Heihachi Mishima

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Question book-4.svg
Esta página ou secção cita fontes confiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo, o que compromete a verificabilidade (desde junho de 2013). Por favor, insira mais referências no texto. Material sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Heihachi Mishima
Heihachi Mishima
Informações gerais
Nome no Japão Mishima Heihachi (三島 平八)
Primeiro jogo Tekken
Dublador japonês Banjou Ginga (Tekken e Tekken 2)
Gouri Daisuke (Tekken 3, Tekken Tag Tournament, Tekken 4, Tekken 5, Tekken 6, Death by Degrees, Tekken: The Movie e Soul Calibur II), Unshō Ishizuka (Tekken Prime 3D Edition, Street Fighter X Tekken, Tekken Tag Tournament 2 e Project X Zone)
Informações pessoais
Aniversário 10 de Julho de 1930
Alinhamento Maligno
Terra natal Japonesa (o governo revogou sua Nacionalidade)
Estilo(s) de luta Estilo Mishima de Karatê

Heihachi Mishima (三島 平八, Mishima Heihachi?) é o principal antagonista da série de jogos de luta Tekken. É filho de Jinpachi Mishima, pai de Kazuya Mishima e Lars Alexandersson, marido de Kazumi Mishima, pai adotivo de Lee Chaolan, avô de Jin Kazama. Ele luta com o poder do Estilo Mishima de Karatê (um estilo próprio, que tem influências de Goju-Ryu e Shotokan). É o fundador é comandante do esquadrão Tekken Force. Só não comandou o segundo, o quinto e o sexto torneio King of Iron Fist Tournament(que foram comandados por Kazuya, Jinpachi e Jin, respectivamente).

História[editar | editar código-fonte]

Tekken[editar | editar código-fonte]

Heihachi nasceu como o herdeiro do rico, poderoso e bem-respeitado Jinpachi Mishima, proprietário da poderosa corporação Mishima Zaibatsu, e professor famoso de artes marciais em todo o mundo. Inclusive, foi com ele que aprendeu as técnicas do karatê do estilo Mishima. Já adulto, Heihachi casou-se e teve um filho, Kazuya Mishima. Infelizmente, sua esposa, Kazumi, faleceu no parto de Kazuya, e esse provavelmente foi o primeiro motivo de ele odiar o filho (sentimento claramente visto na cronologia dos jogos).

Heihachi educou Kazuya cruelmente. Na sua mente, ele deveria ser um herdeiro forte e impiedoso para receber a direção da Mishima Zaibatsu. Para o desgosto de seu pai, Kazuya cresceu bom e sensível (apesar de mais tarde nutrir maldade em seu coração), talvez pelo tratamento amoroso que recebeu de seu avô, Jinpachi. Em algum ponto, Heihachi denunciou uma corrupção de Jinpachi à diretoria da Zaibatsu, que o destituiu e passou a liderança do conglomerado a seu filho. O motivo pelo qual ele o traiu ainda é desconhecido, mas especula-se que ele discordou da falta de agressão e crueldade de Jinpachi em detrimento de um tratamento dócil com relação a Kazuya.

Após assumir o controle, Heihachi começou a dirigir a Zaibatsu dentro da indústria militar. Jinpachi até tentou retomar o controle da corporação, mas falhou e foi preso por seu próprio filho sob um templo chamado Hon-Maru, para que morresse. Por fim, Heihachi se cansou da "fraqueza" de Kazuya e tomou uma decisão cruel: pegou seu filho e se dirigiu até um penhasco. Ali, ele decidiu atirá-lo, dizendo que se fosse realmente forte, sobreviveria à queda e subiria de novo. Kazuya até tentou se livrar das mãos malignas de seu pai, mas não conseguiu, e foi arremessado do penhasco.

Após desistir de Kazuya, Heihachi viajou para a China para resolver seus negócios, e lá ele conheceu um jovem chamado Lee Chaolan, que era órfão e vivia nas ruas, onde brigava frequentemente. Lee possuía uma enorme força e uma incrível habilidade com chutes, o que fez com que Heihachi, ao percebê-la, decidisse adotar o jovem. Porém, ele não se importava realmente com Lee: ele só estava interessado em criá-lo e educá-lo como um rival de Kazuya.

Após alguns anos, Heihachi descobriu que Kazuya havia sobrevivido à queda do penhasco. Além disso, soube que o mesmo participara de vários campeonatos de artes marciais no exterior, tornando-se um campeão imbatível. Eventualmente, Heihachi decidiu que era hora de testar a força do filho, e então criou um torneio chamado King of Iron Fist, patrocinado por ele e pela Mishima Zaibatsu.

Tekken 2[editar | editar código-fonte]

Heihachi se encontrou com seu filho no torneio, e para sua surpresa, foi derrotado por ele, sendo nocauteado. Após isso, Kazuya tomou o corpo desmaiado do pai e se dirigiu ao mesmo penhasco do qual havia sido jogado quando criança. Lá, ele fez a mesma coisa com Heihachi.

Heihachi, ao ser derrotado e atirado do penhasco, perdeu seus investimentos e seu poder. Contudo, milagrosamente também sobreviveu à queda, e depois de um ano, descobriu que um novo torneio, o King of Iron Fist 2, havia sido criado e patrocinado pela Zaibatsu, naquele momento sob o comando de Kazuya. Assim, objetivando derrotar seu filho e retomar o controle da corporação, Heihachi ingressou no torneio como um simples competidor.[1]

Tekken 3[editar | editar código-fonte]

No segundo torneio, Heihachi avançou para as finais e surpreendentemente conseguiu derrotar Kazuya. Assim, ele recuperou sua fama, seu poder e sua corporação. Mas só aquilo não bastava: aproveitando que seu filho estava desmaiado, e ao mesmo tempo pensando que este se mostrava perigoso demais para continuar vivo (uma vez que Kazuya possuía um gene maligno, que fazia com que ele se transformasse em um demônio), Heihachi tomou uma decisão brutal: foi até um vulcão e atirou o corpo de Kazuya nele, assim se livrando totalmente dele. Dessa forma, ninguém mais atrapalharia seus planos.

Anos mais tarde, Heihachi criou as Forças Tekken (Tekken Force), um grupo militar de respostas rápidas, composto por soldados muito bem treinados e habilidosos, para acalmar as nações do mundo e realizar operações especiais. Então, 15 anos depois do torneio King of Iron Fist 2, Heihachi recebeu uma notícia que o deixou assustado e ao mesmo tempo curioso: no centro do México, sob as ruínas de um antigo templo asteca, as Forças Tekken encontraram uma criatura maligna muito poderosa, que acabou dizimando todos os soldados enviados para lá. Essa criatura se chamava Ogre, e era conhecida como "O Deus da Luta", por ter as habilidades de vários lutadores profissionais de diversas artes marciais. Heihachi, ao tomar conhecimento do poder de Ogre, e ao mesmo tempo ouvindo rumores de que o mesmo possuía sangue imortal, decidiu investigar e tentar obter amostras desse sangue, para que pudesse realizar seu experimento, que consistia em juntar seu DNA ao de Ogre (no caso deste, seu sangue) para tornar-se um ser humano perfeito. Porém, ele não poderia simplesmente tomá-lo à força, uma vez que poderia ser facilmente derrotado e morto pelo monstro. Então, o velho homem começou a pensar e bolar estratégias para conseguir o que queria.

Entrementes, Heihachi conheceu um garoto chamado Jin Kazama, que dizia ser seu neto (na verdade, ele realmente o era, pois era filho de Kazuya). Este, ao saber que o avô lutava karatê, decidiu implorar para que o mesmo lhe ensinasse a arte, para que pudesse vingar a morte de sua mãe, que foi morta por Ogre. Heihachi acabou aceitando, e treinou Jin por quatro anos. Este se tornou um excelente e poderoso lutador, e isso já era o bastante para que Heihachi pudesse colocar seu plano em prática: para recolher amostras do sangue de Ogre, ele utilizaria seu neto como isca para o mesmo. O velho homem sabia que o monstro poderia ser facilmente derrotado por Jin, e por isso criou o torneio King of Iron Fist 3 para que seu plano se cumprisse.

Tekken 4[editar | editar código-fonte]

Jin incrivelmente derrotou e matou Ogre nas finais do terceiro torneio, tornando-se assim campeão. Porém, Heihachi, como já havia conseguido o que queria, decidiu acabar com seu neto, também. Assim, logo após a vitória de Jin, ele mandou soldados das Forças Tekken atacarem o jovem carateca, atirando nele. Jin, lentamente sucumbindo à morte, recebeu um último tiro em sua cabeça, dado pelo próprio avô. Logo após, Heihachi, enquanto estava indo embora, presenciou algo terrível: seu neto, transformado em um demônio, nocauteou os soldados e também o atacou, derrubando-o do templo em que estavam e logo depois fugindo, voando para bem longe. Heihachi havia se esquecido, mas Jin possuía o mesmo gene maléfico que Kazuya. Um tempo depois, Heihachi descobriu que para combinar seu DNA com a amostra de sangue de Ogre, precisaria de um catalisador, que no caso deveria ser uma amostra do gene maléfico (Devil Gene) que Kazuya e Jin possuíam. Como Kazuya estava morto, Heihachi procurou por Jin desesperadamente, por dois anos, mas não o encontrou.

Entrementes, Heihachi descobriu que a G Corporation, corporação rival da Mishima Zaibatsu, havia encontrado o corpo de seu filho, Kazuya, no vulcão onde havia sido arremessado vinte e um anos atrás. Além disso, a corporação havia extraído e analisado seus dados genéticos. De fato, o velho homem percebeu que a empresa rival estava a caminho de criar a tal forma de vida que ele tanto queria, usando esses novos dados, e que as partes remanescentes do corpo de Kazuya e os dados desta pesquisa estavam guardados em segurança máxima nos laboratórios da G Corporation em Nebraska e no Nepal, respectivamente. Assim, ele enviou suas Forças Tekken até a corporação, a fim de recuperar o corpo de Kazuya. A G Corporation foi invadida com facilidade, mas para a surpresa de Heihachi, seu filho havia sido ressuscitado com a ajuda da tecnologia avançada da corporação. Então, este último, furioso, atacou e matou todos os mercenários das Forças Tekken.

Como sua missão falhou, Heihachi decidiu usar outro método para tentar atrair Kazuya e extrair-lhe o Devil Gene. Ao mesmo tempo, ele esperava atrair também Jin, para envolvê-lo numa armadilha. Para isso, ele criou o torneio King of Iron Fist 4, e o prêmio ao vencedor seria o controle da Mishima Zaibatsu.

Tekken 5[editar | editar código-fonte]

Heihachi havia comunicado às suas Forças Tekken seu plano: fazendo com que os dois "Devil" (ou seja, Jin e Kazuya em suas formas malignas) lutassem entre si no quarto torneio, apenas o vencedor iria lutar com ele. Porém, ele ordenou aos soldados que capturassem Jin antes mesmo de este avançar para as finais. O plano funcionou, e Jin foi capturado e levado, ainda inconsciente, para um templo chamado Hon-Maru, onde Heihachi iria finalizar sua missão.

Sendo assim, Heihachi enfrentou Kazuya no torneio, e foi derrotado por ele. Depois, o velho homem levou seu filho até o templo de Hon-Maru, a pedido deste último (pois Kazuya havia exigido o paradeiro de Jin, para que pudesse realizar seu plano de adquirir o poder do mesmo). Lá, Heihachi presenciou o que desejava: a batalha entre os dois "Devil". Nesta, Jin saiu vitorioso, deixando Kazuya nocauteado, e então seu avô o desafiou, para que pudesse derrotá-lo e obter o seu gene. No entanto, Heihachi também foi derrotado e nocauteado, e em seguida quase foi morto por Jin, mas este se lembrou de sua mãe, que era bondosa e de coração puro, e decidiu deixar seu avô e seu pai vivos. Então, o jovem se transformou e fugiu do templo, voando.

Logo após a fuga de Jin, a G Corporation enviou uma tropa de robôs Jack para invadir o templo e destruir Kazuya e Heihachi. Estes, ao retomarem a consciência, reuniram novamente suas forças e, juntos, decidiram lutar com tropa. Por um momento, os dois foram vitoriosos, atacando e destruindo vários robôs. No entanto, Kazuya, aproveitando-se de um descuido de seu pai, atacou-o pelas costas e o arremessou em direção às máquinas, fazendo com que estas o imobilizassem. Depois, ele se transformou em Devil Kazuya e fugiu do templo, voando para longe. Então, um dos robôs que estavam com Heihachi ativou uma sequência de auto-destruição, destruindo completamente o templo de Hon-Maru. Com isso, a G Corporation declarou que Heihachi estava morto.

Contudo, eles estavam errados: Heihachi foi, por causa da explosão, jogado a quilômetros de distância do complexo, indo parar dentro de uma tumba. Apesar da dura queda, ele sobreviveu, mas ficou gravemente ferido. Ele ficou inconsciente por semanas, e então despertou. Algum tempo depois, ele descobriu que alguém havia patrocinado um outro torneio, o King of Iron Fist 5. Ele sabia muito bem que não era Kazuya e muito menos Jin, e então decidiu ingressar para descobrir o que estava acontecendo, além de também vingar-se dos responsáveis pelo atentado à sua vida.

Tekken 6[editar | editar código-fonte]

No quinto torneio, Heihachi encontrou-se novamente com Kazuya, e para sua vergonha, foi derrotado e nocauteado. Ao acordar, ele percebeu que o campeonato havia acabado, e então, para tentar recuperar sua corporação, dirigiu-se até a sede da mesma. No entanto, ao chegar no local, as suas Forças Tekken o bloquearam na entrada. Sua presença já não era mais permitida.

Algum tempo depois, Heihachi, ainda confuso, ouviu que a Zaibatsu iria patrocinar um outro torneio, o King of Iron Fist 6. Logo, ele descobriu que seu neto, Jin, era o novo líder da corporação, e que ele mesmo anunciara o campeonato. Revoltado com a situação, o velho homem declarou guerra contra o novo líder, e ingressou no torneio para tomar a Mishima Zaibatsu de volta, a todo custo.

Finais[editar | editar código-fonte]

Tekken 2[editar | editar código-fonte]

Heihachi toma o corpo de seu filho, Kazuya, ainda inconsciente, e o lança em um vulcão, esquecendo-se assim completamente dele. Após isso, ele vai embora do local, segurando-se nas escadas de um helicóptero. Ao realizar sua ação, ele sorri, satisfeito.

Tekken 3[editar | editar código-fonte]

Após Heihachi derrotar Ogre (em sua forma perfeita), este se desintegra. Ali perto, está o corpo desmaiado de seu neto, Jin. O velho homem toma-o e, na cena seguinte, é mostrado um helicóptero transportando os dois (com Jin ainda inconsciente). Em um determinado momento, Heihachi percebe que marcas estranhas estão aparecendo no rosto de seu neto. Isto seria o sinal de que o Devil Gene se manifestaria em breve. Então, ele pega o corpo de Jin e o lança para fora da aeronave, para que ele despertasse fora da mesma e não a destruísse.

Tekken Tag Tournament[editar | editar código-fonte]

Heihachi está sentado em um dojô, pensando. Ele se lembrou de como derrotou Jin e Kazuya no torneio, e então sorri.

Tekken 4[editar | editar código-fonte]

Após ser derrotado por seu filho, Heihachi o leva até o templo de Hon-Maru. Lá, ele mostra Jin acorrentado. Então, subitamente duas correntes agarram Kazuya pelos braços e outras duas, pelas suas pernas, deixando-o preso e suspenso no ar, como seu filho. Ele tenta, com todas as suas forças, se libertar, mas Heihachi explica que as correntes são feitas de um material capaz de neutralizar os poderes do Devil Gene, e que ele (Kazuya) iria perder a consciência em poucos minutos. Feliz porque teria agora os dois genes dos quais necessitava para completar seu experimento, Heihachi vai embora do templo, dizendo que Kazuya deveria ficar contente, pois iria morrer ajudando seu pai com seus planos. Logo após todo o epílogo, um texto aparece numa tela preta, dizendo: "Depois disso, o mundo passou a conhecer uma era de escuridão (ou trevas)..."

Tekken 5[editar | editar código-fonte]

Um foguete está prestes a decolar. Jinpachi, que estava desmaiado, acorda e percebe que está preso a ele por correntes. Então, ele tenta ao máximo se libertar, mas não consegue. O mesmo acontece com Kazuya e Jin, que também estão presos ao redor da aeronave. Enquanto isso, a contagem regressiva continua. Todo o esforço foi em vão: o foguete decola rumo ao espaço, e à morte dos três. Estes gritam, desesperados, mesmo não conseguindo sair da situação. Não muito longe dali, Heihachi assiste a tudo, usando um binóculo, e ao perceber que estava livre de interferências, e que conseguiu sua empresa de volta, gargalha, satisfeito.

Tekken 6[editar | editar código-fonte]

É mostrada uma colônia espacial, bem em frente à Terra. Nela, Heihachi está com Kazuya e Jin amarrados, nas paredes. Ele abre as portas da colônia e lança seu neto, com este nem podendo se mover direito, para cair no planeta. Após isto, ele tenta fazer o mesmo com Kazuya, mas este, mesmo amarrado, tenta se livrar das mãos do pai, movendo-se como pode. Ele até consegue: na verdade, ele acaba por empurrar Heihachi com seus pés para fora do local, mas também acaba saindo. Então, os três, gritando, entram em contato com a atmosfera terrestre, queimam e caem no planeta, parecendo estrelas cadentes. Num local perto da queda, Ganryu observa tais "estrelas", e pensa em sua amada, Julia Chang.

Tekken Tag Tournament 2[editar | editar código-fonte]

Uma cientista é mostrada trabalhando em um experimento envolvendo Heihachi. Ela retira, de uma espécie de câmara, um tubo de ensaio contendo um líquido de cor roxa, analisando-o depois. Então, Heihachi, que estava velho outra vez (uma vez que, neste jogo, ele está mais jovem, e por algum motivo ficou idoso novamente), entra no laboratório e se dirige a um compartimento contendo bebidas criadas cientificamente. Ele pega um frasco e bebe todo o conteúdo. Após isto, ele fica jovem novamente, mostrando o poder e a eficácia da bebida. Então, a cientista o encontra e mostra o líquido que havia criado no laboratório, dizendo que o processo estava finalizado. Heihachi toma o tubo da mão dela e, feliz porque aquilo iria dá-lo o corpo que uma vez ele teve, deixando-o ainda mais poderoso, bebe todo o líquido. O processo é rápido: Heihachi ganha presas, garras, seus olhos mudam de cor e seus músculos crescem, além de tomar uma aparência monstruosa . No entanto, não era o esperado: na verdade, o líquido transformou Heihachi num urso.

Outras aparições[editar | editar código-fonte]

  • Heihachi aparece no jogo Soul Calibur II da série 'Soul' como um personagem jogável.
  • Heihachi também aparece no jogo Pac-Man Fever,junto de Astaroth da série 'Soul'.
  • Heihachi pode ser criado como um personagem jogável no jogo online, Perfect World.
  • Heihachi aparece em PlayStation All-Stars Battle Royale como um personagem jogável representando a série Tekken.

Heihachi aparece em urban rivals como uma carta compravel

Curiosidades[editar | editar código-fonte]

  • Em quase todos os finais de Kazuya Mishima, Heihachi se dá mal.
  • Heihachi aparece em todos os jogos de luta Tekken menos em tekken moblie [um jogo de celular]
  • Pai de Lars Alexanderson e Kazuya Mishima.
  • Avô de Jin Kazama.
  • Sogro de Jun Kazama, que na verdade é somente a namorada de Kazuya Mishima, a qual lhe rendeu um filho(Jin Kazama). Kazuya e Jun nunca foram casados.
  • Filho de Jinpachi Mishima.
  • Dono e treinador de Kuma.
  • Prometeu a Ling Xiaoyu (suposta nora) que daria um parque de diversão, se ganhasse Tekken 3, porém ao estilo dele e não dela.
  • Nos filmes Tekken e Tekken 2 - A Vingança de Kazuya, Heihachi Mishima é interpretado pelo ator japonês Cary-Hiroyuki Tagawa.

Tekken 2[editar | editar código-fonte]

  • Seu sub-chefe é Lee Chaolan.

Tekken 3[editar | editar código-fonte]

  • É desbloqueado após o modo Arcade ser jogado (e completado) sete vezes.
  • Quando Ogre é derrotado, ele absorve Heihachi para se transformar em True Ogre. No entanto, se o personagem escolhido for Heihachi, Jin é absorvido em seu lugar.
  • Seus chefes no modo Tekken Force são Eddy Gordo, Julia Chang, Jin Kazama e ele próprio.

Tekken 4[editar | editar código-fonte]

  • É desbloqueado após o modo Arcade ser jogado (e completado) oito vezes.
  • Ele é o chefe final no mini-jogo Tekken Force 4. O local da luta é, ironicamente, o templo de Hon-Maru.

Tekken 5[editar | editar código-fonte]

  • Seus sub-chefes são Jack-5 e Kazuya.
  • É desbloqueado após o modo Story Battle ser completado nove vezes, e com personagens diferentes.
  • Sua animação de vitória na qual pega o oponente caído pela cabeça e diz: "Volte quando você estiver pronto para lutar!" funciona com todos os personagens, exceto com Yoshimitsu.
  • Heihachi aparentemente se esqueceu que deixara seu pai, Jinpachi, preso sob o templo de Hon-Maru, de acordo com seus diálogos com Kazuya no modo Story Battle.
  • No modo Devil Within, é revelado que Heihachi foi clonado pela G Corporation. Aparentemente, eles o clonaram quatro vezes, uma vez que seus chefes finais no nível 2 são cópias dele. Contudo, não se sabe se a história deste modo é canônica.

Tekken 6[editar | editar código-fonte]

  • Heihachi, apesar de ter 76 anos, está em boa forma , como se pode ver claramente no epílogo de Lee Chaolan.
  • No modo Arena, seus sub-chefes são Jack-5, Kazuya, Jin e Azazel.

Tekken Tag Tournament 2[editar | editar código-fonte]

  • Neste jogo, Heihachi rejuvenesceu.
  • Ele e Jinpachi são os sub-chefes do sétimo estágio.
  • Possui uma cena de vitória especial com Jinpachi, onde os dois aproximam-se um do outro até colidirem suas cabeças (propositalmente).
  • Possui uma cena de vitória especial com Ancient Ogre, na qual este último se aproxima dele e tenta agarrá-lo, mas Heihachi o impede, segurando e desviando sua mão.
  • Possui duas cenas de vitória especial com Kazuya: em uma, os dois se encaram com os braços cruzados; na outra, eles passam um pelo outro, trombando seus ombros em sinal de desprezo e ódio.
  • Possui uma cena de vitória especial com Jin, na qual os dois se encaram com os braços cruzados.
  • Possui uma cena de vitória especial com Devil Jin, na qual este último levanta voo diante do avô, ao passo que Heihachi apenas cruza os braços e o observa fugindo.
  • Possui uma cena de vitória especial com Lars, na qual ambos se entreolham e, virando-se, começam a pensar, parecendo confusos, como se já tivessem conhecido um ao outro antes.
  • Possui uma cena de vitória especial com Xiaoyu, na qual esta chega perto dele e começa a olhá-lo sem motivo aparente. Este, achando que ganhou sua atenção (principalmente porque ficou mais jovem), parece encabulado.
  • Possui uma cena de vitória especial com Kuma, na qual este quer comemorar a vitória com o dono, mas Heihachi o rejeita, afastando sua pata.

Street Fighter X Tekken[editar | editar código-fonte]

  • Seu parceiro de tag é Kuma.
  • Sua propriedade é uma das fases do jogo, enquanto o telhado será uma nova versão de sua fase em Tekken 2, a parte interna será uma nova versão de seu cenário em Tekken 3.
  • Os rivais de Kuma e Heihachi são Guile e Abel.
  • Quando um personagem entra no Modo Pandora, ele fica com a pele preta, roupa roxa, cabelo e marcas brancas no corpo e com a voz mais grossa. Heihachi apenas fica com a pele vermelha.
  • A roupa alternativa de Heihachi é baseada em Sodom de Final Fight. O site do jogo afirma que Heihachi ensinou Sodom a apreciar a cultura japonesa, e em agradecimento, Sodom deu-lhe uma roupa de samurai.
  • A roupa alternativa de Akuma é baseada na infame roupa secundária de Heihachi em Tekken 4.

Project X Zone[editar | editar código-fonte]

  • Heihachi aparece primeiramente no Prólogo 4, em que enfrenta zumbis de The House Of The Dead no cruzeiro Bermuda.
  • Somente Ryu e Jin reconhecem Heihachi após seu rejuvenescimento.
  • Quando pareado com Ryu e Ken, Heihachi propõe a adotar Ryu na frase de vitória.
  • Quando pareado com Kogoro e Mii, Heihachi zomba de Kogoro, citando Yoshimitsu no diálogo pré-batalha.
  • Quando pareado com Dante e Demitri, Heihachi provoca Demitri, oferecendo seu sangue no diálogo pré-batalha.
  • Heihachi demonstra interesse nos poderes de outras séries, como as células Aragami de God Eater e o gene Valquíria de Valkyria Chronicles.
  • Heihachi satiricamente afirma que seu maior orgulho além de seus punhos é o seu cabelo.

Referências

  1. «Heihachi Mishima». Tekkenpedia (em inglês)