Língua hindi

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de Hindi)
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Hindi (हिन्दी)
Falado em:  Índia (língua oficial)
Fiji (língua oficial minoritária)
Região: Sul da Ásia
Total de falantes: 260 milhões nativos (2013), 490 milhões ao todo (2005)
Posição: 4
Família: Indo-europeia
 Hindi
Estatuto oficial
Língua oficial de: Índia
Regulado por: Central Hindi Directorate (Directoria Central de Hindi) [1]
Códigos de língua
ISO 639-1: hi
ISO 639-2: hin

O hindi[1] ou híndi[2] é uma língua indo-ariana, descendente direta do sânscrito védico a partir do prácrito sauraseni e do Śauraseni Apabhraṃśa (do Sânscrito apabhraṃśa "corrompido"), hoje falada por 70% dos indianos, principalmente no norte, centro e oeste da Índia. É parte de uma continuidade dialetal da família indo-ariana fortemente associado a religião hindu.

Os falantes do hindi não são apenas os que o reconhecem como uma língua materna, mas também falantes de outras variantes que consideram o seu idioma uma variante do hindi padrão. Um censo realizado em 2001 revelou que mais de 258 milhões de indianos consideram o hindi como sua língua materna, o que faz do hindi a quinta língua mais falada do mundo.

Status oficial[editar | editar código-fonte]

De acordo com a Constituição indiana de 1950, o híndi é uma das línguas oficiais da Índia em nível federal. A Constituição indiana estabelece ainda que o híndi deve ser escrito com o alfabeto devanágari.

Entre as várias línguas oficiais da Índia, o híndi goza, ao lado do inglês, de maior prestígio dentro da sociedade indiana.

História[editar | editar código-fonte]

O hindi é uma língua oriunda do sânscrito védico, mais precisamente do dialeto ou prácrito (do Sânscrito prākṛta "inalterado, não refinado") das proximidades de Délhi, que adquiriu prestígio no período do Império Mughal no século XVII, dando-lhe a denominação de urdu, a "língua da corte". Logo depois da independência da Índia as autoridades sentiram a necessidade de uma unificação dentro do idioma, portanto decidiu-se por padronizar o hindi como língua separada do urdu, dentro das seguintes convenções:

  • Padronização gramatical: Em 1954 o governo da Índia organizou um comitê para preparar uma gramática para o hindi. O relatório final do comitê foi concluído em 1958 com o título de "Gramática Básica do Hindi Moderno".
  • Padronização ortográfica: obrigatoriedade do uso do alfabeto devanágari pelo Ministério da Educação indiano na intenção de uniformizar a língua e evitar desvios de pronúncia, inclusive na adição de diacríticos para datação de palavras de outras línguas.

A constituinte oficializou o hindi como idioma oficial da União em 14 de setembro de 1949, esta data foi adotada mundialmente como sendo o dia da língua hindi.

Gramática[editar | editar código-fonte]

Pronomes[editar | editar código-fonte]

O hindi tem sete pronomes, três para a segunda pessoa e dois nomes para a terceira pessoa, mas não especifica se é singular ou plural.

Hindi Português
मैं (main)-eu
आप (aap)- o senhor (formal)
तुम (tum)- você
तू (tuu)- tu (muito informal)
येह/वह (yeh/woh) - ele, ela, eles, elas
हम (ham) - nós

Nomes[editar | editar código-fonte]

Número[editar | editar código-fonte]

Gênero[editar | editar código-fonte]

Em hindi não há uma regra geral de como se forma o gênero, mas, muitas palavras terminadas em "a" passam a terminar em "e"; geralmente são palavras usadas para o masculino, por exemplo: लड़का larká (menino); लड़क larkê* (meninos).

Observações: *larkê também pode ser o caso genitivo singular de larká (nominativo);

a palavra para homem (आदमी-aadmi) não possui plural, mas, quando no contexto se refere a vários homens o verbo é conjugado no plural, mas o substantivo é preservado como no singular.

Artigos[editar | editar código-fonte]

Artigo definido e indefinido[editar | editar código-fonte]

Não há artigos definidos em hindi, nem artigos indefinidos.

Posse[editar | editar código-fonte]

Verbo[editar | editar código-fonte]

Semelhante ao latim e ao persa, a ordem na frase em hindi costuma ser sujeito-objeto-verbo. Há uma certa complicação para quem não está acostumado, pois, uma frase como: o menino pula é (está pulando): larka kud-raha-he; em que "larka" é "o menino", "kud" é um radical que traz a ideia de "pulo, salto", "raha" é o sufixo para o singular e masculino e "he" é o verbo ser/estar, literalmente (menino pulando(ele) está). Se for dito: a menina pula (está pulando): larki kud-rahi -he; onde "larki" é "a menina", e "rahi" é o sufixo para o singular feminino.

Para se dizer "os meninos pulam (estão pulando)" se diz:larke kud-rahe-hen; ou seja; "larke", os meninos, "rahe" é o sufixo masculino plural, literalmente: meninos pulando(eles) estão pulando.

Então para se dizer muitos outros verbos, se troca o kud (pula) por qualquer outro: ur (voa); tchal (caminha); dòr (corre); muskura (sorri); pii (bebe); bethi (senta); par (lê).

Em hindi o verbo pode variar conforme o número, gênero, modo e tempo (comum em línguas indo-européias).

Um cuidado deve ser tomado quando se pronuncia o verbo ser/estar no singular e no plural, pois, soa muito semelhante: ह - hee (é, está) e ह hen (são, estão). A forma plural possui um pequeno ponto nasal difícil de se perceber, e nem são diferenciados por algumas fontes.

Vocabulário[editar | editar código-fonte]

  • Aatma: Alma
  • Akash: Céu
  • Dil: Coração
  • Sri (shri): "senhor"
  • Moti: Gordo(a)
  • Lamba: Alto(a)
  • Aadmi: Homem
  • Aurat: Feminino
  • Stri: Mulher
  • Thigna: Baixo(a)

Numerais[editar | editar código-fonte]

0 - शून्य - shunya

1 - एक - ek

2 - दो - dô

3 - तीन - tín

4 - चार - tchar

5 - पांच - pantch

6 - छः - tchê

7 - सात -sat

8 - आठ - aath

9 - नौ - nò

10 - दस - dâs

11 - ग्यारह - gyara

12 - बारह - baara

13 - तेरह - têra

14 - चौदह - tchòda

15 - पन्द्रह - pandrah

16 - सोलह - sola

17 - सत्रह - satrah

18 - अठारह - atrah

19 - उन्नीस - unís

20 - बीस - bis

30 - तीस - tis

40 - चालीस - tchalis

50 - पचास - patchas

60 - साठ - saath

70 - सत्तर - satar

80 - अस्सी - assí

90 - नव्व - nabê

100 - सौ - sò

1000 - एक हजार - ek hajar

100000 - एक लाख - ek lakh

Para esta breve explicação dos numerais não foi utilizado nenhuma forma oficial de transliteração, mas apenas uma forma de fazer os lusófonos pronunciarem o mais parecido possível.

Para quem não está acostumado com o idioma, os números 7 e 60 podem confundir por terem pronúncias parecidas. O uso do ò serviu para não ser confundido com o ô (como em ovo), mas, o ó (como em ópera).

Sistema de escrita[editar | editar código-fonte]

O sistema de escrita do hindi é o alfabeto devanagari, o mesmo que era utilizado na escrita do sânscrito, língua hoje somente utilizada em atividades religiosas. Além do hindi, algumas outras línguas do norte e da região central da Índia também utilizam o devanagari como seu sistema de escrita. Um exemplo é o marata, falado no estado do Maharashtra, cuja capital, Mumbai, é também a capital econômica da Índia. Embora a maior parte da população indiana não tenha o hindi como língua materna, grande parte o domina como segunda língua, o que faz desta língua indiana uma das mais faladas no mundo.

Fonologia[editar | editar código-fonte]

Hindi vowel chart.png

Ver também[editar | editar código-fonte]

Outros projetos Wikimedia também contêm material sobre este tema:
Wikilivros Livros e manuais no Wikilivros
Wikiquote Citações no Wikiquote

O urdu é considerado como um idioma muçulmano e o hindi como um idioma do hinduísmo.

Referências

Ícone de esboço Este artigo sobre linguística ou um linguista é um esboço relacionado ao Projeto Ciências Sociais. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.