Holy Holy

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
"Holy Holy"
Capa da edição alemã do single.
Single de David Bowie
Lado B "Black Country Rock"
Lançamento 12 de janeiro de 1971
Formato(s) Vinil - 45 rpm
Gênero(s) Glam rock e Art rock
Duração 3:13
Gravadora(s) Mercury Records
Composição David Bowie
Produção Blue Mink
Cronologia de singles de David Bowie
"Memory of a Free Festival"
(1970)
"Moonage Daydream"
(1971)

"Holy Holy" é uma canção do músico britânico David Bowie, originalmente lançada como single janeiro de 1971. Foi gravada em novembro de 1970,[1] após a finalização de The Man Who Sold the World, devido à evidente ausência de um single óbvio vindo do álbum. Como os dois singles anteriores e Bowie, a canção falhou comercialmente e não entrou para as paradas.

Na época, Marc Bolan, do T. Rex, era uma fonte significante de inspiração para Bowie. Nesta faixa, segundo Roy Carr e Charles Shaar Murray, editores da NME, "A influência de Bolan é tão presente que quase se torna um caso de possessão demoníaca".[2] O Lado B do single também é uma canção muito influenciada pelo T. Rex, "Black Country Rock". Bowie tocou "Holy Holy" na Granada Television (Reino Unido) usando um vestido[3] que também seria usado na capa da edição britânica do disco The Man Who Sold the World.

Uma versão mais enérgica da faixa foi gravada em 1971 para o álbum The Rise and Fall of Ziggy Stardust and the Spiders from Mars.[3] Embora tenha sido excluída do álbum, a faixa foi lançada como Lado B de "Diamond Dogs", em 1974. Essa versão também foi lançada como faixa bônus na reedição da Rykodisc de The Man Who Sold the World, em 1990 (apesar do encarte indicar que é a versão original), assim como no disco da reedição Ziggy Stardust – 30th Anniversary, de 2002. O próprio Bowie vetou a inclusão da versão original, preferindo a segunda, e o single de 1974 permaneceu a única versão oficial da faixa até 2015, quando foi lançada a versão original na parte Re:Call 1 da coletânea Five Years (1969–1973).

Faixas[editar | editar código-fonte]

  1. "Holy Holy" (Bowie) – 3:13
  2. "Black Country Rock (Bowie) – 3:05

Créditos[editar | editar código-fonte]

  • Produtores:
    • Herbie Flowers em "Holy Holy" (creditado como Blue Mink)
    • Tony Visconti em "Black Country Rock"
  • Músicos:
    • David Bowie: vocais, guitarra
    • Mick Ronson guitarra em "Holy Holy"
    • Herbie Flowers: baixo em "Holy Holy"
    • Barry Morgan: bateria em "Holy Holy"
    • Mick Ronson: guitarra em "Black Country Rock"
    • Tony Visconti: baixo em "Black Country Rock"
    • Mick Woodmansey: bateria em "Black Country Rock"

Referências[editar | editar código-fonte]

  1. Kevin Cann (2010). Any Day Now - David Bowie: The London Years: 1947-1974: p.199
  2. Roy Carr & Charles Shaar Murray (1981). Bowie: An Illustrated Record: pp.32,36
  3. a b David Buckley (1999) Strange Fascination - David Bowie: The Definitive Story: pp.97-98,119

Ligações externas[editar | editar código-fonte]