Hisham III

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Hisham III
هشام بن محمد المعتد بالله
17º Califa de Córdova (o 11º omíada)
Governo
Reinado 1026-1031
Antecessor Maomé III
Sucessor Extinto
Dinastia Omíadas
Vida
Nome completo Hishām bin Muḥammad al-Muʿtad bi-llāh
Morte 1035, em Lerida

Hisham III (em árabe: هشام بن محمد المعتد بالله Hishām bin Muḥammad al-Muʿtad bi-llāh) foi o último califa de Córdoba da dinastia omíada no al-Andalus (a Espanha islâmica), entre 1026 e 1031, e a última pessoa a ter o título de "Califa de Córdoba".

História[editar | editar código-fonte]

Hisham III, o irmão de Abderramão IV, foi escolhido para ser o califa após longas negociações entre os governadores das regiões fronteiriças e o povo de Córdoba. Ele não pôde entrar na cidade até 1029, pois a cidade estava ocupada pelos exércitos berberes dos usurpadores hamúdidas.

Embora ele tenha tentado consolidar o califado, o aumento dos impostos (para pagar pela construção de mesquitas, entre outras coisas) provocaram uma dura oposição dos clérigos muçulmanos. Após o assassinato de seu vizir al-Hakam por uma conspiração de patrícios cordoveses, Hisham foi preso. Ele conseguiu escapar, mas morreu no exílio em 1035, em Lerida.

Após a queda do califado com a deposição de Hisham III, em 1031, as suas terras - já muito diminuídas em relação ao auge meros 100 anos antes - foram tomadas por diversas taifas, militarmente fracas e culturalmente fortes.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Hisham III
Chefe da Banu Quraish
Morte: 1036
Precedido por:
Maomé III
Califa de Córdoba
1026–1031
Título
extinto
Títulos em pretenção
Novo título Líder omíada
1031–1036
Título
exilado