Pop Brasil: Nego do Borel é o mais ouvido da semana». Billboard Brasil. Internet Group. Consultado em 23 de maio de 2017. Cópia arquivada em 23 de maio de 2017 
  26. «TOP 50 Streaming». Pro-Música Brasil. Consultado em 20 de dezembro de 2017. Arquivado do original em 28 de dezembro de 2017 
  27. «ČNS IFPI» (em tcheco). Hitparáda – Radio Top 100 Oficiální. IFPI República Checa. Nota: inserir 201722 na pesquisa. Consultado em 5 de junho de 2017.
  28. «ČNS IFPI» (em tcheco). Hitparáda – Digital Top 100 Oficiální. IFPI República Checa. Nota: inserir 201708 na pesquisa. Consultado em 7 de março de 2017.
  29. «Danishcharts.com – Alok & Bruno Martini feat. Zeeba – Hear Me Now. (em dinamarquês). Tracklisten. Hung Medien. Consultado em 5 de fevereiro de 2017.
  30. «Alok & Bruno Martini feat. Zeeba: Hear Me Now» (em finlandês). Musiikkituottajat Consultado em 5 de fevereiro de 2017.
  31. «Le Top de la semaine : Top Singles Téléchargés - SNEP (Week 15, 2017)» (em francesa). Syndicat National de l'Édition Phonographique. Consultado em 15 de abril de 2017 
  32. «Mexico Ingles Airplay». Billboard. 11 de fevereiro de 2017. Consultado em 11 de fevereiro de 2017. (pede subscrição (ajuda)) 
  33. «Alok & Bruno Martini feat. Zeeba - Hear Me Now» (em alemão). Charts.de. Media Control. Consultado em 5 de fevereiro de 2017.
  34. «Archívum – Slágerlisták – MAHASZ» (em húngaro). Rádiós Top 40 játszási lista. Magyar Hanglemezkiadók Szövetsége. Consultado em 17 de março de 2017.
  35. «Italiancharts.com – Alok & Bruno Martini feat. Zeeba – Hear Me Now» (em inglês). Top Digital Download. Hung Medien. Consultado em 23 de maio de 2017.
  36. «Nederlandse Top 40 – week 8, 2017» (em neerlandês). Dutch Top 40 Stichting Nederlandse Top 40. Consultado em 24 de fevereiro de 2017.
  37. «Dutchcharts.nl – Alok & Bruno Martini feat. Zeeba – Hear Me Now» (em neerlandês). Mega Single Top 100. Hung Medien / hitparade.ch. Consultado em 5 de fevereiro de 2017.
  38. «Norwegiancharts.com – Alok & Bruno Martini feat. Zeeba – Hear Me Now» (em inglês). VG-lista. Hung Medien. Consultado em 5 de fevereiro de 2017.
  39. «Portuguesecharts.com – Alok & Bruno Martini feat. Zeeba – Hear Me Now». AFP Top 100 Singles. Consultado em acessodata.
  40. «SNS IFPI» (em eslovaco). Hitparáda – Radio Top100 Oficiálna. IFPI República Checa. Nota: inserir 201729 na pesquisa. Consultado em 25 de julho de 2017.
  41. «SNS IFPI» (em eslovaco). Hitparáda – Singles Digital Top 100 Oficiálna. IFPI República Checa. Nota: inserir 201706 na pesquisa. Consultado em 7 de maio de 2017.
  42. «Swedishcharts.com – Alok & Bruno Martini feat. Zeeba – Hear Me Now» (em inglês). Singles Top 60. Hung Medien. Consultado em 5 de fevereiro de 2017.
  43. «Alok & Bruno Martini feat. Zeeba – Hear Me Now swisscharts.com» (em inglês). Swiss Singles Chart. Hung Medien. Consultado em 12 de junho de 2017.
  44. «Official Russia Top 100 Airplay Chart (week 41)» (em Russian). Tophit. Consultado em 29 de outubro de 2017. Arquivado do original em 9 de outubro de 2018 
  45. «Alok Album & Song Chart History» (em inglês). Billboard Dance/Electronic Songs para Alok. Consultado em 5 de fevereiro de 2017.
  46. «Top Singles Annuel 2017 (physique + téléchargement + streaming)». SNEP(Syndicat National de l'Edition phonographique). Consultado em 29 de agosto de 2018. Cópia arquivada em 29 de agosto de 2018 
  47. «Rádiós Top 100 – hallgatottsági adatok alapján – 2017». Mahasz. Consultado em 17 de fevereiro de 2018 
  48. «Classifiche annuali dei dischi più venduti e dei singoli più scaricati nel 2017» (em italiano). FIMI. Consultado em 9 de janeiro de 2018. Arquivado do original (Clique em "Scarica allegato" e abra o arquivo "Classifica annuale 2017 Singoli digital") em 8 de janeiro de 2018 
  49. «Jaaroverzichten – Dance 2017» (em Dutch). MegaCharts. Consultado em 29 de agosto de 2018 
  50. «Årslista Singlar – År 2017» (em Swedish). Sverigetopplistan. Consultado em 16 de janeiro de 2018 
  51. «Schweizer Jahreshitparade 2017 – hitparade.ch». Hung Medien. Consultado em 31 de dezembro de 2017 
  52. «Hot Dance/Electronic Songs – Year-End 2017». Billboard. Consultado em 29 de agosto de 2018 
  53. «Gold-/Platin-Datenbank (Alok; 'Hear Me Now')"». Bundesverband Musikindustrie (em alemão). Consultado em 21 de fevereiro de 2020 
  54. «Alok & Bruno Martini "Hear Me Now"». IFPI Dinamarca (em dk). 6 de maio de 2018. Consultado em 21 de fevereiro de 2020 
  55. «Certificações de singles da França – Alok & Bruno Martini feat. Zeeba – Hear Me Now». Syndicat National de l'Édition Phonographique. 19 de maio de 2017. Consultado em 6 de agosto de 2017