História transnacional

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

História transnacional é um campo de história que analisa a forma como a evolução na história de um país, foram moldadas por acontecimentos fora do país, por exemplo, como história da Inglaterra tem sido moldada pela evolução vindo de França, a Alemanha ou os EUA. A idéia de transnacionalismo pode ser rastreada até 1991, quando Ian Tyrrell foi pioneira nesta abordagem, mas ele estava no campo de Estudos da América, no final da década de 1990, que o conceito foi realmente desenvolvido. Desde então, o termo tem sido adotado pelo campo da história.

Como o conceito ainda é relativamente com o campo da história, um consenso não surgiu sobre como definir o termo com precisão. No entanto, o historiador dinamarquês, Nils Arne Sørensen, enfatiza que uma  característica importante da história transnacional é deixar de tomar o estado-nação como o quadro "natural" da análise histórica. Esse redirecionamento dos estudos históricos pode ser visto como contra movimento para o fato de que o campo da história foi fundada no século XIX, enquanto os movimentos nacionalistas  estavam em ascensão na Europa.[1] Akira Iriye e Pierre-Yves Saunier define a história transnacional como tendo a ver com as "conexões e circulações" entre as sociedades naidade moderna.[2] Ian Tyrrell argumenta que a história transnacional está relacionada com a escola de Annales.[3]

Veja também[editar | editar código-fonte]

Referências[editar | editar código-fonte]

  1. Nils Arne Sørensen (2009) "Den transnationale vending?"i Historisk Tidsskrift Volume 109, Issue 2: 459-472.
  2. Akira Iriye and Pierre-Yves Saunier (2009) Palgrave Dictionary of Transnational History. Basingstoke: Palgrave Macmillan.
  3. Ian Tyrrell (2008) "What is transnational history?" Ian Tyrell (blog)

Literatura[editar | editar código-fonte]

  • Ian Tyrrell (2007) Transnacional Nação. História dos Estados unidos em Perspectiva Global desde 1789. Basingstoke: Palgrave Macmillan.
  • Nils Arne Sørensen (2009) "Den transnationale de venda automática?"eu Historisk Tidsskrift Volume 109, Problema 2: 459-472.