Heroes of Might and Magic III: The Shadow of Death

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Heroes of Might and Magic 3: The Shadow of Death
Desenvolvedora(s) New World Computing
Publicadora(s) The 3DO Company
Designer(s) Jon Van Caneghem (creator)
Mark Caldwell (EP)
Jeff Blattner (producer)
David Mullich (director)
Jennifer Bullard (designer)
Plataforma(s)
Série Heroes of Might and Magic
Data(s) de lançamento Estados Unidos March 31, 2000
Gênero(s) RPG
Modos de jogo Single-player, Multiplayer
Hardware
Versão 3.2

Heroes of Might and Magic III: The Shadow of Death é a segunda expansão da série Heroes of Might and Magic.Ele foi desenvolvido pela New World Computing para Microsoft Windows e lançado pela 3DO em 2000. The Shadow of Death é um pacote de expansão autônoma, que inclui o jogo original Restoration of Erathia

Mudanças[editar | editar código-fonte]

The Shadow of Death inclui seis novas campanhas com possibilidade de escolher o nível de dificuldade. A expansão também inclui doze novos artefatos e oito novos tipos de terreno destinadas a reforçar a herói atributos, como moral, sorte e magia.Cada cidade permanece inalterada. Além disso, a expansão adiciona um novo espaço para artefatos, e teletransporte para os heróis no mapa. Uma adição importante é a possibilidade de combinar artefatos. A combinação de artefatos cria um novo artefato extremamente poderoso. O pacote de expansão também melhora significativamente o editor de mapas, incluindo retratos novos para quatro dos heróis das novas campanhas - Sandro, Finneas, Yog e Gem - e outras opções de personalização.

Conteúdo de Armageddon's Blade[editar | editar código-fonte]

The Shadow of Death pode ser instalado em conjunto com a primeira expansão Armageddon's Blade, as novas adições de Armageddon's Blade(como a nova cidade, Conflux) estarão presentes em The Shadow of Death.

História[editar | editar código-fonte]

As campanhas do The Shadow of Death servem de prequência para Might and Magic VI: The Mandate of Heaven e Heroes of Might and Magic 3. A história gira em torno de Sandro o Necromante, que recentemente chegou ao continente de Antagarich após os acontecimentos de Heroes of Might and Magic II. Sandro começa uma jornada para remontar dois antigos e poderosos artefatos dos necromantes. Ele usa magia ilusória para assumir a forma de um ser humano vivo, que ele usa para se disfarçar.

Sandro primeiro convence a feiticeira Gem e o bárbaro Crag Hack para encontrar peças dos dois artefatos para ele, prometendo recompensas em troca.Desconhecendo a verdadeira natureza de Sandro, concordam em ajudá-lo a tomar as peças de outros necromantes. Entretanto, as peças são levadas por Sandro sem cumprir sua parte no trato. E com os artefatos remonta os pedaços em dois artefatos extremamente poderosos, o Cloak of the Undead King e Armor of the Damned.

Com a Cloak of the Undead King em suas mãos, Sandro luta contra os exércitos de seu ex-mestre, Ethric, e segue para as terras dos mortos-vivos, Deyja. Lá, utiliza-se de um rei fantoche, Finneas Vilmar, obtendo o controle político total das terras mortos-vivos. De lá, ele inicia seu plano para conquistar o resto do continente.

Algum tempo depois, em meio a guerra contra os mortos-vivos, os heróis Gem, Gelu, Yog e Crag Hack lutam em conjunto para combater a ameaça.Tentam reunir-se na planície de Bragden, mas são emboscados por Sandro e obrigados a fugir. Reagrupando-se, Yog recorda-se de uma tarefa que lhe foi dada antes, de dispensar os componentes da Angelic Alliance, uma poderosa espada. A equipe de heróis decidem procurar os pedaços da espada e remontá-la. Sucedendo, eles empurram os exércitos dos mortos-vivos para a Deyja, encurralando Sandro e por fim derrotando-o. Posteriormente, Gelu é escolhido para se tornar capitão dos Guardas Florestais, referenciado em Heroes of Might and Magic III: Armageddon's Blade. Os heróis mais uma vez dispersam os pedaços dos artefatos necromantes e vão embora.

Uma campanha bônus depois da derrota de Sandro. O necromante planeja uma segunda invasão, desta vez apontado para Erathia. Com a ajuda de Lord Haart ele envenena o rei Nicolas Gryphonheart, e forma uma aliança entre o reino de Deyja, o Kreegans de Eofol e Nighon contra as terras humanas. No entanto, ele é enganado e preso por seu próprio rei, Finneas Vilmar, que então conduz a invasão à Erathia que ocorre durante o Heroes of Might and Magic III: The Restoration of Erathia.

Recepção[editar | editar código-fonte]

The Shadow of Death foi recebido muito bem recebido por críticos, com críticas positivas. Ele foi elogiado por suas melhorias editor de mapas e o fato de não necessitar do jogo base(Restoration of Erathia) para ser instalado, mas foi criticado pela sua falta de conteúdo novo fora do modo single-player.

Reviews
Eurogamer
8 of 10
Game Rankings
79%
GameSpot
7.0 of 10
GameSpy
87 of 100
IGN
9.0 of 10
MobyGames
76 of 100

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Referências