Heroides

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

Heroides (ou Heroidas; em latim: Epistulae Heroidum, lit. "Cartas das Heroínas") são uma coleção de quinze poemas epistolares compostos, em latim, pelo autor romano Públio Ovídio Naso. Escritas em dístico elegíaco, apresentam uma seleção de cartas como se fossem escritas por heroínas da mitologia grega e da mitologia romana, que, de alguma forma maltratadas, negligenciadas ou abandonadas, escrevem a seus amantes. Um conjunto adicional de seis poemas, amplamente conhecidos como Heroides Duplas e numerados de 16 a 21 em edições académicas modernas, segue essas cartas individuais e apresenta três trocas separadas de epístolas emparelhadas: uma de um amante heróico à sua amada ausente e outra da heroína em resposta.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre literatura é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.