Hector Lavoe

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Héctor Lavoe
Informação geral
Nome completo Héctor Juan Pérez Martínez
Também conhecido(a) como El Cantante de los cantantes
Nascimento 30 de setembro de 1946
Origem Ponce, Porto Rico
Morte 29 de junho de 1993 (46 anos)
Local de morte Nova Iorque, NI
Estados Unidos
Nacionalidade porto-riquenho
Gênero(s)
Ocupação(ões) Cantor
Instrumento(s)
Extensão vocal Tenor
Período em atividade 1965-1993
Gravadora(s) Fania Records
Afiliação(ões)
Página oficial hectorlavoe.com

Héctor Juan Pérez Martínez (Ponce (Porto Rico), 30 de Setembro de 1946 - Nova Iorque, 29 de Junho de 1993), mais conhecido como Héctor Lavoe, foi um cantor porto-riquenho de salsa que fez grande sucesso e é considerado um dos ícones desse ritmo.

Foi produzido um filme sobre sua vida, dirigido por Jennifer Lopez. O nome do filme é El Cantante, tema de uma música escrita pelo cantor, compositor, diretor, político, advogado e ator panamenho Rubén Blades.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Conhecido como o bad boy da salsa, o cantor teve uma vida conturbada e marcada por vícios. Sua vida foi muito sofrida, perdeu a mãe ainda novo, e seu único filho, com 17 anos, acidentalmente, um amigo deu um dispáro, que acabou matando o mesmo, no mesmo ano, sua sogra foi assassinada e seu pai falece (em Porto Rico), além de tudo isso, sua casa, em Queens, New York, pega fogo e é obrigado a pular de uma altura de 5 andares, onde sofre algumas fraturas, mas nada grave. Em seguida, descobre que é portador do vírus HIV (AIDS), e para piorar, um show foi cancelado, devido à falta de público, tudo isso leva ele a uma profunda depressão, e acaba se jogando do 9° andar do hotel onde estava, mas, por milagre, acaba sobrevivendo, sofrendo desta vez, graves fraturas.

Na época, ainda apareceram "Empresários" que foram catalogados como "Tubarões de água suja" devido que se aproveitavam da situação de Héctor, para ganhar dinheiro em cima da sua imagem, ministrando mais drogas para o cantor. Após todos essas tragédias, Héctor ainda grava (Lança) um álbum, o último ("Héctor Lavoe & Van Lester: The Master and the Protege") e, em Junho de 93, falece, aos 46 anos, em consequência da AIDS, que contraiu, devido ao uso excessivo de drogas. Héctor deixou uma marca eterna, uns dos maiores cantores e compositores de salsa da história, uma bela voz, com letras intelectuais e arranjos maravilhosos para suas músicas. Fez parte da Fania All Stars, que era composta por cantores e compositores da salsa renomados. Seu último show com a Fania foi no dia 2 de setembro de 1990, onde mal conseguiu cantar o tema "Mi Gente" abandonando o palco e deixando seus colegas e o público em meio às lágrimas.

No cinema, foi interpretado pelo cantor Marc Anthony no filme El Cantante.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre um cantor é um esboço relacionado ao Projeto Música. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.