Henri Milne-Edwards

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Henri Milne-Edwards
Nascimento 23 de outubro de 1800
Bruges
Morte 29 de julho de 1885 (84 anos)
Paris
Nacionalidade França Francês
Prêmios Medalha Copley (1856)
Campo(s) Zoologia

Henri Milne-Edwards ou Milne-Edwards (Bruges, 23 de outubro de 1800Paris, 29 de julho de 1885) foi um zoólogo francês. Pai do também zoólogo Alphonse Milne-Edwards.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Filho de William Edwards, rico plantador da Jamaica, e de Elisabeth Vaux. Durante a Revolução francesa seu pai foi preso, sendo Henri levado para Paris pelo seu irmão mais velho, o médico William Edwards. Com a deposição de Napoleão seu pai foi solto e toda a família se reuniu em Paris.

Henri estudou medicina e obteve o seu título de doutor em 1823. Em 1828 publicou "Recherches sur les crustacé" , obra que lhe rendeu o Prêmio de fisiologia da Academia das Ciências da França.

Frequentou os cursos de Georges Cuvier (1769-1832) e vinculou uma estreita relação de amizade com Jean Victor Audouin (1797-1841). Com Audouin realizou, entre 1826 e 1828, um estudo extremamente detalhado da fauna marinha costeira dos arredores de Granville.

Casou-se com Laura Trézel com quem teve nove filhos, dos quais Alphonse Milne-Edwards (1835-1900) tornou-se zoólogo.

Em 1832, Henri assumiu o cargo de professor de higiene e de história natural na Escola Central de Artes e Manufaturas. Com a morte de Audouin em 1841 assumiu a cadeira de entomologia do Museu Nacional de História Natural. Em 1849, quando Jean-Baptiste Dumas se tornou ministro, Henri sucedeu-lhe como decano. Em 1862, sucedeu Isidore Geoffroy Saint-Hilaire (1805-1861) na cátedra de mamalogia do mesmo museu. Foi também decano na Faculdade das ciências de Paris e professor de zoologia, anatomia e fisiologia.

A maior parte dos seus trabalhos foi publicado nos "Annales des sciences naturelles", publicação em que dirigiu a parte dedicada a zoologia a partir de 1834.

Entre suas principais obras consta "Histoire naturelle des crustacés" ( 3 volumes, 1837-1841), que por muito tempo foi uma obra de referência no assunto; a "Histoire naturelle des coralliaires", ( 1858-1860) ; e principalmente "Leçons sur la physiologie et l'anatomie comparée de l'homme et des animaux" ( 14 volumes, 1857-1881).

Em 1848, assumiu como membro estrangeiro da Royal Society de Londres, sociedade que concedeu-lhe em 1856 a medalha Copley.

Henricia leviuscula

O nome de Henri Milne-Edwards é homenageado em vários nomes de gêneros e espécies, como:

  • Edwardsia de Quatrefages, 1841
  • Henricia J.E. Gray, 1840
  • Glossocephalus milneedwardsi Bovallius, 1887
  • Milnesium Doyère, 1840
  • Milneedwardsia Bourguignat, 1877
  • Goniastria edwardsi Chevalier, 1971

Obras[editar | editar código-fonte]

  • A manual of surgical anatomy … Desilver, Filadélfia 1828.
  • A manual of materia medica and pharmacy. Careys & Lea, Filadélfia 1829.
  • Cahiers d’histoire naturelle. Crochard & Masson, Paris 183353.
  • Annales des sciences naturelles, zoologie et biologie animale. Masson, Paris 183485.
  • Élémens de zoologie. Crochard & Dumont, Paris, Brüssel 183437.
  • Histoire naturelle des crustacés. Roret, Paris 183440.
  • Outlines of anatomy and physiology. Little & Brown, Boston 1841.
  • Die Zoologie. Scheible, Rieger & Sattler, Stuttgart 184858.
  • Quelques remarques sur l’emploi du sel en agriculture … Paris 1849.
  • A monograph of the British fossil corals. Londres, 185072.
  • Zoologie. Langlois, Leclercq & Masson, Paris 185058.
  • Mélanges carcinologiques. Martinet, Paris 185154.
  • Beiträge zur allgemeinen Zoologie. Müller, Stuttgart 1853.
  • Histoire naturelle des coralliaires ou polypes proprement dits. Roret, Paris 185760.
  • A manual of zoology. Renshaw, Londres 1863.

Referências[editar | editar código-fonte]


Precedido por
Jean Bernard Léon Foucault
Medalha Copley
1856
Sucedido por
Michel Eugène Chevreul