Hospital Infantil Joana de Gusmão

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Hospital Infantil Joana de Gusmão
Localização Rua Rui Barbosa, 152, Agronômica, Florianópolis, SC,
 Brasil
Fundação 26 de fevereiro de 1964 (55 anos) (como Hospital Infantil Edith Gama Ramos)

13 de março de 1979 (40 anos) (como Hospital Infantil Joana de Gusmão)

Sistema de saúde SUS
Tipo Público
Especialidades Pediatria
Site hijg.saude.sc.gov.br
editar

O Hospital Infantil Joana de Gusmão (HIJG ou ainda HI), é um hospital público de Florianópolis, destinado exclusivamente ao atendimento pediátrico. Fica na Agronômica, na região central da cidade.

Histórico[editar | editar código-fonte]

Entre 1939 a 1962, chegaram a Santa Catarina vários pediatras com o objetivo de fundar e organizar a pediatria catarinense. Com esse movimento, o Hospital Infantil Edith Gama Ramos, próximo a Maternidade Carmela Dutra, foi fundado em 1964, sendo o primeiro da cidade especializado em pediatria. Um convênio com a Universidade Federal de Santa Catarina permitiu a criação da Residência Médica em Pediatria, e as enfermeiras do hospital tiveram influência direta na criação do curso de Enfermagem da UFSC.

Em 1977, começa a ser construído o sucessor do Edith Gama Ramos. Inaugurado em 13 de março de 1979 com um novo nome - da beata Joana de Gusmão, que fundou a capela onde hoje fica o Hospital de Caridade - o novo Hospital Infantil foi, na época, o maior da América Latina em tamanho e complexidade, encerrando as atividades de seu antecessor.[1]

Estrutura[editar | editar código-fonte]

O Hospital Infantil Joana de Gusmão tem uma área de 22.000 m²,, contando com 126 leitos de internação e ambulatórios especializados - Geral, Hospital Dia, Oncologia e Cirúrgico - além de berçário, emergência interna, setor de isolamento, oncologia, ortopedia, ala de queimados, UTI geral e UTI neonatal. Nos últimos anos o hospital tem sido atingido pela crise financeira da saúde catarinense, chegando a setores serem suspensos por falta de material.[2] Ainda assim, o HI é considerado um dos oito melhores hospitais de criança e do ensino de pediatria e suas especialidades da América Latina.[1]

Desde o surgimento do Edith Gama Ramos até 2014, quando o Hospital Infantil fez 50 anos, foram realizados mais de 4,2 milhões de atendimentos na emergência; 3,4 milhões de atendimentos ambulatoriais e 190 mil cirurgias.[3]

Referências