Hermann Broch

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Hermann Broch
Nascimento 1 de novembro de 1886
Viena, Áustria
Morte 30 de maio de 1951 (64 anos)
New Haven, Connecticut, EUA
Nacionalidade Áustria austríaco
Ocupação Escritor
Magnum opus Os sonâmbulos

Hermann Broch (1º de novembro de 1886, Viena, Áustria30 de maio de 1951, New Haven, Connecticut) foi um escritor austríaco do século XX, considerado um dos maiores modernistas de todos os tempos.[1]

Vida[editar | editar código-fonte]

Broch nasceu em Viena, Áustria de uma família judaica e trabalhou por um tempo na fábrica de sua família, embora tivesse mantido seus interesses literários ocultos.[1] Ele estava predestinado a trabalhar na fábrica têxtil de seu pai em Teesdorf[1], por isso, estudou em uma escola técnica para manufatura têxtil e em um colégio de fiação e tecelagem.

Em 1909, casou-se com Franziska von Rothermann, a filha de um fabricante fidalgo. No ano seguinte, seu filho Hermann Friedrich Maria nasceu. Depois, Broch começou a demonstrar interesse por outra mulher e seu casamento acabou em divórcio em 1923.[Divórcio 1] Ele estava familiarizado com Robert Musil, Rainer Maria Rilke, Elias Canetti, Franz Blei, seu amigo, escritor e ex-modelo nu, Ea von Allesch, e muitos outros. Em 1927, vendeu a fábrica têxtil e decicidiu estudar matemática, filosofia e psicologia na Universidade de Viena. Embarcou na carreira literária apenas em torno dos 40 anos de idade. Aos 45, publicou sua primeira novela, "The Sleepwalkers".

Com a anexação da Áustria pelos Nazistas (1938), Broch foi preso, porém um movimento organizado por amigos - incluindo James Joyce - conseguiu tê-lo libertado e autorizado a emigrar, primeiro para o Reino Unido, depois para os Estados Unidos, onde finalmente terminou seu romance "The Death of Virgil" e começou a trabalhar, como Elias Canetti, em um ensaio sobre o comportamento dos grupos sociais, o qual permaneceu inacabado. Após isso, converteu-se ao Catolicismo.

Hermann Broch morreu em 1951 em New Haven, Connecticut. Está enterrado em Killingworth, Connecticut, no cemitério Roast Meat Hill Road. Foi nomeado também, para o Prêmio Nobel de Literatura.

Obras[editar | editar código-fonte]

  • Os sonâmbulos - no original Die Schlafwandler
  • A morte de Virgílio - no original Der tod des Vergil
  • A criada Zerlina - no original Die erzählung der magd zerline

Referências

  1. a b c "Pegasos". «Biografia de Herman Broch em inglês» (em inglês). Consultado em 19 de maio de 2009. 
Ícone de esboço Este artigo sobre uma pessoa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.

Bibliografia[editar | editar código-fonte]


Erro de citação: Existem elementos <ref> para um grupo chamado "Divórcio", mas não foi encontrado nenhum <references group="Divórcio"/> correspondente (ou falta um elemento de fecho </ref>)