Holidays in Eden

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Broom icon.svg
As referências deste artigo necessitam de formatação (desde novembro de 2012). Por favor, utilize fontes apropriadas contendo referência ao título, autor, data e fonte de publicação do trabalho para que o artigo permaneça verificável no futuro.
Holidays in Eden
Álbum de estúdio de Marillion
Lançamento 24 de junho de 1991
Fevereiro de 1998 (disco duplo)
Gravação Outside Studios, Oxfordshire, Janeiro - junho de 1991
Gênero(s) Rock progressivo, rock neoprogressivo, soft rock, pop rock
Duração 48:17
1:51:25 (disco duplo)
Gravadora(s) EMI Reino Unido
I.R.S. Records Estados Unidos
Produção Chris Neil
Cronologia de Marillion
Seasons End
(1989)
A Singles Collection
(1992)
Singles de Holidays in Eden
  1. "Cover My Eyes (Pain and Heaven)"
    Lançamento: 28 de maio de 1991
  2. "No One Can"
    Lançamento: 22 de julho de 1991
  3. "Dry Land"
    Lançamento: 23 de setembro de 1991
Críticas profissionais
Avaliações da crítica
Fonte Avaliação
allmusic 2.5 de 5 estrelas. link
Progressiveworld.net 4 de 5 estrelas. link

Holidays in Eden é o sexto álbum de estúdio da banda de rock britânica Marillion, lançado em 1991, sendo o primeiro totalmente elaborado com o novo vocalista Steve Hogarth.

É considerado pela crítica, pelos fãs e pelo próprio Hogarth como o álbum mais comercial de toda a discografia do Marillion, possuindo canções predominantemente orientadas pelo pop e pelo soft rock; duas das faixas do álbum são, inclusive, adaptações da banda para músicas compostas por Hogarth em seus projetos anteriores: "Cover my Eyes" e "Dry Land".[1] Contudo, ainda notamos nuances progressivas em "Splintering Heart", "The Party", "The Rakes Progress" e "100 Nights".[2]

Apesar do direcionamento pop, o disco falhou em alcançar um público maior para a banda, atingindo a mesma posição do disco anterior na parada de álbuns do Reino Unido e lançando três singles de sucesso apenas moderado ("Cover my Eyes", "No One Can" e "Dry Land"). Esses fatos foram cruciais para que a banda novamente se voltasse ao rock progressivo no disco seguinte, o aclamado Brave. [3]

Faixas[editar | editar código-fonte]

Lado um[editar | editar código-fonte]

  1. "Splintering Heart" – 6:54
  2. "Cover My Eyes (Pain and Heaven)" – 3:54
  3. "The Party" – 5:36
  4. "No One Can" – 4:41

Lado dois[editar | editar código-fonte]

  1. "Holidays in Eden" – 5:38
  2. "Dry Land" – 4:43
  3. "Waiting to Happen" – 5:01
  4. "This Town" – 3:18
  5. "The Rakes Progress" – 1:54
  6. "100 Nights" – 6:41

Músicos[editar | editar código-fonte]

  • Steve Hogarth – vocais
  • Steve Rothery - guitarra
  • Mark Kelly - teclado
  • Pete Trewavas - baixo
  • Ian Mosley - bateria

Referências


Ícone de esboço Este artigo sobre um álbum de Marillion é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.