Holly Holm

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Holly Holm
Holly holm 2016.png
Holly Holm
Informações
Nome
completo
Holly Holm
Nascimento 17 de outubro de 1981 (38 anos)
Albuquerque, Novo México
Nacionalidade Estadunidense
Outros nomes The Preacher's Daughter (A Filha do Pastor)
Residência Albuquerque, Novo México
Altura 1,72 m
Peso 61 kg
Divisão MMA:
Peso Galo
Peso Pena
Boxe:
Peso Super Leve
Peso Meio-Médio
Peso Super Meio-Médio
Kickboxing:
Peso Meio-Médio
Envergadura 1,75 m [1]
Modalidade Boxe, Kickboxing, Jiu-Jitsu, Wrestling
Posição Southpaw
Luta por Albuquerque, Novo México
Equipe Jackson's-Winkeljohn's Mixed Martial Arts
Treinador Boxe, Kickboxing: Mike Winkeljohn
Jiu-Jitsu: Ricky Lundell
Wrestling: Israel Martinez
Período em
atividade
MMA: 2011 - presente
Boxe: 2002 - 2013
Kickboxing: 2001 - 2003
Cartel profissional no boxe
Total 38
Vitórias 33
Por nocaute 9
Derrotas 2
Por nocaute 2
Empates 3
Cartel profissional no kickboxing
Total 3
Vitórias 2
Por nocaute 2
Derrotas 1
Por nocaute 1
Cartel nas artes marciais mistas
Total 15
Vitórias 11
Por nocaute 8
Por decisão 3
Derrotas 4
Por finalização 1
Por decisão 3
Ligações externas
Página oficial:
www.hollyholm.com

Holly Holm (Albuquerque, 17 de outubro de 1981) é uma lutadora estadunidense de artes marciais mistas (MMA). Já foi campeã peso-galo do UFC e do LFC. Também foi campeã mundial de boxe 19 vezes em três categorias diferentes. Holm venceu Ronda Rousey em 14 de novembro de 2015 com um chute na cabeça no segundo round do UFC 193 e se tornou a segunda campeã da divisão dos pesos-galos femininos do UFC, além de ser a única atleta a conquistar cinturões no boxe e no UFC.

Carreira no Boxe[editar | editar código-fonte]

Aos 21 anos, Holm estreou no boxe com uma vitória por nocaute técnico em sua cidade natal, Albuquerque. Em 2004, aos 23 anos, ela faturou seu primeiro título: o cinturão inaugural dos ligeiros. Em 2006, ganhou seu primeiro título da WBA (Associação Mundial de Boxe), na categoria dos médios.

Entre 2004 e 2011, Holly Holm passou mais de sete anos invicta. Desde então, quando foi nocauteada pela francesa Anne Sophie Mathis, ela não perdeu mais no esporte. Seu desempenho lhe valeu seis prêmios seguidos de Lutadora do Ano pela aclamada Revista The Ring (entre 2005 e 2010). Em 2013, ela entrou para o Hall da Fama do Boxe. [2]

Holly defendeu várias vezes o título de meio-médio no boxe, e por conta disso foi considerada uma das melhores meio-médios do mundo e uma das melhores de todos os tempos.[3]

Carreira no MMA[editar | editar código-fonte]

Holly debutou no MMA em Março de 2011, contra Christina Domke em um evento promovido pelo seu empresário de boxe, Lenny Fresquez. Ela fez a luta co-principal da noite e venceu por nocaute técnico no segundo round depois da sua oponente não conseguir continuar a luta pelos chutes baixos de Holm.[4]

Holm voltou ao MMA em setembro de 2011, contra a veterana do strikeforce Jan Finney. Ela venceu Finney por nocaute técnico no terceiro round.[5]

Em fevereiro de 2013, Holly estreou no Bellator contra Katie Merrill e venceu novamente por nocaute técnico no segundo round.[6]

Legacy Fighting Championship[editar | editar código-fonte]

Em julho de 2013, Holm enfrentou Allanna Jones no Legacy FC 21 e venceu por nocaute com um chute alto no segundo round[7]

Em outubro de 2011 Holly venceu mais uma vez graças a seus chutes, e nocauteou Nikki Knudsen no Legacy FC 24.[8]

Em dezembro de 2013, Holly enfrentou Angela Hayes e venceu em sua primeira luta que foi para a decisão dos juízes.

No dia 4 de abril de 2014, no Legacy FC 30, Holm enfrentou Juliana Werner em luta válida pelo Cinturão Peso-Galo feminino do Legacy FC, e venceu mais uma vez por nocaute técnico, graças a seus chutes. No entanto Holly sofreu uma fratura no braço no primeiro round.[9]

Ultimate Fighting Championship[editar | editar código-fonte]

Depois de várias especulações e tentativas frustradas de negociação, no dia 10 de Julho de 2014, Dana White anunciou a contratação da lutadora. A estréia de Holly no UFC seria no dia 6 de Dezembro de 2014 no UFC 181. No entanto, uma lesão a tirou do card.[10]

Sua estréia foi remarcada para 28 de Fevereiro de 2015 no UFC 184, contra Raquel Pennington. Ela venceu por decisão dividida.

Holm enfrentou Marion Reneau em 15 de Julho de 2015 no UFC Fight Night: Mir vs. Duffee. Ela venceu a luta por decisão unânime.

Nocaute em Ronda Rousey e Cinturão do UFC[editar | editar código-fonte]

Depois de confirmar que Miesha Tate seria a próxima rival de Ronda Rousey em trilogia a ser realizada no octógono, o Ultimate anunciou uma mudança de planos. Dana White confirmou que Ronda defenderia seu cinturão contra Holly Holm, a maioria da mídia e fâs consideravam que ainda era muito cedo para Holly Holm enfrententar Ronda e criticaram a decisão do UFC. A luta aconteceria em 2 de Janeiro de 2016, no UFC 195. No entanto, a luta foi movida para o UFC 193 em 14 de Novembro de 2015, após uma lesão sofrida por Robbie Lawler que faria o evento principal.[11]

O clima de tensão resultado da quente encarada na pesagem ficou claro antes mesmo do início da luta, onde Ronda Rousey se mostrou nervosa e revoltada com Holm inclusive se recusou a tocar as luvas antes de Herb Dean autorizar que o combate começasse. Diferentemente de suas últimas lutas, Ronda viu sua trocação ser colocada constantemente à prova. Ex-campeã de boxe, Holly conseguiu desferir bons socos no rosto da campeã, acertando 29 de 38 socos na face de Ronda. Com uma esquiva rápida, Holly mantinha a luta na longa distância e tentava soltar golpes exponenciais. No segundo round, após uma esquiva, Holm acertou com um chute de esquerda que mandou Ronda para o chão e foi para cima com uma série de golpes que só terminou com a interrupção de Herb Dean. Sagrando Holm a nova Campeã Peso Galo Feminino do UFC e uma das maiores zebras da história do UFC.[12] Depois de ótima atuação, Holm foi premiada duas vezes com a Luta da Noite e Performance da Noite.[13]

Derrota para Miesha Tate e perda de Cinturão[editar | editar código-fonte]

No dia 5 de março de 2016, Holm enfrentou a ex-campeã do Strikeforce Miesha Tate no UFC 196. No último round quando a vitória parecia garantida, Tate encurtou a distância e agarrou as costas de Holly Holm, conseguindo uma queda e finalização por mata-leão. Holm tentou resistir mas ficou inconsciente aos 3:30 minutos, quebrando a invencibilidade de Holly.

Holm enfrentou Valentina Shevchenko em 23 de Julho de 2016 no UFC on Fox: Holm vs. Shevchenko. Holly não voltou bem como vinha lutando anteriormente, ela perdeu para Shevchenko por decisão unânime, somando assim sua segunda derrota na carreira do MMA.

Holm enfrentou Beth Correia em 17 de Junho de 2017 no UFC Singaputa: Holm vs. Correia.Uma luta que começou monótona e terminou numa redenção em grande estilo. A ex-campeã peso-galo do UFC, Holly Holm, acabou com uma série de três derrotas seguidas e venceu com um grande nocaute a brasileira Bethe Correia, na luta principal do card de Singapura. A vitória veio com 1m09 do terceiro round, e Bethe tinha acabado de provocar a rival quando a resposta veio em forma de um chute em cheio no rosto da brasileira, que a levou à lona. Holly só precisou desferir mais dois golpes no chão para encerrar o duelo. Um belíssima vitória.

Vida Pessoal[editar | editar código-fonte]

Holm mantem uma relação muito próxima a família. Seu pai sempre esteve presente em suas lutas desde a época do boxe, estando sempre no córner durante as lutas. Atualmente ela e o pai são sócios de uma empresa imobiliária.

No ano de 2012, Holm casou-se com Jeff Kirkpatrick.

Títulos e feitos[editar | editar código-fonte]

Boxe[editar | editar código-fonte]

    • 16 defesas de títulos em 3 diferentes categorias
  • World Boxing Federation
Holly Holm com Floyd Mayweather.
    • WBF Campeã meio-médio do mundo (uma vez)[14]
    • WBF Campeã do torneio meio-médio (uma vez)[15]
    • 2012 Lutadora do ano[16]
    • 2012 Luta feminine do ano vs. Anne Sophie Mathis on June 15[16]
    • Campeã meio-médio do mundo (uma vez)[17]
    • WBAN Campeã Jr meio-médio do mundo (uma vez)[18]
    • WBAN Campeã Jr peso do médio do mundo[19]
    • 2012 Melhor retorno do ano[20]
    • 2011 Luta do ano vs. Anne Sophie Mathis on December 2[21]
    • 2010 Lutadora do ano[22]
    • 2009 Lutadora mais bem sucedida do ano[23]
    • 2008 Maiores triunfos do ano[24]
    • 2007 Lutadora do ano [25]
    • 2007 Maior boxeadora do ano[25]
    • 2006 Maior boxeadora do ano[26]
    • 2005 Maior promessa do ano[27]
    • Campeã meio-médio do mundo (uma vez) [28]
    • NABF Campeonato de peso ligeiro (Uma vez)[29]
    • GBU Campeã meio-médio[28]
    • WIBA Campeã do torneio ligeiro[30]
    • WIBA Campeã do torneio ligeiro[28]
    • IFBA Campeã dos meio-médios[28]
    • IFBA Campeã dos médios-ligeiros[31]
    • 2006 Lutadora do ano[32]
    • WBA Campeã dos meio-médios[33]
    • IBA Três vezes campeã dos torneios meio-médios[17][28]
    • IBA Três vezes campeã dos pesos ligeiros[34][35][36]
  • The Ring
    • 2013 Hall da fama do boxe[37]
    • 2010 Lutadora do ano[38]
    • 2009 Lutadora do Ano[38]
    • 2008 Lutadora do Ano[38]
    • 2007 Lutadora do Ano[38]
    • 2006 Lutadora do Ano[38]
    • 2005 Lutadora do Ano[38]

Kickboxing[editar | editar código-fonte]

    • IKF/Ringside 2001 USA Campeã amadora de kickboxing[39]

MMA[editar | editar código-fonte]

  • WMMA Press Association
    • 2013 Nocaute do ano vs. Allanna Jones on July 19[40]
  • Bleacher Report
    • 2013 WMMA Nocaute do ano vs. Allanna Jones on July 19[41]
  • BloodyElbow.com
    • 2013 Nocaute do ano vs. Allanna Jones on July 19[42]

Cartel no MMA[editar | editar código-fonte]

Res. Cartel Oponente Método Evento Data Round Tempo Local Notas
Vitória 13-5 Estados Unidos Raquel Pennington Decisão (unânime) UFC 246: McGregor vs. Cowboy 18/01/2020 3 5:00 Estados Unidos Las Vegas, Nevada
Derrota 12-5 Brasil Amanda Nunes Nocaute Técnico (chute na cabeça e socos) UFC 239: Jones vs. Santos 06/07/2019 1 4:10 Estados Unidos Las Vegas, Nevada Retorno ao Peso Galo. Pelo Cinturão Peso Galo Feminino do UFC.
Vitória 12-4 Austrália Megan Anderson Decisão (unânime) UFC 225: Whittaker vs. Romero II 09/06/2018 3 5:00 Estados Unidos Chicago, Illinois
Derrota 11-4 Brasil Cristiane Justino Decisão (unânime) UFC 219: Cyborg vs. Holm 30/12/2017 5 5:00 Estados Unidos Las Vegas, Nevada Retorno ao Peso Pena; Pelo Cinturão Peso Pena Feminino do UFC; Luta da Noite.
Vitória 11-3 Brasil Bethe Correia Nocaute (chute na cabeça e soco) UFC Fight Night: Holm vs. Correia 17/06/2017 3 1:09 Singapura Kallang Retorno ao Peso Galo; Performance da Noite.
Derrota 10-3 Países Baixos Germaine de Randamie Decisão (unânime) UFC 208: Holm vs. de Randamie 11/02/2017 5 5:00 Estados UnidosBrooklyn, New York Estreia no Peso Pena; Pelo Cinturão Inaugural Peso Pena Feminino do UFC.
Derrota 10-2 Quirguistão Valentina Shevchenko Decisão (unânime) UFC on Fox: Holm vs. Shevchenko 23/07/2016 5 5:00 Estados UnidosChicago, Illinois
Derrota 10-1 Estados Unidos Miesha Tate Finalização Técnica (mata leão) UFC 196: Mcgregor vs Diaz 05/03/2016 5 3:30 Estados Unidos Las Vegas, Nevada Perdeu o Cinturão Peso Galo Feminino do UFC
Vitória 10-0 Estados Unidos Ronda Rousey Nocaute (chute na cabeça e socos) UFC 193: Rousey vs. Holm 14/11/2015 2 0:59 Austrália Melbourne Ganhou o Cinturão Peso Galo Feminino do UFC; Luta e Performance da Noite
Vitória 9-0 Estados Unidos Marion Reneau Decisão (unânime) UFC Fight Night: Mir vs. Duffee 15/07/2015 3 5:00 Estados Unidos San Diego, California
Vitória 8-0 Estados Unidos Raquel Pennington Decisão (dividida) UFC 184: Rousey vs. Zingano 28/02/2015 3 5:00 Estados Unidos Los Angeles, California Estréia no UFC.
Vitória 7-0 Brasil Juliana Werner Nocaute Técnico (chute na cabeça e socos) Legacy FC 30: Holm vs. Werner 04/04/2014 5 1:50 Estados Unidos Albuquerque, New Mexico Ganhou o Cinturão Peso Galo do Legacy.
Vitória 6-0 Estados Unidos Angela Hayes Decisão (unânime) Fresquez Productions: Havoc 06/12/2013 3 5:00 Estados Unidos Albuquerque, New Mexico
Vitória 5-0 Estados Unidos Nikki Knudsen Nocaute Técnico (chute lateral no corpo e joelhadas) Legacy FC 24: Feist vs. Ferreira 11/10/2013 2 1:18 Estados Unidos Dallas, Texas
Vitória 4-0 Estados Unidos Allanna Jones Nocaute (chute na cabeça) Legacy FC 21: Huerta vs. Hobar 19/07/2013 2 2:22 Estados Unidos Houston, Texas
Vitória 3-0 Estados Unidos Katie Merrill Nocaute Técnico (socos) Bellator 91 28/02/2013 2 3:02 Estados Unidos Rio Rancho, New Mexico
Vitória 2-0 Estados Unidos Jan Finney Nocaute Técnico (chute no corpo) Fresquez Productions: Clash in the Cage 09/09/2011 3 2:49 Estados Unidos Albuquerque, New Mexico
Vitória 1-0 Estados Unidos Christina Domke Nocaute Técnico (chutes na perna) Fresquez Productions: Double Threat 04/03/2011 2 3:58 Estados Unidos Albuquerque, New Mexico

Cartel no Kickboxing[editar | editar código-fonte]

Cartel no Kickboxing

Cartel no Boxe[editar | editar código-fonte]

33 Vitórias (9 nocautes, 23 decisões), 2 Derrotas, 3 Empates
Res. Recorde Oponente Método Tempo Data Localização Notas
Vitória 33-2-3 Estados Unidos Mary McGee Decisão (unânime) 10 2013-05-11 Novo México Route 66 Casino, Albuquerque, Novo México
Vitória 32-2-3 Austrália Diana Prazak Decisão (unânime) 10 2012-12-07 Novo México Route 66 Casino, Albuquerque, Novo México Venceu o título vago IBA Ligeiro.
Vitória 31-2-3 França Anne Sophie Mathis Decisão (unânime) 10 2012-06-15 Novo México Route 66 Casino, Albuquerque, Novo México Venceu WBF feminino, IBA feminino, & WBAN meio-médio.
Derrota 30-2-3 França Anne Sophie Mathis Nocaute 7 (10), 1:38 2011-12-02 Novo México Route 66 Casino, Albuquerque, Novo México
Vitória 30-1-3 Estados Unidos Victoria Cisneros Decisão (unânime) 10 2011-06-10 Novo México Route 66 Casino, Albuquerque, Novo México
Vitória 29-1-3 Estados Unidos Ann Saccurato Nocaute Técnico 8 (10), 0:51 2010-12-03 Novo México Route 66 Casino, Albuquerque, Novo México
Vitória 28-1-3 Canadá Jaime Clampitt Nocaute Técnico 1 (10), 1:53 2010-08-06 Novo México Hard Rock, Albuquerque, Novo México Venceu o título vago IBA Ligeiros.
Vitória 27-1-3 Estados Unidos Chevelle Hallback Decisão (unânime) 10 2010-03-26 Novo México Isleta Casino & Resort, Albuquerque, Novo México Won o título WIBA Ligeiros
Vitória 26-1-3 Estados Unidos Victoria Cisneros Decisão (unânime) 10 2009-12-04 Novo México Isleta Casino & Resort, Albuquerque, Novo México Venceu o título NABF Ligeiro
Vitória 25-1-3 Estados Unidos Terri Blair Decisão (unânime) 10 2009-08-28 Novo México New Mexico Highlands University, Las Vegas, Novo México
Vitória 24-1-3 Brasil Duda Yancovich Nocaute Técnico 4 (10), 0:32 2009-06-05 Novo México Isleta Casino & Resort, Albuquerque, Novo México
Vitória 23-1-3 França Myriam Lamare Decisão (unânime) 10 2009-01-23 Novo México Isleta Casino & Resort, Albuquerque, Novo México
Empate 22-1-3 Estados Unidos Mary Jo Sanders Decisão (majoritária) 10 2008-10-17 Michigan The Palace, Auburn Hills, Michigan
Vitória 22-1-2 Estados Unidos Mary Jo Sanders Decisão (unânime) 10 2008-06-13 Novo México Isleta Casino & Resort, Albuquerque, Novo México
Vitória 21-1-2 Porto Rico Belinda Laracuente Decisão (unânime) 10 2008-02-07 Califórnia Pechanga Resort & Casino, Temecula, Califórnia
Vitória 20-1-2 Estados Unidos Miriam Brakache Nocaute Técnico 7 (10), 1:40 2008-01-11 Novo México Isleta Casino & Resort, Albuquerque, Novo México
Vitória 19-1-2 Estados Unidos Angelica Martinez Decisão (unânime) 10 2007-09-21 Novo México Santa Ana Star Casino, Bernalillo, Novo México Venceu o título IBA Meio-médio
Vitória 18-1-2 Estados Unidos Chevelle Hallback Decisão (unânime) 10 2007-05-23 Novo México Tingley Coliseum, Albuquerque, Novo México
Vitória 17-1-2 Estados Unidos Ann Saccurato Decisão (unânime) 10 2007-03-22 Novo México Isleta Casino & Resort, Albuquerque, Novo México
Vitória 16-1-2 Estados Unidos Tricia Turton Decisão (unânime) 10 2006-12-01 Novo México Isleta Casino & Resort, Albuquerque, Novo México Venceu o título IFBA médio-ligeiro
Vitória 15-1-2 Inglaterra Jane Couch Decisão (unânime) 10 2006-09-23 Novo México Isleta Casino & Resort, Albuquerque, Novo México
Vitória 14-1-2 Estados Unidos Angelica Martinez Decisão (unânime) 10 2006-06-10 Novo México Isleta Casino & Resort, Albuquerque, Novo México Venceu o título inaugural de WBA meio-médio
Vitória 13-1-2 Estados Unidos Shadina Pennybaker Nocaute Técnico 7 (10), 0:57 2006-02-24 Novo México Isleta Casino & Resort, Albuquerque, Novo México
Vitória 12-1-2 Estados Unidos Mia St. John Decisão (unânime) 10 2005-12-08 Novo México Isleta Casino & Resort, Albuquerque, Novo México
Vitória 11-1-2 Estados Unidos Christy Martin Decisão (unânime) 10 2005-09-16 Novo México Isleta Casino & Resort, Albuquerque, Novo México
Vitória 10-1-2 Estados Unidos Lisa Lewis Nocaute Técnico 8 (10), 3:00 2005-06-24 Novo México Isleta Casino & Resort, Albuquerque, Novo México
Vitória 9-1-2 Estados Unidos Gloria Ramirez Decisão (unânime) 4 2005-04-15 Novo México Tingley Coliseum, Albuquerque, Novo México
Vitória 8-1-2 Estados Unidos Terri Blair Decisão (unânime) 10 2004-12-10 Novo México Isleta Casino & Resort, Albuquerque, Novo México Venceu o título inaugural dos ligeiros.
Derrota 7-1-2 Itália Rita Turrisi Nocaute Técnico 4 (6) 2004-06-27 Novo México Sandia Casino, Albuquerque, Novo México
Empate 7-0-2 Estados Unidos Angelica Martinez Decisão (majoritária) 6 2004-05-15 Colorado Sky Ute Casino, Ignacio, Colorado
Vitória 7-0-1 Estados Unidos Janae Archuleta Nocaute Técnico 1 (6) 2004-04-10 Novo México Convention Center, Albuquerque, Novo México
Vitória 6-0-1 Estados Unidos Angelica Martinez Decisão (unânime) 6 2003-12-12 Novo México Kiva ADecisão (unânime)itorium, Albuquerque, Novo México
Empate 5-0-1 Estados Unidos Stephanie Jaramillo PTS 6 2003-10-03 Novo México Sandia Casino, Albuquerque, Novo México
Vitória 5-0 Estados Unidos Stephanie Jaramillo Decisão (majoritária) 4 2003-08-26 Novo México Sandia Casino, Albuquerque, Novo México
Vitória 4-0 Estados Unidos Bonnie Mann Decisão (unânime) 4 2002-09-06 Novo México Santa Ana Star Casino, Albuquerque, Novo México
Vitória 3-0 Estados Unidos Martha Deitchman Decisão (unânime) 4 2002-08-17 Novo México Santa Ana Star Casino, Albuquerque, Novo México
Vitória 2-0 Estados Unidos Terrie Carrillo Nocaute Técnico 1 (4), 2:36 2002-06-21 Novo México Sky City Casino, Acoma, Novo México
Vitória 1-0 Estados Unidos Martha Deitchman Nocaute Técnico 3 (4) 2002-01-25 Novo México Isleta Casino & Resort, Albuquerque, Novo México Luta de estréia

Carreira artística[editar | editar código-fonte]

Televisão[editar | editar código-fonte]

Ano Título Papel Notas
2010 Knockout Sportsworld Ela mesmo Episodio: "Throwing Bombs"

Filmografia[editar | editar código-fonte]

Ano Título Papel Notas
2016 Fight Valley

Referências

  1. http://www.ufc.com.br/fighter/holly-holm
  2. http://esportes.estadao.com.br/noticias/lutas,desconhecida--holly-holm-soma-18-titulos-mundiais-de-boxe,1797145
  3. http://www.fighters.com/10/15/boxing-champion-hottie-holly-holm-will-make-her-mma-debut-in-2011/
  4. http://www.bloodyelbow.com/2011/3/5/2031383/holly-holm-wins-mma-debut-via-tko
  5. http://www.sherdog.com/news/news/Boxing-Champion-Holm-Stops-Finney-with-Kick-in-Albuquerque-35466
  6. http://www.sherdog.com/news/news/Attila-Vegh-Dethrones-Christian-MPumbu-Takes-Light-Heavyweight-Title-at-Bellator-91-50517
  7. http://www.mmarising.com/articles/2013/07/19/holly-holm-knocks-out-allanna-jones-at-legacy-fc-21-in-texas
  8. http://www.mmarising.com/articles/2013/10/14/weekend-recap-holly-holm-ashlee-evans-smith-earn-tko-wins/
  9. «Cópia arquivada». Consultado em 7 de abril de 2014. Arquivado do original em 8 de abril de 2014 
  10. «Holly Holm suffers neck injury, out of UFC debut opposite Raquel Pennington». mmajunkie.com. 13 de novembro de 2014 
  11. «Lawler se lesiona e Rousey x Holm fazem luta principal do UFC Austrália». combate.com. 29 de Agosto de 2015 
  12. http://esporte.uol.com.br/mma/ultimas-noticias/2015/11/15/ufc-193---ronda-rousey-x-holly-holm.htm
  13. http://sportv.globo.com/site/combate/noticia/2015/11/apos-faturar-cinturao-holly-holm-leva-dois-premios-de-50-mil-dolares-do-ufc.html
  14. Baum, Clive. «Holly Holm Wins Second WBF World Title». WorldBoxingFederation.net 
  15. Baum, Clive. «Holm Dethrones Mathis, Mohammedi Beats Ngumbu». WorldBoxingFederation.net 
  16. a b «2012 World Boxing Federation Awards». WorldBoxingFederation.net 
  17. a b Cozzone, Chris. «Holm outworks Mathis in rematch». FightNews.com. Consultado em 15 de novembro de 2015. Arquivado do original em 16 de janeiro de 2014 
  18. Rivera, Andy. «Holm Halt's Saccurato». SecondsOut.com 
  19. Fox, Sue. «WBAN makes its own History!». WomenBoxing.com 
  20. «2012 WBAN Yearly Awards». WomenBoxing.com 
  21. «2011 WBAN Yearly Awards». WomenBoxing.com 
  22. «2010 WBAN Yearly Awards». WomenBoxing.com 
  23. «2009 WBAN Yearly Awards». WomenBoxing.com 
  24. «2008 WBAN Yearly Awards». WomenBoxing.com 
  25. a b «2007 WBAN Yearly Awards». WomenBoxing.com 
  26. «2006 WBAN Yearly Awards». WomenBoxing.com 
  27. «2005 WBAN Yearly Awards». WomenBoxing.com 
  28. a b c d e Cozzone, Chris. «Holm, Sweet Holm!». NewMexicoBoxing.com. Consultado em 15 de novembro de 2015. Arquivado do original em 3 de março de 2016 
  29. Diamond, Jill. «HNABF Female Survives a TKO». NABFNews.com. Consultado em 15 de novembro de 2015. Arquivado do original em 17 de novembro de 2015 
  30. «Holm and Cisneros both win by decisions». WomenBoxing.com 
  31. Cozzone, Chris. «Holm is where the hurt is». NewMexicoBoxing.com. Consultado em 15 de novembro de 2015. Arquivado do original em 5 de dezembro de 2006 
  32. «Holly Holm-Ann Saccurato Bout Headlines Championship Night of Boxing March 22». EastsideBoxing.com. Consultado em 15 de novembro de 2015. Arquivado do original em 16 de janeiro de 2014 
  33. «Holm Wins WBA Belt!». WomenBoxing.com 
  34. Cozzone, Chris. «Smashing! Holly Holm gives her finest performance yet with a ten round decision over tough Terri Blair for vacant Women's IBA belt». NewMexicoBoxing.com. Consultado em 15 de novembro de 2015. Arquivado do original em 4 de novembro de 2014 
  35. Owen, Mary Ann. «Holm Wins by TKO after Clampitt Dislocates Shoulder in first Round». WomenBoxing.com 
  36. «Fire and Ice: Holm vs. Prazak – Live Results». SWFight.com 
  37. «Austin Trout, four others inducted into New Mexico Boxing Hall Of Fame». LCSun-News.com. Consultado em 15 de novembro de 2015. Arquivado do original em 16 de janeiro de 2014 
  38. a b c d e f «New Mexico Boxing's Fighter of the Year». NewMexicoBoxing.com. Consultado em 15 de novembro de 2015. Arquivado do original em 27 de abril de 2014 
  39. «2001 IKF USA National Amateur Championship Tournament». IFKKickboxing.com 
  40. «2013 WMMA Awards Nominees & Results». WMMARoundup.com 
  41. Ciccarelli, Mitchell. «2013 Women's MMA Year-End Awards». BleacherReport.com 
  42. Lau, Eriksson. «2013 Bloody Elbow WMMA Awards Results: Best Knockout». BloodyElbow.com 
Precedido por:
Estados Unidos Ronda Rousey
campeão do peso-galo feminino do UFC
15 de novembro de 2015 – 5 de março de 2016
Sucedido por:
Estados Unidos Miesha Tate